15 de outubro de 2014

Mar da Tranquilidade - Katja Millay

Livro: Mar da Tranquilidade (The Sea of Tranquility)
Autor (a): Katja Millay
Número de Páginas: 368
Editora: Arqueiro (parceria)
Compre aqui.

Sinopse: Nastya Kashnikov foi privada daquilo que mais amava e perdeu sua voz e a própria identidade. Agora, dois anos e meio depois, ela se muda para outra cidade, determinada a manter seu passado em segredo e a não deixar ninguém se aproximar. Mas seus planos vão por água abaixo quando encontra um garoto que parece tão antissocial quanto ela. É como se Josh Bennett tivesse um campo de força ao seu redor. Ninguém se aproxima dele, e isso faz com que Nastya fique intrigada, inexplicavelmente atraída por ele.
A história de Josh não é segredo para ninguém. Todas as pessoas que ele amou foram arrancadas prematuramente de sua vida. Agora, aos 17 anos, não restou ninguém. Quando o seu nome é sinônimo de morte, é natural que todos o deixem em paz. Todos menos seu melhor amigo e Nastya, que aos poucos vai se introduzindo em todos os aspectos de sua vida.
À medida que a inegável atração entre os dois fica mais forte, Josh começa a questionar se algum dia descobrirá os segredos que Nastya esconde – ou se é isso mesmo que ele quer.
Eleito um dos melhores livros de 2013 pelo School Library Journal, Mar da Tranquilidade é uma história rica e intensa, construída de forma magistral. Seus personagens parecem saltar do papel e, assim como na vida, ninguém é o que aparenta à primeira vista. Um livro bonito e poético sobre companheirismo, amizade e o milagre das segundas chances.

Mar da Tranquilidade é um dos lançamentos de setembro da Editora Arqueiro e o primeiro romance de Katja Millay.

Eu relutei bastante em solicitar esse livro para resenha, não curti a capa e o nome também não me dizia nada. Hoje, eu agradeço por tê-lo solicitado, esse livro é maravilhoso e acho que nem todas as palavras do mundo serão capazes de explicar isso.

Mar da Tranquilidade é narrado em primeira pessoa; Nastya e Josh alternam capítulos para contar sua história. O livro começa com Nastya iniciando em uma nova escola, longe de sua cidade natal e longe de sua família. Ela não fala e se veste como uma prostituta (palavras dela) para ir a escola, mas na realidade ela não é assim, Nastya só quer afastar as pessoas, fugir daquilo que destruiu sua vida. Seu primeiro dia de aula não é dos melhores, alguns riem, outros se afastam, mas tem aqueles curiosos como Drew, o pegador da escola; aqui eu pensei que seria mais um daqueles livros em que o cara que traça todas se apaixona perdidamente pela mocinha, mas ainda bem que eu estava enganada, pois não é em Drew que Nastya fica interessa e sim num garoto que senta sozinho na hora do almoço, um garoto que ninguém se aproxima, ele é Josh.

Todos da escola conhecem a história de Josh, ele é sozinho no mundo; as pessoas não se aproximam, ninguém fala com ele, exceto Drew, seu melhor amigo. Achei diferente a amizade dos dois, afinal, são duas pessoas opostas, enquanto um é festeiro o outro completamente na dele. A válvula de escape de Josh é a carpintaria, desde pequeno trabalha com isso. Quando Josh conhece Nastya sua vida pacata muda completamente.

Isso que contei aí em cima são somente as primeiras páginas do livro, a autora começa a nos envolver numa história maravilhosa, cheia de conflitos, tramas e segredos. Classifico esse livro como uma New Adult, mas não pense você que assim que Nastya e Josh se encontram, surge uma química entre eles e os dois não conseguem manter as mãos afastadas um do outro, não é isso que acontece, a trama é muito mais profunda, cheia de dramas, amizade, amor. O relacionamento deles acontece aos poucos, na base da confiança e parece errado que eles fiquem juntos, afinal são tão diferentes; a única coisa que eles têm em comum é a dor que a vida é capaz de provocar numa pessoa.

Não sei como explicar, mas esse livro é cheio de surpresas, a cada página uma coisa diferente. O livro não é focado só em Nastya e Josh, outras pessoas que gostam muito dos dois também fazem parte da história; essas pessoas só querem ajudar e no decorrer do livro algumas delas sofrem transformações, exemplo disso é Drew.

Mar da Tranquilidade fala de amor e superação. Vocês não imaginam minha felicidade em ter oportunidade de ler esse livro, se eu o encontrasse em uma livraria certamente passaria longe e eu estou aqui para dizer para você não fazer isso, se você encontrá-lo na livraria compre logo, vale a pena cada centavo investido nessa obra.

Obrigada a Editora Arqueiro por esse livro perfeito. <3

Leitura recomendada.

