30 de junho de 2014

Lançamento Geração Editorial - A Cilada de Daniel Polanski

Oi gente, 
A Geração Editorial está lançando A Cilada, continuação do livro O Guardião, eles fazem parte da trilogia Cidade das Sombras.
Confiram:

A Cilada - Daniel Polansky
A Cilada, segundo livro da série, é um livro ágil, absorvente, narrado na primeira pessoa, na tradição dos detetives clássicos como Sam Spade, de Dashiel Hammett, ou Philip Marlowe, de Raymond Chandler, com pitadas do policial do futuro, Dick Deckard, de “Blade Runner — Caçador de Androides”. O Guardião terá que resolver o mistério de uma garota desaparecida na Cidade Baixa, a pedido de seu pai, o general de uma guerra em que ele também esteve como soldado. Um romance que você não conseguirá largar, disposto a solucionar um mistério que vai ficando mais denso a cada nova página.

O livro já está em pré-venda nas Americanas, Shoptime e Submarino.

28 de junho de 2014

Inimigo Sombrio - Cate Tiernan

Livro: Inimigo Sombrio
Série: Amada Imortal #3
Autor (a): Cate Tiernan
Número de Páginas: 322
Editora: Galera Record (parceria)
Compre aqui.

Sinopse: Natasya está de volta a River’s Edge, ainda se recuperando dos eventos traumáticos de Cair das Trevas. E, quem sabe, de um entendimento com Reyn, o gato escandinavo que fez parte da horda que destruiu o castelo de seu clã e matou toda a sua família. Só que quando representantes das oito casas imortais aparecem mortos e drenados de seus poderes, e os irmãos de River chegam ao retiro, ela descobre que há coisas muito mais graves em curso.

RESENHA por Luciana Corrêa da Silva.

Oi gente!

Trago hoje para vocês a resenha do último livro da trilogia Amada Imortal, de Cate Tiernan e publicação da Editora Galera. É tão bom quando podemos, ao chegar o fim, dizer que o final foi perfeito e que tudo correu da melhor forma. Vou contar agora para vocês o porquê de eu ter gostado tanto.

Desde o primeiro livro, ler essa trilogia foi uma aposta. O primeiro livro não foi lá tão empolgante, mas sabe quando aquela história tem tudo pra dar certo? Pois assim foi, resolvi investir, sabendo que o segundo livro era melhor que o primeiro e, acreditem, o terceiro é ainda melhor.

Na minha vida, já precisei: me esconder de invasores sedentos de sangue; passar por pilhas de cadáveres castigados pela peste só para sair da cidade; escapar, por pouco, de uma enchente em cima de um cavalo roubado durante a corrida do ouro; matar um porco-do-mato que estava me atacando (eu tinha a porcaria de uma lança e algumas pedras); conseguir evitar, só no papo, uma série de situações assustadoras com uma série de papéis e identidades falsas; e voltar para River´s Edge...

Estamos no livro Inimigo Sombrio, Nastasya e todo o pessoal que vive na casa de River está apreensivo, pois muitas coisas estranhas andam acontecendo. Tudo começa quando os irmãos de River chegam para tentar expulsar Nas de lá. Eles julgam que a moça traz perigo à irmã e aos que lá vivem. Eles são truculentos e diretos demais... Afinal, foram os mocinhos italianos, bonitos, com sotaque à lá poderoso chefão, que mataram o pai para que pudessem assumir o trono da Casa Italiana e assim tomar de um grande poder.

Pois bem, se já não bastasse tudo o que nossa mocinha desbocada tem de enfrentar, dar de cara o tempo todo com os bonitões mal-humorados e hostis não estava nos planos dela. Para piorar tudo ainda mais, ela consegue de volta o amuleto de sua família e não pode mais esconder de todos que também possui um poder imensurável, através das trevas, herdado de sua família dizimada, a famosa Casa da Islândia, os Ursos.

As coincidências começam justamente com o conserto da joia. Coisas estranhas acontecem, onde animais morrem, janelas explodem e marcas de queimaduras aparecem pelo quintal... Tudo deixa Nas muito estarrecida e, em seu íntimo, ela sente-se culpada por tudo o que acontece. Nada mais é como antes e, para contrabalançar todo o mal, há o maravilhoso guerreiro viking, Reyn, que já nos acompanha desde o início e está cheio de amor pra dar. Acontece que nada do que ocorre entre esses dois é muito fácil de se lidar. As hostilidades acabam, o amor floresce, mas Nas jamais estará preparada para assumir um relacionamento, sob qualquer hipótese isso faz parte dos seus planos.

Ao erguer o olhar, vi Reyn segurando um forcado para limpar as baias. Ele estava usando uma surrada calça cinza de veludo enfiada para dentro das galochas e uma das suas camisas de flanela xadrez. Vi um pedaço de camiseta azul por baixo do colarinho. Percebi que sua pele tinha um bronzeado leve; obviamente, eu sabia disso. Mas acabava de me dar conta de que estávamos no final do inverno, e ele com um leve bronzeado. De forma que essa deveria ser sua cor natural de pele. No corpo todo.

O livro consegue ser ainda mais instigante e rápido de ler que os anteriores. A narrativa é sempre o que se destaca, juntamente com os personagens secundários que são excelentes e muito participativos. Nas está melhor de se acompanhar, como personagem principal. Está mais divertida e menos imatura. Engaja-se em um projeto muito legal, onde muita gente sai beneficiada. Claro, sempre com a ajuda de River, que mesmo sendo pressionada pelos irmãos, não deixa de acreditar na moça e isso tudo vai causando mudanças profundas nessa imortal que viu muita dor e decepção ao longo dos séculos.

Mas ali estava eu, e era onde pretendia ficar. Meu primeiro ato de coragem foi abandonar pessoas; meu terceiro ato de coragem foi ficar com pessoas. E parecia ao mesmo tempo corajoso e incrivelmente idiota, como tantos outros atos de coragem meus.

O mais legal de tudo foi ver a retrospectiva da vida de Nas, que ao contrário de ser chata ou demorada, nos fez entender muito do que ainda estava sem explicação ao longo do enredo. Foi muito recompensador ver seus mais de quatrocentos anos vividos, com suas alegrias e dores. Também foi muito bom ver que tudo isso era um pano encobrindo a verdadeira intenção da autora, que queria nos mostrar mais sobre reabilitação. Refleti sobre as chances que todos merecem e ainda mais sobre a caridade e a bondade e ver, que independente do que você possa fazer, sempre pode resultar em algo bom para alguém.

