8 de junho de 2015

Primeiro e Único - Emily Giffin

Livro: Primeiro e Único
Autor (a): Emilly Giffin
Número de Páginas: 448
Editora: Novo Conceito (parceria)
Compre aqui.

Sinopse: Shea tem 33 anos e passou toda a sua vida em uma cidadezinha universitária que vive em função do futebol americano. Criada junto com sua melhor amigas, Lucy, filha do lendário treinador Clive Carr, Shea nunca teve coragem de deixar sua terra natal. Acabou cursando a universidade, onde conseguiu um emprego no departamento atlético e passa todos os dias junto do treinador e já está no mesmo cargo há mais de dez anos.
Quando finalmente abre mão da segurança e decide trilhar um caminho desconhecido, Shea descobre novas verdades sobre pessoas e fatos e essa situação a obriga a confrontar seus desejos mais profundos, seus medos e segredos.
A aclamada autora de Questões do Coração e Presentes da Vida criou uma história extraordinária sobre amor e lealdade e sobre uma heroína não convencional que luta para conciliá-los.

RESENHA por Katielle Borba.

Oi gente, tudo bem?

A resenha de hoje é de um dos lançamentos da Novo Conceito. Primeiro e Único é o sétimo livro da autora Emily Giffin.

Não verdade nem sei como começar a escrever tudo que esse livro representeou para mim, mas vou tentar do início. Quando a Editora anunciou este lançamento, fiquei muito interessada, primeiro pela capa e segundo por ser da Emily. Já li todos os livros dela e sei que sempre são cheio de dramas e emoções. Li a sinopse e percebi que ela não me dizia nada, então eu não sabia o que esperar desta leitura. No momento em que o livro chegou para mim e iniciei a leitura, foi como se eu tivesse sido arrebatada e jamais eu esperaria encontrar a história que encontrei.

Primeiro e Único entrelaça a vida de várias pessoas e duas delas são Shea e Lucy, melhores amigas desde a infância sempre estiveram juntas nos momentos bons e ruins. O momento do livro é bem ruim, pois Lucy acaba de perder sua mãe e parece que a dor nunca irá passar. Shea está ali para ajudar, mas também sente tristeza por perder uma pessoa que foi tão especial na sua vida.

Depois do enterro, Shea percebe que quer mudar de vida, mudar de emprego, ter um namorado que seja verdadeiramente atencioso, ela quer ter novas ambições. Uma das pessoas que irá ajudá-la neste processo é o Treinador Carr, pai de sua melhor amiga Lucy. O que os dois têm em comum é o futebol americano; Shea sempre  foi apaixonada por este esporte tanto que hoje ela trabalha para o time que o Sr. Carr treina. O treinador Carr sempre foi mais chegado a Shea, mesmo ela não sendo sua filha, afinal ela gosta de futebol tanto quando ele. Depois de perder sua esposa ele sentiu-se sozinho e junto com todas as pessoas que estão a sua volta tentará seguir em frente da melhor forma possível.

Primeiro e Único é nada menos que incrível e perfeito. Se você leu a sinopse e não ficou com vontade de ler, esqueça! Nunca eu esperaria encontrar nessas páginas a história que encontrei. O livro é completo, denso e com uma narrativa maravilhosa. No início eu não esperava muita coisa, mas conforme as páginas passavam, eu não acreditava no que estava acontecendo; a trama é boa e dramática ao mesmo tempo, que às vezes eu pensava que se acontecesse certas coisas eu não iria aguentar.

O livro trata de amor, entrega, amizade, superação, amor proibido e violência; esses dois últimos me deixaram abismada, pois a autora inseriu os temas de uma maneira muito suave. São tantas coisas acontecendo na vida de Shea, tantas decisões a serem tomadas que é até difícil acompanhar. Não pensem que tudo isso aconteceu em um mês, não, os acontecimentos se deram no período de um ano e mesmo assim em nenhum momento achei que o livro foi corrido, aconteceu tudo no momento certo, como tinha de acontecer.

Para quem gosta de esporte, Primeiro e Único também é um livro perfeito. A autora nos insere no mundo do futebol americano, sabemos o que acontece nos bastidores e toda a sujeira que tentam esconder de baixo do tapete. Em nenhum momento isso se torna cansativo, pois é tudo bem escrito e somos arrebatados com a paixão de Shea por esse esporte.

