11 de junho de 2014

Lançamento Junho - O Jogo Perfeito de J. Sterling e Faro Editorial

Oi gente,
Vamos conhecer um pouco do livro O Jogo Perfeito? Esse é um lançamento da Editora Faro Editorial para o mês de junho.
Eu adorei a sinopse e o melhor de tudo é que eles já estão trabalhando no segundo livro da trilogia.
Aguardem resenha e sorteio aqui no blog.
Confiram:

...A VIDA ÀS VEZES FICA TRISTE ANTES DE SE TORNAR MARAVILHOSA... 

O Jogo Perfeito - J. Sterling
Ele é o tipo de jogo que ela nunca pensou em jogar. 
Ela é a virada no jogo que ele nunca soube que precisava. 
O Jogo Perfeito conta a história de dois jovens universitários, Cassie Andrews & Jack Carter. 
Quando Cassie percebe o olhar sedutor e insistente de Jack, o astro do beisebol em ascensão, ela sente o perigo e decide manter distância dele e de sua atitude arrogante. 
Mas Jack tem outras coisas em mente ... Acostumado a ser disputado pelas mulheres, faz tudo para conseguir ao menos um encontro com Cass. 
Porém, todas as suas investidas são tratadas com frieza. Ambos passaram por muitos desgostos, viviam prevenidos, cheios de desconfianças, antes de encontrar um ao outro, (e a si mesmos) nesta jornada afetiva que envolve amor e perdão.
E criam uma conexão tão intensa que não vai apenas partir o seu coração, mas restaurá-lo, devolvendo inteiro novamente. 

Trecho: 

No caminho para a universidade o som do hip-hop tomou conta do ambiente. 
— Ah, eu adoro essa música. Vamos dançar! — Cassie agarra a mão de Melissa e arrasta a amiga para mais perto do som. 
— Você sempre quer dançar — disse Melissa, aborrecida. 
— É que eu danço bem. — Comecei a remexer meus quadris no caminho de acesso para a sede do centro acadêmico que estava lotado de gente. 
— Ah, não. Pare, por favor. 
Ri e, então, reduzi o ritmo do rebolado quando percebi a quantidade de olhares na minha direção. Odiava ser observada daquele jeito. Eu sei, eu sei. Sou uma mal-dita hipócrita.” 
Examinei a multidão e me detive de repente num par de olhos deliciosos, cor de chocolate. O fato de que os olhos pertenciam a um dos rostos mais belos que já vira era meramente um bônus. O rapaz passou os dedos pelos cabelos negros até que eles alcançassem o rosto bronzeado. Sorriu de forma preguiçosa para mim, e eu senti um arrepio percorrer pelo meu corpo. 
— Você não está olhando para ele, está? — Melissa parou na minha frente, quebrando o contato visual. 
— Você não sabe quem ele é, Cassie? 
— Não faço a menor ideia. Do contrário, estaríamos namorando. 
— Jack Carter não namora. Ele transa com as garotas e com todas as amigas delas. 
— Então, esse é o famoso Jack Carter? — perguntei. O nome dele era comentado em toda a faculdade. 
Então, Jack começou a vir na minha direção. A bermuda cargo preta e a camiseta cinza justa combinavam bem com seu porte físico de um metro e oitenta de altura. Os músculos dos braços marcavam o tecido, acentuando os ombros bem definidos. Ele inclinou a cabeça para baixo e estreitou os olhos como se eu fosse alguém muito pequena e indefesa, que não tinha a menor ideia de que estava prestes a ser devorada viva pelo animal mais belo e perigoso da selva. Quase me senti violentada. Suja. Com a necessidade de tomar um banho para limpar meu corpo daquele olhar. Ele se apresentou e eu olhei para o lado.— Sei quem você é. — Fingi desinteresse. Ele era belo e encantador. E parecia um machista da pior espécie. Meu Deus, o que há de errado comigo?”


Sobre a autora
J. STERLING nasceu no sul da Califórnia e cresceu assistindo a jogos de beisebol do Los Angeles Dodgers e jogando softbol. Ela se formou em rádio, tevê e cinema, e trabalhou na indústria do entretenimento grande parte de sua vida. O Jogo Perfeito é o primeiro livro da trilogia The Game Series.

Postagem válida para o Top Comentarista junho.

19 comentários

  1. Oi Katielle, tudo bem?
    Eu ainda não tinha visto falar desse livro, mas ele realmente parece ser bom, adorei a capa linda demais, ainda não tinha ouvido falar dessa autora e esse trecho, amei, amei.
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Primeira vez pra mim também. Foi bom ler sobre este romance. Não o conhecia, mais fiquei agradavelmente feliz por ser um romance bom. Vou experimentar ler. Beijos.