Bom, espero que tenham gostado! Adoro finalizar séries e trilogias. Beijos.

Trilogia Amada Imortal.
03. Inimigo Sombrio.

Postagem válida para o Top Comentarista junho.

27 de junho de 2014

Um Caso Perdido - Colleen Hoover

Livro: Um Caso Perdido (Hopeless)
Série: Hopeless #01
Autor (a): Colleen Hoover
Número de Páginas: 384
Editora: Galera Record (parceria)
Compre aqui.

Sinopse: Às vezes, descobrir a verdade pode te deixar com menos esperança do que acreditar em mentiras... Em seu último ano de escola, Sky conhece Dean Holder, um rapaz com uma reputação capaz de rivalizar com a dela. Em um único encontro, ele conseguiu amedrontá-la e cativá-la. E algo nele faz com que memórias de seu passado conturbado comecem a voltar, mesmo depois de todo o trabalho que teve para enterrá-las. Mas o misterioso Holder também tem sua parcela de segredos e quando eles são revelados, a vida de Sky muda drasticamente.

Um Caso Perdido é mais um lançamento da Galera Record e da maravilhosa Colleen Hoover.

Sky é uma garota que está prestes a completar dezoito anos, ela é uma pessoa normal, mas sua criação é totalmente diferente da convencional. Sky foi adotada quando tinha cinco anos, sua mãe é avessa a tecnologias, então ela não tem celular, televisão, acesso a internet e durante toda sua vida estudou em casa, somente agora que está iniciando o último ano escolar e depois de implorar muito, sua mãe deixou que ela frequentasse a escola. Sky poderia ser revoltada diante de tantas privações, mas não, ela é feliz, ama sua mãe e seu estilo de vida, tem uma melhor amiga um tanto maluca e seu passatempo preferido é correr.

Sua vida dá uma reviravolta quando um dia ela conhece Holder no mercado, ele a confunde com outra pessoa, mas isso não impede que Sky sinta algo por ele. Por vontade do destino os dois encontram-se novamente e aí surge algo entre eles, mas eles nem imaginam por tudo que terão de passar juntos e talvez nem estejam preparados para a quantidade de segredos que cada um tem.

Minha primeira experiência com a Coollen foi através do livro Métrica, eu amei sua escrita e sua intensidade, mas, não estava preparada para o que encontrei em Um Caso Perdido. No início da minha leitura tudo ia muito bem, mas na metade do livro tudo muda, uma reviravolta que me deixou um pouco chocada, apesar de eu saber o que iria encontrar por já ter lido inúmeras resenhas, o que li mexeu muito comigo. Colleen aborda temas polêmicos, mas ela escreve de uma maneira tão sutil e linda que aposto que não tenha um leitor que não ame esse livro.

Sky foi uma personagem que me surpreendeu muito. Como eu disse antes ela tinha tudo para ser uma pessoa revoltada, mas ao contrário disso, ela é cheia de vida e tem uma força incrível, uma capacidade de enfrentar os problemas que me deixou de queixo caído, há muito tempo eu não conhecia uma protagonista assim.

O relacionamento que surge entre Sky e Holder é lindo. Logo nos primeiros dias que eles passam a conviver a intensidade dos sentimentos é tanta que até Sky se pergunta o que está acontecendo, ela tem medo de entregar seu coração, mas é impossível não gostar de Holder. Ele é um perfeito cavalheiro, lindo, amoroso e acima de tudo intenso e isso tudo deixa Sky confusa sobre o que realmente quer com ele.

Um Caso Perdido é aquele tipo de livro que depois que acabamos de ler fica por dias na nossa cabeça, ficamos analisando todos os acontecimentos e seu desfecho. Eu fiquei muito satisfeita com tudo que aconteceu e se você leu e gostou de Métrica, com certeza irá amar esse.

Um Caso Perdido faz parte de uma série/trilogia (não sei), o próximo livro que conta a história de Holder será publicado ainda esse ano pela Galera Record. O terceiro livro é da Six, amiga de Sky.

Série Hopeless:
01. Um Caso Perdido;
02. Losing Hope;
03. Finding Cinderella.

Enfim, esse livro é maravilhoso e só posso pedir que, por favor, LEIAM! (tentarei um sorteio para incentivar vocês :D).

Estou com raiva dele por vir aqui, mas fico com mais raiva ainda de mim mesma por querê-lo aqui. Não importa o quanto queira gritar com ele e obrigá-lo a ir embora; percebo que sempre quero que me aperte um pouco mais. Quero que tranque os braços ao meu redor e jogue a chave fora, pois aqui é seu lugar e tenho medo que me solte de novo.
- O que foi isso? – diz ele, rindo.
Mordo um pedaço do sanduíche e deu de ombros.
- Estava querendo fazer isso desde o dia em que o vi no mercado.
Ele abre um sorriso convencido e se encosta na cadeira.
- Você queria lamber meu rosto desde a primeira vez que me viu? É isso que costuma fazer quando está atraída por alguém?
Balanço a cabeça.
- Seu rosto, não, sua covinha. E não. Você é o único garoto que já tive vontade de lamber.
Ele sorri pra mim com confiança.
- Ótimo. Pois você é a única garota que já tive vontade de amar.
- Fodam-se as primeiras vezes, Sky. A única coisa que importa para mim com você são os para sempre.

Leitura recomendada.

Postagem válida para o Top Comentarista junho.

25 de junho de 2014

Princesa Adormecida - Paula Pimenta + Sorteio

Livro: Princesa Adormecida
Autor (a): Paula Pimenta
Número de Páginas: 192
Editora: Galera Record (parceria)
Compre aqui.

