21 de abril de 2015

Dominados - Mila Wander

Livro: Dominados
Autor (a): Mila Wander
Número de Páginas: 490
Editora: Qualis (parceria)
Compre aqui.

Sinopse: Laura Diniz está concorrendo a um cargo na diretoria da Construtora Marcos Delacox. 
Henrique Farias também.
Laura Diniz é orgulhosa, ambiciosa, poderosa e viciada em desafios. 
Henrique Farias também.
Laura Diniz é uma dominatrix fatal. 
Henrique Farias é um dominador intenso. 
O JOGO DE PODER E SEDUÇÃO SÓ ESTÁ COMEÇANDO...

RESENHA por Katielle Borba.

Oi gente, tudo bem?

A resenha de hoje é do primeiro livro recebido em parceria com a Qualis Editora. Dominados é de Mila Wander. Mila é sucesso com o seu livro Despedida de Solteira que sei que muita gente já deve ter lido.

Dominados traz a história de Laura Diniz a Henrique Farias. Os dois trabalham na construtora Marcos Delacox; ele contador, ela na parte de estratégia. Os setores são diferentes, mas a empresa abre uma nova vaga de diretor(a) geral e os candidatos são Laura e Henrique. Até seria uma competição normal entre colegas, mas os dois são dominadores e nenhum irá ceder na hora da disputa e na hora da paixão.

Foi com grande alegria que iniciei está leitura. Dominados é cheio de amor, paixão, intrigas e reviravoltas. Logo nas primeiras páginas o livro me prendeu, afinal não tem como não ficar mexida com os dois protagonistas, é tanta emoção que em alguns momentos tive que dar uma pausa, pois meu coração não aguentaria. Laura e Henrique são intensos, com eles não existe marasmo, passam a maior parte do tempo brigando e a outra tentando dominar um ao outro.

Laura é uma batalhadora, sofreu muito na infância/adolescência e hoje cuida de sua irmã e dá duro para mostrar que a mulher pode ser tratada igual ao homem, principalmente no mercado de trabalho. Laura não gosta de injustiças e é sempre pelo certo. Seus colegas de trabalho tem medo dela e a irmã a odeia, mas ela não está nem aí para isso, só quer mostrar o seu valor.  Quem a conhece não imagina seu gosto peculiar pelo sexo, afinal ela é uma dominatrix é tem seu próprio escravo.

Henrique é um boa vida, está sempre de bom humor e gosta do seu trabalho. Tem uma família que o ama. 
A disputa entre Henrique e Laura até poderia ser algo saudável, mas não é assim que as coisas acontecem, pois ele também é um dominador. Mas ao contrário de Laura, Henrique não teve traumas nem tem nenhum motivo para ser assim, ele simplesmente gosta de dominar. 
Além da disputa de trabalho, os dois disputarão o poder que tem sobre o outro. Nenhum deles quer ceder na hora de se entregar e quando isso acontece é de tirar o fôlego.

Dominados é narrado em primeira pessoa, alternando entre Laura e Henrique; a narrativa é muito envolvente, mas confesso que em algumas partes me senti cansada, parecia que eu estava lendo a mesma coisa; não sei se aconteceu o mesmo com os outros leitores. A carga dramática do livro é muito intensa, pois Laura guarda um segredo e por conta do que aconteceu no seu passado ela não confia em ninguém e é do jeito que é hoje, dominadora, arrogante e egoísta. Henrique é a primeira pessoa a penetrar nas defesas dela e aos poucos vai ganhando sua confiança, mas eles ainda têm a disputa do trabalho e isso pode acabar os afastando definitivamente.

O trabalho da Qualis Editora está lindo. A capa é perfeita, a diagramação maravilhosa; em cada início de capítulo temos detalhes que dão um charme a mais ao livro. A fonte da letra também é de bom tamanho, maior do que estamos acostumados, por isso o livro parece ser tão grande. Obrigada a Qualis Editora por ceder esse livro lindo.

