24 de agosto de 2013

Uma Longa Jornada - Nicholas Sparks

Livro: Uma Longa Jornada (The Longest Ride)
Autor: Nicholas Sparks
Número de Páginas: 368
Editora: Arqueiro (parceria)
Compre aqui.

Sinopse: Aos 91 anos, com problemas de saúde e sozinho no mundo, Ira Levinson sofre um terrível acidente de carro. Enquanto luta para se manter consciente, a imagem de Ruth, sua amada esposa que morreu há nove anos, surge diante dele. Mesmo sabendo que é impossível que ela esteja ali, Ira se agarra a isso e relembra diversos momentos de sua longa vida em comum: o dia em que se conheceram, o casamento, o amor dela pela arte, os dias sombrios da Segunda Guerra Mundial e seus efeitos sobre eles e suas famílias.
Perto dali, Sophia Danko, uma jovem estudante de história da arte, acompanha a melhor amiga a um rodeio. Lá, é assediada pelo ex-namorado e acaba sendo salva por Luke Collins, o caubói que acabou de vencer a competição.
Ele e Sophia começam a conversar e logo percebem como é fácil estarem juntos. Luke é completamente diferente dos rapazes privilegiados da faculdade. Ele não mede esforços para ajudar a mãe e salvar a fazenda da família. Aos poucos, Sophia começa a descobrir um novo mundo e percebe que Luke talvez tenha o poder de reescrever o futuro que ela havia planejado. Isso se o terrível segredo que ele guarda não puser tudo a perder.
Ira e Ruth. Luke e Sophia. Dois casais de gerações diferentes que o destino cuidará de unir, mostrando que, para além do desespero, da dificuldade e da morte, a força do amor sempre nos guia nesta longa jornada que é a vida.
Como transmitir em palavras um livro que é simplesmente maravilhoso? Não sei, vou tentar transmitir aqui tudo que senti ao ler Uma Longa Jornada.

O livro inicia com a história de Ira Levinston, ele tem noventa e um anos e no momento está entre as ferragens do seu carro, pois acaba de sofrer um acidente. Sua perspectiva de ser salvo é mínima, já que quase ninguém passa pela a estrada onde o carro capotou e o pior é que está fazendo muito frio e em alguns momentos nevando.

Logo somos apresentados a Sophia, universitária que está passando por um momento bem conturbado, pois descobre pela terceira vez que seu namorado a estava traindo. Brian, o ex, a está perseguindo em qualquer lugar que ela vá, mas mesmo assim ela decide acompanhar sua colega de quarto numa festa de rodeio. Na festa Brian aparece e a encurrala querendo reatar o namoro dizendo estar arrependido, Sophia por sua vez não acreditou nele e o manda ir embora, porém ele não obedece sua ordem, começa a fazer ameaças e neste momento aparece Luke.

Luke um caubói maravilhoso que foi o vencedor do rodeio salva Sophia de Brian, logo eles começam a conversar e quando percebem o tempo passou e eles estão se dando muito bem.

Personagens:
Ira é um senhor simpático e bem idoso, perdeu sua esposa há algum tempo e quase não se conforma em viver sozinho, já que não tem filhos e parentes vivos. Durante sua vida junto com a esposa Ruth, acumulou uma inestimável coleção de arte.
Sophia é uma jovem simpática e cheia de vida, gostei bastante dela. É estudiosa e está tentando encontrar um trabalho.
Luke (suspiros e mais suspiros) um caubói, ele tem um jeito de menino tímido o que me encantou, é um pouco reservado, mas com Sophia a conversa flui naturalmente. Mora com a mãe numa fazenda e os poucos está voltando a competir nos circuitos de rodeio.

Confesso a vocês que quando li a sinopse deste livro, pensei que não seria muito legal. Ainda bem que eu estava enganada e digo que este é meu favorito de Sparks.

O livro é narrado em  capítulos alternados entre Ira, Sophia e Luke. Quando iniciei a leitura achei estranho e fiquei pensando em como a vida destas três pessoas iriam se cruzar. No tempo em que Ira fica preso no carro, ficamos sabendo de toda sua jornada, desde a adolescência, ele tem “alucinações” com Ruth e juntos eles nos narram a história da vida deles, é emocionante, tantos percalços que eles passaram e ainda assim foram muito felizes. A relação entre Sophia e Luke acontece paralelamente a isso, na verdade a história dos dois no livro se inicia quatro meses antes do acidente e vai sendo narrada até ser cruzada com a de Ira.

O que me encantou neste livro, foi a relação sincera entre Luke e Sophia, eles são completamente diferentes. Ele a leva para a fazenda para conhecê-la e passarem algum tempo juntos e lá, nos leitores somos agraciados com uma completa exuberância: cavalos, cachoeiras, noites estreladas e ainda tem o fato de Luke ser caubói que dá todo um charme ao livro. Vocês devem achar que estou divagando, mas apesar de morar numa grande capital, sou apaixonada por fazenda e fiquei imaginando-me no lugar de Sophia. O relacionamento dela com Luke vai acontecendo gradativamente e quando nós leitores estamos suspirando apaixonados, Sparks larga uma bomba no meio do livro e nos faz ficar com o coração na mão. Ainda temos a relação entre mãe e filho, no caso Luke e Linda, é triste e emocionante tudo que uma mãe é capaz de fazer por um filho.