Sinopse: Era uma vez uma princesa... Você já deve ter ouvido essa introdução algumas vezes, nas histórias que amava quando criança. Mas essa princesa sou eu. Quer dizer, é assim que eu fiquei conhecida. Só que minha vida não é nada romântica como são os contos de fada. Muito pelo contrário. 
Reinos distantes? Linhagem real? Sequestro? Uma bruxa vingativa? Para mim isso tudo só existia nos livros. Meu cotidiano era normal. Tá, quase normal. Vivia com meus (super protetores) tios, era boa aluna, tinha grandes amigas. Até que de uma hora pra outra, tudo mudou. Imagina acordar um dia e descobrir que o mundo que você achava que era real, nada mais é do que um sonho. E se todas as pessoas que você conheceu na vida simplesmente fossem uma invenção e, ao despertar, percebesse que não sabe onde mora, que nunca viu quem está do seu lado, e, especialmente, que não tem a menor ideia de onde foi parar o amor da sua vida. Se alguma vez passar por isso, saiba que você não é a única. Eu não conheço a sua história, mas a minha é mais ou menos assim...

Princesa Adormecida é minha primeira leitura de Paula Pimenta e eu não poderia ter começado de maneira melhor, o livro é lindo, leve e fofo.

Rosa é uma adolescente linda, mora num colégio interno para meninas e tem vários animais. Ela foi criada por seus três tios aqui no Brasil, sua vida pode parecer como a de qualquer garota de sua idade, mas há muitas coisas no passado, coisas que depois de muitos anos confundiram sua cabeça e hoje ela acredita que tudo é uma história mirabolante que os tios inventaram quando ela era pequena, afinal ninguém acreditaria se ela contasse que já morou em um reino distante e que sua família é de uma linhagem real.

A vida inteira Rosa foi protegida, agora com dezesseis anos, ela quer curtir a vida, mesmo que para isso tenha que passar pela autoridade de seus tios. Na noite do seu aniversário suas amigas a levam em uma festa, nesse lugar ela se diverte muito, mal sabe ela que sua vida mudaria da água para o vinho. Depois de retornar para a escola, Rosa começa a receber mensagens, pelo celular, de um estranho e por mais que seus tios dissessem para ela nunca falar com estranhos, Rosa passa a conversar com esse garoto diariamente. Phil entra na vida de Rosa de maneira avassaladora e quando ela percebe está perdidamente apaixonada por ele.

Em Princesa Adormecida, Paula reconta a linda história da Bela Adormecida, de uma maneira bem atual ela nos traz uma vilã muito má, o primeiro amor, amizades que se levam para a vida toda e amor incondicional de três tios maravilhosos que sempre cuidaram de Rosa. 

Princesa Adormecida é narrado por Rosa. O livro tem poucas páginas, então a leitura é bem rápida. Por mais que seja uma leitura juvenil é impossível desgrudar do livro, a leitura é leve e fofa, nos leva as lágrimas e nos faz rir, é aquele tipo de livro que precisamos depois de uma leitura pesada. 

Posso até achar que talvez outras histórias recontadas venham por aí, pois nesse livro Rosa conhece uma garota chamada DJ Cinderela e tenho certeza que a Paula Pimenta arrasaria na história da Cinderela. 

A Editora Galera Record está de parabéns, primeiro por publicar esse livro lindo da Paula Pimenta, uma autora que me encantou e que de agora em diante pretendo ler tudo dela, e segundo pelo lindo trabalho editorial nesse livro.

Não falarei mais, se não vou acabar soltando um spoiler, só digo que vocês precisam ler esse livro e para ajudá-los, mais abaixo tem uma promoção. :D

- Rosa, como é estar apaixonada?
Eu pensei em fingir que já estava dormindo ou dizer novamente que aquilo não era paixão. 
Mas, em vez disso, peguei meu celular e falei:
- Não sei. Mas isso que estou sentindo é uma euforia louca que me dá vontade de sair dançando pelos corredores da escola... Mas ao mesmo tempo esconde uma tristeza sutil, que parece morar no lugar mais fundo do coração. E isso tudo me faz sorrir e chorar, por ser tão bom e tão dolorido ao mesmo tempo. Dá para entender? 
Ela ficou calada um tempo e então respondeu:
- Acho que sim. O amor deixa as pessoas loucas, é isso?
Eu sorri no escuro e segurei meu telefone com mais força. Sim, aquilo provavelmente era loucura. Mas o mais estranho era que eu não queria me curar.

Leitura recomendada.

Sorteio do Livro PRINCESA ADORMECIDA.
A única regra é ser residente no Brasil. Todas as entradas são livres e quanto mais você preencher mais chances tem de ganhar.

REGRAS:
Ser residente no Brasil;
Entradas livres no formulário.

INFORMAÇÕES GERAIS:
1. A promoção será válida de 25.06.2014 a 20.07.2014, o resultado saíra em até uma semana, após o término da promoção.
2. O ganhador terá dois dias para enviar os dados para envio do livro.
3. O livro será enviado em até 45 dias pelo blog LEITURA MARAVILHOSA. O blog não se responsabiliza por um segundo frete, caso o livro retorne.
4. No formulário tem a opção de seguir o blog pelo GFC, mas não é obrigatória. Quem ainda não segue o blog pode fazer pela ferramenta que está na coluna lateral, acima da caixinha que tem as fotos.
5. Comentários com conteúdo sobre a resenha.
6. Dúvidas, entrem em contato através do e-mail katielle.borba@gmail.com.

a Rafflecopter giveaway

Postagem válida para o Top Comentarista junho.

Lançamento Junho - Leytoras

Oi gente, 
Vamos conferir o lançamento feminino de junho do grupo Leya e Leytoras?
Confiram comigo:

O Amor é Uma Canoa - Ben Schrank.
Stella Petrovic é uma ambiciosa editora com uma missão quase impossível: colocar um livro nas listas de bestsellers mais concorridas dos Estados Unidos. Mas não se trata de um livro qualquer e sim do manual de autoajuda O Casamento é uma Canoa, que foi publicado há já cinquenta anos.
Peter Herman é um herói nacional graças a esse mesmo livro, o primeiro e último da sua carreira. Os conselhos sentimentais de O Casamento é uma Canoa inspiraram gerações de americanos. Com um casamento longo e feliz, Peter era a prova da eficácia das suas próprias palavras. Agora, viúvo e sem esperança, duvida de tudo o que escreveu tantos anos antes.
Para Stella, o que está em jogo não suporta dúvidas ou hesitações. A editora está disposta a tudo para convencer o mundo de que O Casamento é, de fato, uma Canoa. E nada melhor do que encontrar um casal em busca de salvação. Emily e Eli estão casados há pouco tempo mas a paixão que os uniu está desgastada pela rotina. São perfeitos para o plano que Stella tem em mente… mas, para isso, ela terá de conseguir o apoio da única pessoa que não acredita no livro: o seu autor.