Enfim, se você gosta de personagens fortes, intensos, de uma história quente, mas muito quente, Dominados é o seu livro. Se você tiver interesse, leia essa história linda de amor.

- Vou deixar uma coisa bem clara, Henrique Farias: eu não sou sua amiga e não pretendo ser. Sua voz era só rispidez. – Quero a sua derrota, quero que fraqueje. Eu te desejo muito, mas no fim realmente vou querer que se dane para bem longe de mim. (...) Eu não sou simpática, não sou legal, não gosto da companhia de ninguém e muito menos da sua.
Às vezes uma simples verdade dita na cara elimina toda uma série de mal-entendidos.
- Quem foi o cara que substitui o seu coração por um pedaço de pedra instransponível? – Henrique riu ironicamente. Morri de raiva.
- Ninguém
- Ora, vamos lá. Fica difícil confiar na sua palavra desse jeito. Conte-me sua historinha.
Bufei.
- Era uma vez o amor. Então eu o matei e vivi feliz para sempre.

Leitura recomenda.

Postagem válida para o Top Comentarista abril.



10 comentários

  1. Estou doida pra ler esse novo livro, gostei muito do Despedida de Solteira da Mila, curto muito personagens fortes e uma história bem quente.

    ResponderExcluir
  2. Tambem achei a capa linda demais, imagino que o embate entre esses dois dominadores vai render demais, ja ate imagino qual é o trauma da mocinha mas gostei que pelo menos o Henrique é dominador porque gosta nada a ver com traumas.

    ResponderExcluir
  3. Kati!
    O livro é feitinho para mim.
    Gosto de personagens fortes e intensos e quanto mais quente melhor!
    O título é bem sugestivo e gosto de ler o tipo de dominação que será feita.
    Bem curiosa.
    “A melhor maneira de ser feliz é contribuir para a felicidade dos outros.”(Confúcio)
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Kati...
    Adoro quando tem um drama na história.
    Eu me interessei quando vi este livro e gostei de saber que você gostou.
    Leria com certeza.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Eita que história boa essa. Já conseguiu me deixar curiosa. Não fazia ideia que seria tudo isso. Com certeza vou adorar me aventurar nessa linda história. Se tem um drama assim,só pode ser coisa boa.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. esse ultimo quoteeee ! achei incriveeel kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk ! o livro parece ser bom , mds que disputa kkkkkkkkkkk , se entreguem um p outro logo kkkkkkk , nao curto muito hots mais estou achando algum que estao despertando meus interesses e esse de fato é um deles , o livro parece ser mt bom ! e quero saber o segredo do passado dela !

    ResponderExcluir
  7. Oi, Katielle!
    " - Era uma vez o amor. Então eu o matei e vivi feliz pra sempre." Kkk Amei essa frase!!
    Dá pra imaginar os diálogos engraçados do livro, o que eu amo em um livro! Também curto casais que brigam o tempo todo, dá mais emoção a história. Gostei da narrativa ser feita em primeira pessoa ora pela Laura e ora Henrique, assim conseguimos saber o que se passa na cabeça de cada um.
    Bjos!

    ResponderExcluir
  8. Uau amei,e quanta dominação nesse livro,até imagino os dois um querendo controlar o outro,é problema na certa.Há tempos eu quero ler algo da Mila e essa é uma ótima oportunidade.A editora caprichou mesmo na capa que está maravilhosa.

    ResponderExcluir
  9. Katielle gostei de saber um pouco mais sobre esse livro. Muitos elogiam os escritos dessa autora, mas ainda não li nada. Valeu pela dica!!! Quem sabe após finalizar Cinquenta tons de cinza eu embarque nos livros dela =)
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Que resenha linda!! Ameei!!
    Amei teu blog também, superfofo!!
    Muito obrigada!! Sucesso!!!

    Beijocas!

    ResponderExcluir