Quanto ao trabalho da Editora Arqueiro, está maravilhoso. Quando foi divulgada a capa eu não havia gostado muito, mas agora depois de ler o livro vejo que ela é perfeita.

Muitos não vão querer ler o livro por achar que o autor só escreve histórias clichês e tristes, mas não se engane caro leitor, este livro é lindo, com uma bela história, com belos personagens e lugares que irá te fazer sonhar. 

E no final, ele faz com que as histórias sejam entrelaçadas de uma maneira perfeita, nos ensinando mais uma bela lição.

- Qual o nome do seu cavalo?
- Cavalo.
Sophia esperou pela piada, mas não havia nenhuma.
- Você chama seu cavalo de “Cavalo”?
- Ele não se incomoda.
Deveria dar-lhe um nome nobre. Como príncipe, Mestre ou algo assim.
- Isso poderia confundi-lo.
Acredite, qualquer coisa é melhor que Cavalo. É como dar a um cachorro o nome de Cachorro. 
A família sempre está presente, haja o que houver, mesmo quando não está na porta ao lado. O que significa que você encontrará um modo de manter a conexão viva. Especialmente porque percebe o quanto isso é importante. 
Entendo que o amor e a tragédia andam de mãos dadas, porque não podem existir sozinhos, mas ainda assim me pergunto se a troca é justa. Acho que um homem deveria morrer como viveu: em seus últimos momentos, deveria estar cercado e ser confortado por aqueles que sempre amou.
Mas já sei que em meus últimos momentos estarei só.
Respirou fundo. As mãos ainda estavam boas. Ele estava tão pronto quanto algum dia estaria. Abrindo a porta, pisou na terra dura e olhou para cima, na direção do céu escuro. Viver ou morrer. Era isso que tudo se resumia. Preparando-se para a caminhada até a arena, perguntou-se o que aconteceria. 

Leitura recomendada.


27 comentários

  1. Nicholas Sparks sabe como tocar na alma. Eu sou suspeita para falar dos livros dele pois invariavelmente gosto de tudo.
    Ainda não tive a oportunidade de ler este, mas com certeza o farei.

    Beijo, Van - Blog do Balaio
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Nossa, se entre tantos livros do escritor esse se tornou o seu preferido, realmente deve ser ótimo! Eu adoro histórias que os capítulos alternam entre os personagens, acho que conseguimos ver melhor os pontos de vista de cada um! Ótima resenha!


    Abraços, Isabela.

    www.universodosleitores.com

    ResponderExcluir
  3. Oie!

    Os livros do Nicolas são sempre emocionantes, né? Até agora eu só li dois, pretendo ler outros...
    Adorei sua resenha!

    Beijos*

    ResponderExcluir
  4. Sou suspeita para falar de Nicholas Sparks, pois amo suas histórias!

    Amo livros que apresentam todos os personagens, onde conhecemos um pouco de cada um!

    Adorei sua resenha!

    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Eu não esperaria nada menos de um livro do Nicholas, mas o que me surpreendeu foi ele ter se tornado seu favorito. Isso me deixa ainda mais ansiosa para conhecer a história e seus personagens maravilhosos. E ouso dizer (pelo que entendi), que o cenário é quase um personagem a mais na história. Espero conseguir comprar em breve!
    bjs

    ResponderExcluir
  6. Amo demais Nicholas Sparks, leio as histórias dele a muito tempo, antes dessa onda dele por aqui lia em e-book e era super dificil achar qualquer coisa, fico apaixonada pelos livros dele e claro que vou ler esse, quero muito poder ver ele na Bienal se der pego autografo.

    ResponderExcluir
  7. Meu deus, quero tanto ler esse livro!!
    Amo os livros do Nicholas Sparks, e esse parece ser mais um best-seller!
    Ótima resenha! Me deixou super ansiosa para lê-lo!
    Beijos,
    http://addictiononbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oieee, gostei da sua resenha e tenho lido muitos comentários ótimos sobre esse livro. Não quero tentar lê-lo pois não gosto da escrita do Nicholas.

    Beijos, @_RayPereira
    http://porredelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Gosto muito dos livros do Tio Nick, mesmo os mais clichês. E esse parece ser emocionante e que deixa uma mensagem para o leitor. Quero muito ler.

    ResponderExcluir
  10. Estou louca para ler esse livro. Comprei ele por o Nicholas vem a minha cidade, mas ainda não tive tempo de ler. A sua resenha me deixou muito curiosa.

    ResponderExcluir
  11. Estou louca para ler esse livro. Comprei ele por o Nicholas vem a minha cidade, mas ainda não tive tempo de ler. A sua resenha me deixou muito curiosa.