Postagem válida para o Top Comentarista junho.

23 de junho de 2014

Cair das Trevas - Cate Tiernan

Livro: Cair das Trevas
Série: Amada Imortal #2
Autor (a): Cate Tiernan
Número de Páginas: 256
Editora: Galera Record.
Compre aqui.

Sinopse: Depois de 450 anos, esperava-se que Nastasya já tirasse de letra essa história de imortalidade. No último outono ela buscou refúgio em River's Edge, uma espécie de retiro espiritual onde ela e outros imortais tentam estabelecer a paz com seu passado tortuoso. Porém, em vez disso, tudo o que Nastasya descobriu - além de que detesta acordar cedo numa cama dura para catar ovos de galinhas furiosas - é que ela não está segura em lugar nenhum. Nem mesmo ao lado do cara/viking/deus grego mais gato do mundo, Reyn, que ela ainda não descobriu se é sua ruína ou sua última chance de ter um amor. Nastasya conseguiu se manter bem até o Ano-Novo, mas parece que agora, depois que fez um pedido um tanto ambicioso na hora da virada, tudo está indo por água abaixo. Nada que faz dá certo, tragédias acontecem quando ela está por perto, tudo parece não ter propósito e, pior, ela nem sabe mais porque continua sequer tentando! Como sempre soube, sua família vem de uma grande linhagem das trevas, e Nastasya já está se convencendo de que não há escapatória. Como se não bastasse, os súbitos e totalmente enlouquecedores beijos de Reyn não estão ajudando... Mas quando Nastasya não aguenta mais a pressão e resolve fugir de tudo para seguir o próprio rumo, ela se vê numa situação ainda mais sombria, perigosa e destruidora do que jamais pôde imaginar. River's Edge nunca pareceu tão longe, ou tão agradável...

RESENHA por Luciana Corrêa da Silva.

Jantei como um zumbi, mal conseguindo prestar atenção ao que estavam dizendo. Eu tinha tanta coisa em que pensar, tantas novas maneiras de ver uma quantidade tão grande de coisas.

Oi pessoal, como vão? Cuidado, esta resenha pode conter spoiler do livro anterior.

Cair das Trevas é o segundo volume da trilogia que começou com Amada Imortal, escrito por Cate Tiernan e publicação da Editora Galera. A autora é nascida e criada em Nova Orleans e atribui seu gosto excêntrico e sobrenatural a isso. Atualmente mora na Carolina do Norte com o marido e os filhos.

Já fazia um bom tempo que eu tinha lido o primeiro livro (tem resenha clicando aqui), que eu tinha até esquecido o quanto era bom o ritmo frenético e desbocado de Nastasia... Foi muito bom poder ler o esse segundo livro e poder ver, estruturada diante das páginas, a grande história que a autora criou.

Bom, seguimos com a trajetória de Nastasia e sua infinita impaciência em percorrer o caminho de redenção que tanto precisa. Ela agora está mais alegre, mais consciente de tudo o que acontece em sua vida. Como moradora de River’s Edge, Nas está mais ou menos percebendo que tudo parece caminhar em ordem, menos a inquietante proximidade de seu colega, Ryen. Ele, que no passado foi seu algoz e exterminou sua família, hoje é o homem dos seus sonhos, quem ela mais deseja. Aqui está o grande dilema: ela é doida por ele, mas poderá se entregar ao gato viking/deus grego, mais lindo que existe?

Virei a cabeça rapidamente, e ali estava ele: Reyn. Um metro e oitenta de desastre viking dourado.

Se não bastasse tudo isso, Nastasia ainda sofre ao descobrir mais sobre seu passado, pois passa a saber que é descendente de uma família detentora de um grande poder das trevas. Tudo começa a mudar dentro dela, quando no ano novo, durante uma celebração, ela tenta se livrar das trevas que a habitam e acontece exatamente o contrário, as trevas passam a dominar e tudo em sua vida passa a dar errado. Até uma moça linda e encantadora passa a se dar bem demais com seu “odiado” viking lindo e louro.

Adorei o modo como a autora, respeitosamente e de forma inserida na narrativa, nos relembrou do que aconteceu no primeiro livro. Pois, aqui no Brasil demoramos tanto tempo para poder ler as continuações... Também não posso deixar de mencionar que os assuntos abordados no livro são sinistros, misteriosos, mas a narrativa de Nas deixa tudo muito mais legal. Ela é irritantemente incrível ao lidar com todas as coisas que atormentam sua vida, e isso deixa tudo muito legal; seu sarcasmo agora é ainda mais divertido. As páginas voam diante da gente, pois a narrativa eletrizante faz com que este segundo livro se torne ainda melhor que o primeiro.

Reyn abriu uma das mãos e pegou o garfo, então começou a trabalhar com dedicação para consumir o que estava em seu prato. Eu tinha certeza de que estava com gosto de poeira para ele.
Então eu era a pessoa mais desconfiada do mundo e ele era o mais infeliz.
Éramos um par e tanto.

A “magick” é muito mais presente neste volume e, por isso, indico com muita alegria e confiança para quem gosta de livros cheios de surpresas, muita magia e poder do mal. Você não perde por esperar por tudo o que vilões maravilhosos, como o Incy, aprontam nesse livro.

Aguardo ansiosamente o desfecho, que sei que será incrível.

Curtam a história! Aproveite e leiam bastante!

Trilogia Amada Imortal.
02. Cair das Trevas;
03. Inimigo Sombrio.

Postagem válida para o Top Comentarista junho.

20 de junho de 2014

O Para Sempre de Ella & Micha - Jessica Sorensen

Livro: O Para Sempre de Ella & Micha
Série: O Segredo #2
Autor (a): Jessica Sorensen
Número de Paginas: 
Editora: Geração Editorial (parceria)
Compre aqui.

Sinopse: Jessica Sorensen está de volta com o segundo volume da série, três vezes mais hot! Ella e Micha começaram a namorar. Ella está na faculdade em Las Vegas. Micha saiu em turnê com sua banda de rock. Tudo parece se encaminhar para uma relação estável. Mas não é o que acontece. Pesadelos começam a assombrar Ella. O medo de ser abandonado persegue Micha aonde quer que ele vá. Tudo o que enfrentaram antes não pode ter sido em vão... eles não podem perder um ao outro. Ou podem? 
Os dois irão sentir essa verdade na pele quando a distância começa a se revelar mais destruidora do que eles poderiam imaginar. Ciúmes, segredos e fantasmas do passado ressurgem ainda mais ferozes, enquanto as vivências sexuais se incendeiam, apimentadas por jogos sensuais, bebedeiras e muita velocidade nas estradas do oeste americano.