Josh Bennet Maldito da Silva. A esta altura, tenho certeza de que, se eu encontrasse a certidão de nascimento dele, estaria escrito exatamente isso.
- Por que você a chama de querida e nunca usa expressões carinhosas comigo?
- Eu uso sim. Na semana passada eu chamei você de "a cruz que eu carrego".
- É mesmo. Nesse dia você estava inspirada.
Sempre planejei contar a verdade. Eu só precisava de um tempo. Precisava ter a chance de encontrar as palavras certas e a coragem para dizê-las. Não fiz um voto de silêncio. Não fiquei muda subitamente. Apenas não encontrava as palavras...

Outras capas:

   


 Postagem válida para o Top Comentarista outubro.


17 comentários

  1. Adorei a capa. É diferente e bem interessante. Chamou bastante minha atenção. Agora sobre a história que você resenhou aqui, fiquei encantada. Parece um romance intenso e emocional demais. Você conseguiu me deixar ansiosa pra ler. Espero conseguir logo. Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Beth,
      Esse livro é lindo, fiquei muito surpresa com o que encontrei nele.
      Você irá gostar.
      Beijos.

      Excluir
  2. Oii
    Está vendo, o livro te surpreendeu sem você esperar..rs É assim mesmo..
    E parece que foi boa mesmo a leitura. Sua resenha foi a mais completinha que vi até agora, desse livro.
    Um dia eu ainda leio.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Leiticia,
      Foi uma grande surpresa mesmo e eu adorei.
      Leia sim, você vai gostar.
      Beijos.

      Excluir
  3. Concordo e discordo de você, já de cara. haha
    A capa também não me atraiu, acho que não ficou legal. Porém, eu gostei bastante do nome e, através dele, tive algumas ideias sobre o livro.
    Gostei bastante da sua resenha e daria uma oportunidade a obra, sem dúvidas. O fato da autora nos surpreender me cativa mais ainda.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de outubro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiee,
      kkkkkkkk pois é, a capa até tem haver com algo que os personagens gostam, mas sei lá, não gostei mesmo. Quanto ao nome, esperava que fosse uma coisa tranquila e não o turbilhão de emoções que encontrei.
      Enfim, o livro é lindo, leia que você vai amar.
      Beijos.

      Excluir
  4. Oiee.
    Essa capa realmente é uó, muito feinha.
    Mas que bom que a história não é né, eu gostei muito da resenha, não dava nada por esse livro e me surpreendi em saber que ele é tão cheio de surpresas.
    Espero conseguir lê-lo em breve.
    Até mais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Iêda,
      Leia sim, esse é daqueles que livros que valem a pena, que ficam por muito tempo na nossa cabeça.
      Beijos.

      Excluir
  5. Nossa que história linda, parece ser super emocionante, estou doida pra ler e cada resenha que leio dele me deixa ainda mais ansiosa, já foi pra minha lista de próximas leituras.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Milena,
      Leia sim, você irá amar esse livro.
      Beijos.

      Excluir
  6. Olá Katielle,
    Desde a primeira vez que li algo sobre o livro, ele me chamou a atenção, ele parece ser ótimo. A capa eu achei linda, por ter algo mais simples. Eu pretendo ler logo ele.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Juliana,
      Leia sim, você vai gostar.
      Beijos.

      Excluir
  7. Desde o lançamento queria muito saber desse livro, achei a capa intrigante por demais, e vejo que vou amar a leitura por ser realmente um livro bom, ainda mais contendo segredos e tramas, esses conflitos me prendem.

    ResponderExcluir
  8. A capa não me atrai muuuito pra ser sincera!
    Mas a historia em si, sim me chamou atenção
    em varios fatores, parece aquele tipo de livro
    que vc simplesmente vira a personagem !

    ResponderExcluir
  9. Também fiquei na dúvida em solicitar, pensei que fosse um drama muito carregado, mas vejo que me enganei. As resenhas positivas que venho lendo só me deixam curiosa e ansiosa pela leitura.
    Parabéns pela leitura e resenha, me convenceu!!! Beijos

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir
  10. Ao contrário de vc, fiquei interessada neste livro desde que li a sinopse, rsrs.
    Já li outras resenhas bem positivas também e estou super curiosa para conhecer essa trama tão profunda.
    Bj!

    ResponderExcluir
  11. A capa realmente não é das mais bonitas, mas apesar de tudo eu já tinha me interessado pelo livro... E agora estou arrependida de até agora não ter procurado essa história para ler kkk Parece ser maravilhoso! Quem diria que a menina que se veste de prostituta e o menino que vive afastado de todos poderiam ter algo em comum... Até eu estou curiosa pra saber quais são os segredos dela... Quero ler urgentemente! \o/
    PS: A capa em italiano é a mais bonita delas... Se fosse essa aqui no Brasil, eu tenho certeza que chamaria muito mais a atenção
    Kisses =*

    ResponderExcluir