    ResponderExcluir
  12. Eu amo os livros do Sparks, a forma dele escrever. Mesmo geral dizendo que é só drama, o cara sabe o que faz e faz bem. Eu tive a mesma impressão, sobre a capa. Fico feliz que no final você gostou da capa e ela fez sentido, fico aliviada também! ^^ Ainda não comprei o livro, mas pretendo! E por sua causa, Ka, já estou suspirando por Luke! u.u kkk

    ResponderExcluir
  13. Faz um bom tempo que não leio nada do Nicholas, apesar de sempre comprar os lançamentos para completar a coleção. Admito que nos últimos tempos fiquei meio enjoada das histórias dele e estava achando tudo muito igual, sem novidades e tal, mas desde o lançamentos de "Uma Longa Jornada", eu fiquei bem curiosa. Ok, ok.... parte dessa curiosidade se deve ao elemento " caubói" da história. hahah Tenho um fraco por bota, espora, chapéu e cinturão ... hahahha

    Estou louca pare ler!

    Beijos,
    Amanda :)
    http://minhasconfissoesfemininas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Gosto muito dos livros do Nicholas, ele escreve muito bem e nos prende até o final do livro *-*
    Preciso lê-lo u-u
    Beijinhos ♥
    http://mydreamsofasummernight.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Mais um sucesso do Nicolas, com certeza!
    Não curti essa capa, :\

    ResponderExcluir
  16. Apesar e não ser super fã de Nicholas Sparks eu gosto bastante dos livros dele, e ele sempre consegue entrelaçar histórias de maneira que no final funciona, mesmo que a gente não saiba muito bem para onde ele está nos levando a princípio ele sempre amarra tudo direitinho.

    ResponderExcluir
  17. Eu amo o Nicholas Sparks, tenho QUASE TODOS, rsrsrs. Não gostei dessas capa, mas como você disse que fará sentido depois que eu ler o livro. E esse livro considero especial por ter dois casais presentes, espero uma estória muito emocionante.

    ResponderExcluir
  18. Impossível não querer saber a continuação deste livro, ne? Li um livro do autor e realmente me apaixonei pela sua escrita e desde o lançamento deste livro ele já está na minha lista de desejados. Quero saber como esses caminhos irão se cruzar.

    ResponderExcluir
  19. Olá!
    Sou suspeita pra falar dos livros do Nicholas, pois sou apaixonada pelas histórias dele.
    Essa é a primeira resenha que leio de Uma Longa Jornada, e simplesmente me encantei pela história, mesmo sem ter lido ainda. Estou curiosa pra saber qual a relação que Sophia e Lucas tem com Ira na história.
    Espero lê-lo em breve!
    Beijos

    ResponderExcluir
  20. Uma amiga muito querida emprestou esse livro para eu ler, mas como adoro ter livrinhos na minha estande, adoraria poder ter esse tbem...
    bjusss

    ResponderExcluir
  21. adoro a ideia desse livro de ter duas histórias de amor, é mto interessante e tenho mta vontade de ler esse livro!

    ResponderExcluir
  22. Amo ler os livro de nicholas...ja tenho quase a coleçao dos livros,amei a resenha super interessante.

    ResponderExcluir
  23. Quando vi a capa, achei meio estranho. Não por acha-la feia(ela é bem bonita), mas porquê ela foge um pouco do padrão da maioria das capas dos livros do Nicholas Sparks. Fora isso, a história mostra mais uma vez que o autor sabe das coisas. Ele sempre com a mesma estrutura para suas tramas, mas que funciona muito bem. Mais um que entro pra minha listinha de próximas aquisições.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  24. Eu amo os livros de Nicholas Sparks, e esse parece ser ótimo, adorei saber que são duas histórias de amor, estou doida pra ler!

    ResponderExcluir
  25. Eu sei que as historias dele é na maioria das vezes clichês, mas e dai? Eu adoooooro! Os personagens desse livro tem cada um suas particularidades, cada um do seu jeito, mas pelo que voce disse, todos são carismáticos e isso numa leitura é imprescindível! Fiquei curiosa pra saber qual a bomba que o tio Nick solta no meio do livro que nos deixa com o coração na mão, agora mais que nunca preciso desse livro pra ontem! Delicinha de resenha, eu adorei! :)

    ResponderExcluir
  26. Eu gosto dos livros de Nicholas Sparks,mas eu acho que esse livro tem tudo para ser bom.
    Amei a sua resenha.
    Beijos,
    Katia Ladislau

    ResponderExcluir
  27. Bem, eu gosto dos livros dele, mas nem tanto, o problema não é nem ser clichê, mas os que li e acho que os outros dele também sempre tem a mesma formula e isso acaba ficando repetitivo. Eu to curiosa pra ler esse, parece com os livros dele mais antigos... também não curti essa capa, nem por não ser bonita, pq fora do país a maioria das capas dos seus livros são assim, só não gostei pq saiu e muito do padrão das outras e como faço coleção...
    Curiosa pra saber como ele entrelaça essas historias.
    Bj

    ResponderExcluir