O Para Sempre de Ella & Micha é a continuação de O Segredo de Ella & Micha, lançamento do mês da Geração Editorial.

Depois dos acontecimentos do livro anterior Ella e Micha tentarão levar seu relacionamento adiante, mas separados. Ella está em Las Vegas cursando a faculdade e Micha está viajando pelo país com uma banda, já que seu grande sonho é ser músico.

Nem sei como começar essa resenha, gostei muito do primeiro livro, muito mesmo e esse em minha opinião deixou muito a desejar. Li em outra resenha que a leitora mencionou que a única coisa que acontece de diferente entre os dois livros é que neste, Ella e Micha transam, e sou obrigada a concordar com isso, pois os dramas do primeiro livro estão de volta e desta vez muito maiores. Ella está tentando adaptar-se a uma rotina sem Micha, mas está bem difícil, mesmo confiando nele, ela sente ciúmes de Naomi a companheira de banda de Micha e o pior é a distância que existe entre eles, encontram-se poucas vezes e isso é o suficiente para levar Ella para seu lado negro. Além de toda essa distância Ella tem que lidar com seu pai e seu irmão, o relacionamento deles nunca foi fácil, mas parece que agora está bem pior, cheguei a pensar que eles se odiassem.

Micha continua o fofo de sempre, o amor que ele sente por Ella é lindo, é aquele tipo de amor que supera tudo e todos. Ele está na estrada com a banda, mas no fundo não e isso que ele quer, sente falta de estar com sua amada e isso será um grande empecilho. Assim como no primeiro livro, o pai de Micha está de volta, aparece para pedir um grande favor, se eu fiquei revoltada com esse homem imaginem como Micha não deve ter ficado.

O Para Sempre de Ella & Micha é um livro muito mais intenso que o primeiro, aqui os sentimentos de Ella estão aflorados e a autora resolveu explorar eles e isso me incomodou, pareceu mais do mesmo, parecia que eu estava lendo o primeiro livro novamente só que agora tinha sexo envolvido. Ella está muito indecisa, cheia de dúvidas, a beira de uma depressão profunda, entendo o lado dela, mas achei que foi demais. Nesse livro ela tenta se tornar uma pessoa melhor com a ajuda de uma psicóloga, mas às vezes o que ela sente vem de maneira tão intensa que só ela mesma é capaz de sair da sua escuridão. E o meu querido Micha está ali, sempre a seu lado, mesmo nos piores momentos, em diversas passagens do livro pensei nesse amor que ele sente por Ella, pois qualquer outra pessoa que quisesse se relacionar com ela já teria largado de mão.

Não posso deixar de falar de Ethan e Lilla, estão mais fofos do que nunca, Lilla continua afirmando que não tem nada com Ethan, mas eu não acredito nisso, eles passam tempo demais juntos e nunca contam nada do que fazem. Seguindo a ordem da série o próximo livro será dos dois e espero que a Geração Editorial publique por aqui, pois nesse livro já sabemos só um pouquinho da vida de Ethan e fiquei curiosa para saber mais.

Enfim, gostei do livro, porém fiquei um pouco decepcionada, essa foi a minha impressão. Sei de muitas pessoas que leram e amaram, eu só gostei. A Geração Editorial está de parabéns com essa publicação a capa é linda. 

Série O Segredo.
02. O Para Sempre de Ella & Micha;
03. The Temptation of Lila and Ethan;
04. The Ever After of Ella and Micha;
05. Lila and Ethan: Forever and Always.

Afastando-se de mim, ele esmurra a parede fazendo um buraco bem embaixo do interruptor. Ele fica muito irritado e momentos depois a porta da frente bate. A casa fica em completo silêncio, e é disso que eu preciso.
Quero que ele me odeie tanto quanto eu odeio a mim mesma. Assim, não poderei leva-lo para o fundo do poço comigo.
Você gostaria disso Ella May? Você me quer eternamente, infinitamente, para sempre, até que a morte nos separe?

Leitura recomendada.

Postagem válida para o Top Comentarista junho.

19 de junho de 2014

Amada Imortal - Cate Tiernan

Livro: Amada Imortal
Série: Amada Imortal #1
Autor (a): Cate Tiernan
Número de Páginas: 280
Editora: Galera Record
Compre aqui.

Sinopse:Primeiro livro de bem-sucedida trilogia, mistura fantasia sobre imortais a uma história moderna de jovem em busca de si mesma e de redenção. Questões de identidade e moralidade aparecem na trama, protagonizada pela imortal Nastasya. Nascida em 1551, acostumada a beber e sair para baladas cada vez mais loucas, ela perdeu o rumo. Suas conexões com outros imortais, interessados apenas em suas habilidades mágicas, a fazem partir em busca de um propósito. E o encontra em uma espécie de clínica de reabilitação para os de sua espécie, onde conhece um pouco mais sobre o próprio passado e cria importantes laços para o futuro. 

RESENHA por Luciana Corrêa da Silva.

As coisas que não evoluem e crescem não estão vivas.

Olá!

Amada Imortal é o primeiro livro da série Immortal Beloved, publicação da Editora Galera e de autoria de Cate Tiernan, americana, nascida e criada em Nova Orleans, cidade que lhe legou o gosto excêntrico e sobrenatural. Antes de publicar seu primeiro livro, foi assistente editorial. Hoje mora na Carolina do Norte com o marido e os filhos.

Este livro nos conta a história de Nastasya, ou Nas, como prefira chamar, que é o nome usado agora por esta mulher de 449 anos com aparência de 17. Ela leva uma vida sem regras ou limites. Vive no mundo de uma forma desleixada e não faz nada para que melhore. Usa e abusa das coisas e das pessoas, não valoriza mais seu corpo e nem seu visual. Não se importa mais com o amanhã e vive na companhia de um grupo de imortais como ela, liderados por Incy, um usuário de magick.