    ResponderExcluir
  3. O finalzinho deste trecho foi para deixar os leitores com agua na boca né Katielle..rs
    O livro parece ser muito bom. A capa é da hora também.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Tudo bem que a protagonista tem o nome da minha gata, hahahaha...
    Bom, adoro esse gênero de livros, e não tinha ouvido falar desse.
    Além da capa linda, parece ser muito bom.
    Quero tê-lo.

    Um beijo.
    Livrologias.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Adorei! Amo NA e esse parece ser dos que me deixam louca pelo protagonista, o que vem a ser um badboy, e eu amo! Gostei da sinopse e esse trecho do livro me deu um gostinho de "quero muito mais".

    ResponderExcluir
  6. HUMM Livro incrível na área ?! por que é isso o que me ta parecendo ^^ Eu me interessei pela história, sou viciada em romance, e adoro essas historias que os personagens descobrem o amor depois de trabalharem bem o relacionamento ( acho que vou apresentar esse livro pro meu namorado kkk) ótimo post.

    ResponderExcluir
  7. Fui seduzida logo pela capa. É perfeita, cara.
    A sinopse me chamou a atenção. Gosto de livros onde há uma certa resistência em relação ao romance, isso prende o leitor e o deixa ansioso e aflito torcendo pelo casal. Fiquei bem curiosa em relação a obra.

    ResponderExcluir
  8. Já tinha visto essa capa, que gostei, apesar de odiar capas com rostos. Mas também não ficou linda, ficou legal apenas. rs Gostei da premissa, mas estou tão cansada dessas trilogias. Acho que não lerei! :/

    ResponderExcluir
  9. Oi Katielle!
    Que livro fofo. Apesar de parecer bem clichê, eu gostei! *-* É sempre bom ter um romance desses na estante, pra quando dá aquele vontade absurda de ler algo mais "bobinho". Vou esperar a resenha!!

    ResponderExcluir
  10. Amei a capa e o trechinho do livro!! Parece ser um romance bem fofo. Só me desanima o fato de ser uma trilogia... Enfim, vou esperar a resenha pra ver se vale realmente a pena!

    Beijos!!

    ResponderExcluir
  11. Oi Oi,

    Nossa, já tem bastante comentário aqui. HAHA Demorei.
    Hm... O Jogo Perfeito parece ser aquele clichê que mesmo você lendo, lendo, lendo muitos iguais, ainda quer continuar lendo porque ainda acha possível viver um clichê.
    A história parece encantadora.

    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Katielle!
    Além da capa linda o romance parece interessante.
    Seria interessante poder ler esse livro, mas cadê tempo? Tem tantos na pilha...
    Lançamento muito bom, parabéns para Editora.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  13. eu ainda nao tinha lido nada sobre esse lançamento e Que capa linda!! a partir do q tinha escrito fiquei louca pra ler o livro e espero q ele me agrade! adorei o trecho q colocou tbm!

    ResponderExcluir
  14. Não tinha visto nada a respeito desse lançamento ainda, mas não me interessou muito não :/ Meio cansada desses romances, sei lá kkkk

    ResponderExcluir
  15. Meninas,
    Obrigada por todos comentários.
    Apesar de algumas acharem que é mais do mesmo estou bem curiosa. Adoro new adults e essa capa está linda.
    Bjus!

    ResponderExcluir
  16. Oiee.
    Sinceramente não me interessei pelo livro, ao menos por enquanto.
    Quem sabe depois que eu me aprofundar um pouco mais na história ou ler alguma resenha eu me interesse, mas por enquanto não.
    Bjokas!

    ResponderExcluir
  17. Eu não tinha visto nada sobre esse livro ainda, mas fiquei um pouquinho interessada, a capa ao meu ver está mais ou menos, ela causa interesse mas ao mesmo tempo não, quanto a sinopse está incrível, realmente me chamou a atenção, mas no momento não estou podendo comprar mais nada e assim será por um bom tempinho kkkk Mas irei esperar resenha oo/

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  18. Louquinha pra ler este livro, amei a resenha

    ResponderExcluir
  19. Vixe é impressão minha ou é mais um na lista interminável de livros clichês sem sal que um quer o outro e nem um dos dois quer compromisso e acabam numa relação explosiva? Pode até ter um ponto de diferencial, mas acho que esse eu passo!

    ResponderExcluir