Já li todos os livros da Emily Giffin e sem sombra de dúvida este aqui é o melhor (minha singela opinião). A capa do livro combina muito bem com toda a história, mas nunca um título fez tanto sentindo para mim. A Novo Conceito está de parabéns pelo trabalho bem feito.

Se você tiver oportunidade leia Primeiro e Único, tenho certeza que irá amar tanto quanto eu.

(...) As melhores coisas da vida parecem simples. Mas só parecem.
- Você me ama? – questionei, sentindo o coração sair pela boca.
- Sim eu te amo. Estou perdidamente apaixonado por você. Te quero mais que tudo. (...)
- Acredito em você – sussurrei, sentindo os joelhos fraquejarem. – Acredito em você.
- Bom, já é um começo. Um bom começo – ele disse.

Leitura recomendada.

Outras capas:

 

Postagem válida para o Top Comentarista junho.


29 comentários

  1. oi flor, eu li esse livro no feriado agora e ainda estou me recuperando para resenhar! em alguns momentos amei Shea, em outros a detestei! não acho que a situação em que ela se encontra seja fácil, mas creio que ter protelado não foi saudável! o título vem bem a calhar mesmo, mas também acho previsivel com o restante da trama, tipo spoilers e no final gostei muito de aprender mais sobre futebol americano
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thaila,
      Acho que o erro dela foi ter dado esperanças ao Jogador, ela só estava se enganando. E coitada, eu fiquei com pena dela que se encontrava numa situação muito difícil. No lugar dela eu não saberia o que fazer acho que não teria coragem de seguir como ela fez.
      Beijos.

      Excluir
  2. O único livro que li da Emily foi "Presentes da vida " e este facilmente se tornou um dos meus livros prediletos e confesso que quando eu vi esse livro fiquei tipo " não sei se quero ler o.o " mas com a sua resenha mudei de ideia e vou dar uma chance a esse livro , o segundo motivo é porque á a Emily e eu lembro que só faltei ter ataques do coração lendo seu livro kkk Ótima resenha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rissia,
      Leia sim, esse livro é maravilhoso.
      Já li todos os livros dela e com certeza Primeiro é Único é favorito.
      Beijo

      Excluir
  3. Oi Kati, nunca ali nada dessa autora, embora tenha livro dela aqui na estante, na espera há anos, hehe... Adorei a sua resenha e fiquei mega empolgada por ler o livro, acho que eu vou gostar... Parabéns pela resenha, beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lu,
      Leia sim ou nunca mais falo contigo kkkkkkkk
      Beijos amiga.

      Excluir
  4. Estou doida pra ler esse livro, gosto muito da escrita da Emily Giffin e cada resenha que leio dele me deixa ainda mais ansiosa em conferi essa história.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Milena,
      Leia, tenho certeza que você vai gostar.
      Beijo.

      Excluir
  5. Ahh..gostei mais das capas de fora viu?! Adoro essas artes com letras diferentes.
    Ainda nao li nada com o tema do esporte de fundo e pela sua empolgação pelo jeito o livro é bom mesmo!
    Quando lançou o livro eu já tinha gostado da pequena sinopse que li.
    Ainda nao conhecia o trabalho da Emily Giffin, pelo jeito esse vai ser o primeiro de muitos.
    Bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Suzzy,
      Eu também gostei das capas de fora, mas achei que a nossa representou muito bem o livro.
      Como assim não lei nada com o tema esporte?? Tá perdendo tempo viu, pq tem uns homens maravilhosos... kkkkkkkkk
      Leia sim, esse livro é maravilhoso, a história é linda e fiquei bastante emocionada. Tomara que você goste.
      Beijos

      Excluir
    2. Hahaha..homens maravilhosos!! Amoooo!

      Excluir
  6. Eu quero muito ler esse lvro
    Primeiramente o que me chamou atenção foi a capa tbm
    Nunca li nenhum livro da autora
    Como vc disse que esse é o melhor agora estou aqui com expectativas a mil

    http://malucaspor-romances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana,
      Leia sim, o livro é lindo, gostei muito.
      Beijos

      Excluir
  7. Quando eu vi a capa eu jurava que fazia parte da series dos Sullivans mas depois de ler a resenha vi que nem a autora é a mesma (dãããã...) gostei bastante da história, mas acho que esse não seria o momento que eu leria, me parece bem dramatico, msm sendo legal, e isso nesso momento da minha vida não seria bom! Gostei do fato de como vc falou as coisas acontecerem em um ano e não ser um livro corrisdo, pois acho isso mto chato, ou faz com pouco espaço de tempo ou escreva mais páginas pois é horrivel aquela sensação de faltar algo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Samantha,
      kkkkkk esse é o problemas das capas parecidas, parece até que são feitas no paint... kkkkkk
      É um pouco dramático sim, mas vale a pena. A história é linda e ficamos apreensivos até o final.
      Beijos