Até que numa noite de verdadeira beberagem e diversão, o grupo acaba bêbado em um taxi a caminho de uma boate. O taxista se irrita com a bagunça, a gritaria... e, num ímpeto cruel, Incy utiliza-se de seus poderes e deixa o homem aleijado e jogado na sarjeta de uma rua de Londres, lugar onde vivem agora. A cena desperta uma piedade no coração de Nastasya e, pela primeira vez em muitos anos, algo a toca verdadeiramente a ponto dela querer mudar sua vida, o modo como vive e com quem vive.

... esse tinha sido um plano tão comicamente ridículo, e ainda assim era a única coisa em que eu conseguia pensar. Meu Deus, eu estava tão ferrada.

Pela primeira vez ela discorda do que seus amigos fazem. Ao utilizar-se de magick, eles acabam causando muito mal e sacrificando vidas. Era o que faltava para que Nastasya pirasse de vez e percebesse que levava uma vida de séculos e séculos, vazia e sem sentido. Ela se dá conta de que está com uma aparência horrível, que sua vida é só desleixo. Sua casa, embora seja um lugar de gente rica, é cheio de roupas jogadas por todos os lados e embalagens de pizza jogadas pelo chão.

Ela resolve então procurar por uma pessoa que encontrou há muitos anos atrás que lhe disse que quando precisasse, poderia procurá-la. Essa pessoa é Reyn, uma mulher generosa que mantém uma espécie de albergue para imortais que querem usar sua magia para o bem. Nasty sai fugida para os Estados Unidos e ao chegar lá odeia o lugar “natureba”, onde todos trabalham e cooperam para viver melhor. Seu primeiro intuito é sair correndo e voltar para seus amigos, mas algo ali, um sentimento de proteção e carinho, além de um homem hostil, que ela jura já ter visto antes, fazem com que ela fique.

Assim ela aprenderá a conviver com pessoas muito diferentes e terá de enfrentar os terríveis fantasmas que a aterrorizam desde a infância, quando perdeu sua família. Nastasya também reconfrontará pessoas que há séculos causam uma dor que ficou guardada em seu coração. Conseguirá ela sair do torpor que a imortalidade causa?

A primeira coisa que me agradou durante a leitura foi a narrativa leve, descompromissada e em primeira pessoa, que literalmente conversa com o leitor. Li algumas opiniões que dizem que o livro é arrastado e a narrativa um pouco lenta no início. Confesso que em alguns momentos iniciais também achei e fiquei um pouco chateada com o que estava lendo. A quantidade de idiotices que os amigos de Nas cometiam estava me deixando doida de ódio. Pensei: fiquei até agora lendo isso?! Será que vai até o final assim?

Mas aí, como sou obstinada, fui levando, mesmo não gostando do que eles faziam e o modo como ela encarava tudo isso. Conforme lia, fui percebendo que esse mecanismo que a autora criou foi perfeito para que envolvesse o leitor e para que a gente pudesse entender, de verdade, as mudanças que ocorrem na sua vida, os demônios interiores que ela conseguirá expulsar (?).

O principal nessa vida é não ser bom o tempo todo. É ser tão bom quanto se pode ser. Ninguém é perfeito. Ninguém faz a coisa certa o tempo todo. Não é assim que a vida é.

Indico e anseio muito o segundo volume, pois este deixou ganchos incríveis para que a continuação seja excelente.

Até a próxima!

Trilogia Amada Imortal.
01. Amada Imortal;
02. Cair das Trevas;
03. Inimigo Sombrio.

Postagem válida para o Top Comentarista junho.

18 de junho de 2014

Casamento Por Conveniência - Jennifer Probst

Livro: Casamento Por Conveniência (The Marriage Bargain)
Série: Casamento Bilionário #1
Autor (a): Jennifer Probst
Número de Páginas: 240
Editora: Leya/Quinta Essência (parceria)
Compre aqui.

Sinopse: Um compromisso por interesse chamado de “casamento”. Desesperada por dinheiro para salvar a casa de sua família, a impulsiva Alexandria McKenzie se entrega a uma última e inusitada tentativa: faz uma simpatia de amor para encontrar um marido. Um marido rico, de preferência. Nicholas Ryan não acredita em amor eterno, casamento e família. No entanto, para que possa herdar as ações de seu tio e se tornar sócio-majoritário da empresa da família, ele deveria atender a um único requisito do testamento: casar-se e manter-se casado por pelo menos um ano. Nick e Alexa possuem muito pouco em comum, apenas o fato de Alexa ser a melhor amiga da irmã de Nick. Mas, movidos por seus interesses, os dois decidem se unir. Um acordo nupcial simples, sem paixão e sem complicações. Esse será o combinado por um ano. Mas a convivência será capaz de fazer nascer algum sentimento entre eles?

Alexa está desesperada para arrumar dinheiro e salvar a casa de seus pais. Dona de uma livraria ela não tem fundos suficiente para isso. Além de tudo que está acontecendo na sua vida, sente falta de uma pessoa para amar e ser seu companheiro. Com tudo isso acontecendo, ela pensa: porque não fazer um feitiço para Mãe Terra? Um feitiço que lhe traga um homem perfeito e ainda com cento e cinquenta mil dólares para salvar sua família. Como nada ultimamente está dando certo, é claro que o feitiço também não iria dar...

Nicholas não acredita em amor, família, casamento e não gosta de animais, porém ele precisa desesperadamente de uma esposa, pois só assim ele poderá herdar as ações da empresa onde trabalha. Nick é irmão da melhor amiga de Alexa, Maggie, e ela será a responsável por juntar os dois. 

Casamento por Conveniência é mais um livro que nos faz suspirar, cheio de clichês ele nos diverte e aquece nosso coração. Narrado em terceira pessoa, temos pontos de vista de Alexa e Nick e isso foi o que mais gostei.

Nick e Alexa se conhecem desde criança, isso por terem Maggie como pessoa em comum, mas ficaram anos sem se ver. Agora ambos precisam um do outro, mas claro que será um casamento só de negócios, sem amor ou sexo envolvido. Nick é um arquiteto bem sucedido, dono de uma fortuna imensa não pensa em ter um relacionamento sério com ninguém. Alexa é diferente, ela quer construir família, ter muitos filhos, animais de estimação. Os dois são completamente opostos, mas terão que arrumar uma maneira de conviverem pacificamente. 

Não pensem que o livro tem algo de sobrenatural, a parte que falei do feitiço, foi só uma tentativa desesperada de Alexa arrumar um marido com todas as qualidades que ela queria. Essa foi uma das partes mais engraçadas do livro (que tem muitas), a hora em que Alexa e Nick fazem sua lista de qualidades, eu dei tanta risada, eles não “combinaram” em nenhum tópico. Ele acha que ela é uma grande interesseira, que é egoísta e só pensa em si, ela acha a mesma coisa dele, tirando só a parte do interesseiro, afinal ele é bilionário. Os dois têm discussões hilárias, por besteiras que acontece no dia a dia, e mesmo nesses momentos dá para perceber que existe um sentimento mais profundo entre eles.

Casamento por Conveniência é aquela leitura de poucas horas que nos emociona e nos faz rir. A narrativa da Jennifer é cativante, ela encanta e prende o leitor desde a primeira página. Os personagens secundários também encantam e passamos a torcer para que com eles as coisas também deem certo.

Se vocês tiverem a oportunidade leiam esse livro, ele é muito bom.

Casamento Por Conveniência faz parte de uma série/saga com personagens independentes, o próximo será da irmã de Nick e melhor amiga de Alexa, Maggie é uma figura e estou bem curiosa para saber um pouco mais sobre ela.

Casamento Bilionário:
01. Casamento por Conveniência;
02. The Marriage Trap;
03. The Marriage Mistake;
04. The Marriage Merger;
05. The Book of Spells;
06. The Book of Spells.

Muito obrigada a Quinta Essência/Leya por essa publicação, espero que os próximos livros não demorem a chegar por aqui.

Pousou a caneta no canto superior esquerdo da página e começou a escrever sua lista.
Uma Mulher que não me ame.
Uma mulher com quem eu não queira dormir.
Uma mulher que não tenha família grande.
Uma mulher que não tenha animais.
Uma mulher que não queira filhos.
Uma mulher que tenha uma carreira independente.
Uma mulher que veja o casamento como uma oportunidade de negócios.
Uma mulher que não seja emocional ou impulsiva demais.
Uma mulher em quem eu possa confiar.
Nick releu a lista. Sabia que estava sendo otimista demais em relação a algumas das características desejáveis, mas se a tal da teoria do universo funcionasse, não custava nada incluir na lista tudo o que ele queria.
Casamento é desnecessário. O sonho de algo que dure para sempre não passa de um conto de fadas. Príncipes encantados e monogamia não existem na vida real.

Leitura recomendada.

Postagem válida para o Top Comentarista junho.

17 de junho de 2014

Lançamentos Junho - Geração Editorial

Oi gente, 
Vamos conhecer os lançamentos da Geração Editorial?
Na lista tem a continuação de O Segredo de Ella & Micha, que eu já estou lendo e adorando. Acho que na próxima semana já sai a resenha.
Confiram:

O Para Sempre de Ella e Micha - Jessica Sorensen.
Jessica Sorensen está de volta com o segundo volume da série, três vezes mais hot! Ella e Micha começaram a namorar. Ella está na faculdade em Las Vegas. Micha saiu em turnê com sua banda de rock. Tudo parece se encaminhar para uma relação estável. Mas não é o que acontece. Pesadelos começam a assombrar Ella. O medo de ser abandonado persegue Micha aonde quer que ele vá. Tudo o que enfrentaram antes não pode ter sido em vão... eles não podem perder um ao outro. Ou podem? Os dois irão sentir essa verdade na pele quando a distância começa a se revelar mais destruidora do que eles poderiam imaginar. Ciúmes, segredos e fantasmas do passado ressurgem ainda mais ferozes, enquanto as vivências sexuais se incendeiam, apimentadas por jogos sensuais, bebedeiras e muita velocidade nas estradas do oeste americano. 

A Perfeita Ordem das Coisas - David Gilmour.
Do aclamado escritor David Gilmour do sucesso Clube do Filme, em "A Prefeita Ordem das Coisas", um romance especial quem encantou os leitores, com o lema: Há coisas que só podem ser compreendidas quando vividas uma segunda vez. A história tem um escritor como personagem principal que parte numa viagem rumo ao próprio passado. Ele vagueia pelas ruas de Paris, de Toronto, de uma cidadezinha praiana da Jamaica. Lá, estão o internato, uma roda-gigante girando na noite; uma casinha de campo caindo aos pedaços, lugares onde foi feliz e triste, na maioria das vezes desesperado, buscando um sentido para sua vida. Ele reencontra as pessoas, as conversas, os sonhos e as paixões, memórias que tinham se perdido no tempo e agora voltavam para que ele as visse com novos olhos, estes bem abertos para o que não conseguiu enxergar quando as viveu pela primeira vez.

Ninguém me contou, eu vi: de Getúlio a Dilma - Sebastião Nery.
Os textos deste livro, ao englobar seis décadas de História, formam um impressionante arquivo de biografias, fatos e revelações envolvendo os grandes nomes da política brasileira, desde a Era Vargas até a presidente Dilma Rousseff. Sebastião Nery, um dos maiores e mais polêmicos jornalistas brasileiros, reúne aqui seus melhores textos, revelações e reminiscências. E nos oferece um livro histórico, imprescindível para se entender o Brasil dos últimos 60 anos.

Solidão - José Maria Mayrink.
Em 1982, o jornalista José Maria Mayrink, do jornal O Estado de S. Paulo, escreveu uma surpreendente série de reportagens sobre a solidão em São Paulo, a maior metrópole brasileira. Mendigos, trabalhadores noturnos, presidiários, padres, freiras reclusas, cidadãos comuns foram surpreendidos em sua frágil intimidade.
Eles eram solitários e tristes no meio da multidão. Escrita em estilo literário, como já não se vê na imprensa diária, os relatos comoveram os leitores e tiveram um impacto impressionante. Mais de trinta anos depois, a solidão nas grandes metrópoles não diminuiu. Os solitários continuam sozinhos, agora espalhando suas angústias nas redes sociais. O que era e é ser solitário numa cidade marcada por multidões e ruídos? Quem eram aquelas pessoas que falavam de uma sensação paralisante de abandono? A solidão urbana é mais ampla e assustadora do que se imagina. A solidão de que falam é a mesma que se sente hoje, um dos estigmas da atualidade. A identificação é inevitável.
Este livro é um convite à reflexão sobre o que é a solidão particular de cada um.