      Excluir
  8. Kati!
    Pois é, é por essas e outras que deixei de ler as sinopses. Elas por vezes não dizem nada do que podemos encontrar no livro.
    Gosto muito da autora e pelo que li em sua resenha, é mais um daqueles livros de superação onde a amizade está bem presente.
    Bom demais!
    “Conhece-te a ti mesmo e conhecerás o universo e os deuses.”(Sócrates)
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rudy,
      Sabe que quase nunca eu leio sinopses de livros? Normalmente eu compro pela capa ou por algum comentário que li. Depois que leio algumas páginas é que leio a sinopse. Sempre tenho medo de que a sinopse conte mais do que deve e isso já aconteceu algumas vezes, acaba estragando a surpresa.
      Sim, a amizade é uns dos temas fortes em Primeiro e Único.
      Beijos.

      Excluir
  9. Caramba, confesso que li a sinopse e não me interessei muito. Mas depois de que você disse fiquei super apaixonada e curiosa. Amo histórias assim que te emocionam, te prendem. Dramas é a minha paixão. E com certeza este se tornou um dos que mais quero ler.

    Inquietudes Secretas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Liih,
      Se gosta de drama, então você vai amar. Livro lindo e com uma história muito envolvente.
      Beijo.

      Excluir
  10. Oi Kati, tudo bom??
    Adorei a resenha, estou com o livro lá em casa, acho que vou ler ele logo!!!
    Primeira vez que conheço o blog (conheci meu twitter, estou seguindo) e ual, to encantada, ele é lindo demais!
    Um beijo.
    Garota do Livro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Katrine,
      Obrigada pelos elogios. Leia o livro sim, você vai amar.
      Beijos

      Excluir
  11. Poxa amiga quanto amor por uma autora, não sabia que vc tinha lido todos os livros dela =) tenho alguns aqui em casa e minha mãe tem outros mas ainda não os li, pretendo ler pelo menos um esse ano.
    Gostei da sua resenha e agradeço pela dica. Beijos

    P.s. Confesso que a capa não chamou minha atenção, mas respeito sua opinião e gosto. Cheiro minha linda!!!

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiii amiga,
      Li sim, alguns gostei mais que os outros. Esse aqui sem dúvida é o melhor de todos.
      Eu gosto dessa capa, acho que mostra bem a história.
      Beijo.

      Excluir
  12. Oie,
    realmente eu não dei muito pelo livro por causa da sinopse, mas desse jeito que você falou fiquei até balançada.
    Muito bom saber que a autora mescla tanto assuntos e de maneira sutil.
    Acho que não li nada da autora ainda.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Déborah,
      Primeiro e Único é ótimo e eu gostei muito, mas muito mesmo da leitura.
      Beijo

      Excluir
  13. Apesar de ter um livro da autora aqui em casa, ainda não o li. Mas sei o quão elogiados são seus livros. Em relação a sinopse, fico chateado quando somos "enganados" por ela, mas, nesse caso, ela não te prometeu nada. Então foi uma bela surpresa. Já em relação a trama, legal ver que a autora deu o tempo certinho para todos os acontecimentos. Não deixou nada corrido, nem muito devagar. Enfim, claro que vou querer ler esse também.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nardonio,
      Pois é, foi isso que gostei, a sinopse não diz nada. É muito chato quando conta demais. Leia sim, tenho certeza que irá gostar.
      Beijos.

      Excluir
  14. Oi Kati :D

    É verdade que a sinopse não é tão chamativa, mas como já conheço a narrativa da Emily Giffin eu já estava com vontade de ler o livro. Dos livros que li dela todos mexeram comigo, parece que ela sabe fazer nós leitores sentirmos as mesmas sensações que os personagens!
    Não sou fã de futebol americano, mas para mim o interessante do livro é o sofrimento de Shea e Lucy, e em como elas irão lidar com isso. Adorei a resenha..
    Beijos.
    Blog Passeando com os livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vi,
      Eu gosto desses livros dramáticos, parece que as histórias chegam bem perto da realidade. A Emily é incrível em todas as historias que escreve.
      Leia que você vai gostar.
      Beijos

      Excluir