Um País sem Excelências e Mordomias - Claudia Wallin.
Ler este livro é algo obrigatório para todo deputado, senador, ministro, juiz, desembargador, governador, presidente, secretário, prefeito, vereador. E sobretudo para o eleitor. Para ele, é quase um guia de sobrevivência na selva da política brasileira. Claudia Wallin trata da Suécia mas é impossível não pensar no Brasil a cada parágrafo. Com cinismo, cólera, amargura. Ou com esperança. Porque não? Afinal, prova que existem políticos que desconhecem o tratamento de “Excelência”. Que não tem mordomias, não aumentam seu próprio salário, não tem gabinete próprio. Que usam transporte público e não estão na vida pública para fazer fortuna. E que respeitam – e muito — o eleitor. Um sistema apoiado em três pilares: transparência, escolaridade e igualdade. Um dia, quem sabe, chegaremos lá. Ler e se envergonhar com estas páginas pode ser o começo.

A Geração Editorial criou um site sobre o livro Como Viver Eternamente, vocês podem conhecer clicando aqui.

Postagem válida para o Top Comentarista junho.

16 de junho de 2014

O Feitiço Azul - Richelle Mead

Livro: O Feitiço Azul (The Indigo Spell)
Série: Bloodlines #3
Autor (a): Richelle Mead
Número de Páginas: 416
Editora: Seguinte
Compre aqui.

Sinopse: A atual missão da alquimista Sydney Sage fez com que ela revisse seus conceitos não só sobre os vampiros, mas também sobre a própria organização à qual pertence, responsável por esconder a existência dessas criaturas do resto da humanidade. Sydney acabou descobrindo um grupo dissidente que tinha muito em comum com os alquimistas, mas objetivos bem mais radicais. Certa de que seus superiores estão guardando segredos sobre essa facção paralela, ela contará com a ajuda do misterioso ex-alquimista Marcus Finch para tentar desvendá-los. Mas isso só será possível se ela conseguir escapar de uma ameaça ainda mais urgente; uma feiticeira cruel que suga a alma de jovens usuárias de magia. Enquanto isso, a garota luta contra os sentimentos cada vez mais fortes pelo rebelde vampiro Adrian Ivashkov. Há tabus e preconceitos milenares arraigados entre as duas raças, que representam um obstáculo enorme para esse relacionamento. Mas Adrian é persistente e é o único em quem ela confia para enfrentar as ameaças que se aproximam. Será que Sydney conseguirá se libertar do seu modo de vida e se render a esse romance?

RESENHA por Luciana Corrêa da Silva.

Oi pessoal!

Como já havia escrito aqui em resenhas anteriores, não demorei para conferir O Feitiço Azul, da diva Richelle Mead, e vou contar para vocês o que achei desse terceiro volume da série Bloodlines, que segue com nossos intrépidos vampiros, dampiros e alquimistas.

Atenção, esta resenha poderá conter spoilers!

Não era a primeira vez que me arrancavam da cama para uma missão importantíssima. Mas era a primeira que me faziam uma pergunta tão pessoal.
– Você é virgem?
– Hein?

Feitiço Azul segue contando-nos a história com o foco principal em Sydney Sage, a alquimista designada para proteger Jill, a irmã da Rainha Lissa, que garante a continuação da Soberana em seu posto. Acontece que tudo está mais perigoso, não para Jill ou para a rainha, e sim para a alquimista, que já passou por poucas e boas depois de ter iniciado uma missão perigosa, mais ainda depois de descobrir que possui dons de magia.

Bom, Sydney segue então engajada em aprender cada vez mais com sua professora e protetora, Sra. Terwilliger. Só que tudo fica ainda pior quando elas descobrem que uma poderosa bruxa anda sugando a beleza e os poderes de meninas que também possuem dons mágicos, mesmo que não saibam. Por isso, agora com a ajuda da professora, Sydney está às voltas de proteger essas meninas, e também em pegar a poderosa bruxa que impõe medo e terror, deixando as vítimas em coma.

Congelei... Magia me dava arrepios. De dia, a sra. Terwilliger dava aulas no colégio particular onde eu estudava – a Escola Preparatória Amberwood – e, de noite, era bruxa. Ela dizia que eu também tinha uma afinidade natural para a magia e dera um jeito de me ensinar alguns feitiços, apesar dos meus esforços para resistir.

Como se tudo isso já não bastasse, Sydney encontra pistas sobre uma possível ligação dos “perfeitinhos” alquimistas com uma facção criminosa que tenta a todo custo exterminar os vampiros. Lá vai ela tentar encontrar provas contra as “verdades” às quais foi submetida por toda a vida.

É incrível a forma como ela enfrenta as adversidades, claro que sempre ajudada por Adrian (<3 <3...), mas será que ela terá coragem para se entregar ao amor? E ele terá paciência para esperá-la por tanto tempo? O lado bom é que um tem no outro a confiança necessária para enfrentarem juntos o que vem pela frente.

Bom, confesso que eu esperava mais ação e mais pegação nesse livro, tive de enfrentar vários momentos de monotonia e o livro em certos momentos se arrastou diante dos meus olhos. Não culpo os personagens, mas sim as situações em que se meteram. O lado bom é que a autora não nos encheu a paciência com excessos de rituais de magia ou outras coisas, o que torna tudo mais fácil de digerir.

Os personagens secundários nessa série, como a Jill, estão menos aparentes nesse livro, quase não são mencionados e aparecem muito pouco na trama. O enredo está mais focado na Sydney, no Adrian e nas malucas feitiçarias que ela tem que aprender para enfrentar os inúmeros problemas nos quais está mergulhada.

O que salva o livro é o Adrian, que de mocinho irritante e desagradável passou a ser a mais fofa das criaturas, sem deixar de ser quem ele é. Portanto, meninas, só por isso já vale a pena ler, né?
Aguardo com ansiedade a continuação de tudo o que a autora está tramando para os próximos volumes.

Sempre que fazíamos contato visual, eu me lembrava das palavras dele: eu ainda estarei aqui, apaixonado por você, e vou me importar mais com você do que qualquer outro cara.

Beijos, até a próxima ;)

Série Bloodlines:
0,5. Adrian's Lost Chapter
03. Feitiço Azul;
04. The Fiery Heart;
05. Silver Shadows;
06. The Ruby Circle.

Postagem válida para o Top Comentarista junho.