9 de julho de 2015

Rush Sem Limites - Abbi Glines

Livro: Rush Sem Limites
Rosemary Beach #4
Autor (a): Abbi Glines
Número de Páginas: 192
Editora: Arqueiro (parceria)
Compre aqui .

Sinopse: Rush sem limites conta a história de Paixão sem limites sob ponto de vista de Rush.
Rush merece sua reputação de bad boy. Com seus carros de luxo e sua mansão de três andares à beira-mar, o filho de um famoso astro do rock tem uma fila de garotas a seus pés. No entanto ele precisa apenas de duas pessoas para ser feliz: seu irmão postiço e melhor amigo Grant e sua meia-irmã Nan.
Até que Blaire Wynn chega à cidade em sua velha caminhonete. A beleza angelical da garota do Alabama logo chama a atenção de Rush. Mas, por causa de um segredo de família, ele decide manter distância de Blaire. Mesmo que ela precise de sua ajuda. E mesmo que ela lhe desperte sentimentos desconhecidos.
Órfã de mãe e abandonada pelo pai, Blaire está sozinha no mundo – porém Rush entende que se aproximar dela pode destruir a vida da irmã, a quem protegeu desde que eram crianças. A relação secreta entre as duas e o ódio que Nan nutre por Blaire são mais do que bons motivos para Rush manter-se afastado. Só que ele não consegue. O desejo fala mais alto.
Depois do sucesso da trilogia Sem Limites, Abbi Glines leva os leitores de volta ao início dessa história de amor. Em Rush sem limites, você entrará na mente do bad boy que já conquistou milhões de fãs mundo afora. 

RESENHA por Katielle Borba.

Oi pessoal, tudo bem?

O comentário de hoje é sobre o livro Rush Sem Limites de Abbi Glines, publicação da Editora Arqueiro.

Este livro é a versão do Rush para o primeiro livro da série. Para quem não lembra Paixão Sem Limites conta a história de Blaire, uma moça do Alabama que perdeu tudo o que tinha em sua vida, ela anda armada e tem uma caminhonete velha. Como não tem mais ninguém que a ame no mundo, ela viaja até Rosemary Beach para encontrar o único membro que restou de sua família, mas chegando lá, Blaire irá conhecer seu pior pesadelo, Rush Finlay.

O parágrafo acima é um resumo do primeiro livro. Em Rush Sem Limites temos todos esses acontecimentos narrados por Rush. Confesso para vocês que depois de terminar o livro, me senti muito decepcionada; eu esperava algo novo, novos acontecimentos, alguma coisa diferente, mas não foi isso que aconteceu. Foi mais do mesmo, os mesmo acontecimentos e por incrível que pareça não fiquei conectada com o Rush e olha que adoro ele.

Eu preferia ter ficado com a versão que Blaire nos apresentou no primeiro livro; naquela época, achei Rush um babaca em alguns momentos, mas mesmo assim ele conquistou meu coração. Blaire na versão de Rush só reforçou as boas lembranças que eu tinha dela; moça trabalhadora, esforçada, que se adapta as adversidades e nunca reclama de nada.

Algo que não mudou em todos os livros da série e acho que nunca mudará é o meu desprezo pela Nan, irmã de Rush. Cada vez que leio algo dela, fico mais convencida de que não há história ou motivos criados pela autora que me farão gostar dela; posso morder minha língua, mas ela sempre será infantil e mimada.

Rush Sem Limites não é de todo ruim, afinal quem é fã da série tem que ler o livro. Eu li porque gosto muito, mas com toda minha sinceridade digo que esse livro não me acrescentou em nada. Até gostaria de escrever algumas outras coisas, mas se eu fizer isso certamente acabarei soltando um spoiler.

Procurei algumas resenhas para ler no Skoob e parece que só eu não curti o livro tanto assim (kkkkkk), mas tudo que falei foi com sinceridade e estou aguardando ansiosamente pelos livros do Grant.

Enfim, recomendo a leitura para quem gosta e é fã da série.

Leitura recomendada.

Esta não é uma história de amor comum. Na verdade, é tão complicada que nem chega a ser linda. Mas quando você é o filho bastardo do lendário baterista de uma das bandas de rock mais amadas do mundo, é de esperar que seus relacionamentos não sejam perfeitos.

Série Rosemary Beach:
4. Rush Sem Limites; (Rush)
7. Take a Chance; (Grant)
8. One More Chance; (Grant)
9. You Were Mine; (Bethy)
10. Kiro’s Emily;
11. When I’m Gone; (Mase)
12. When You’re Back. (Mase)


Outras capas:

   


Postagem válida para o Top Comentarista julho.


25 comentários

  1. Humm, que pena! Eu gosto de livros sob o ponto de vista do cara, mas com certeza seria melhor se tivesse alguma novidade nele. Não custava nada, poxa, rs. Eu não sabia sobre a tal irmã, mas já to odiando, rsrs. Vou investir na série agora pq eu to atrasada. Vou ler o Paixão sem Limites na maratona de inverno e com certeza, no final da série, vou querer ler o do Rush!! ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Crika,
      Leia sim, essa série é ótima, pelo menos eu adoro. Só este livro que não curti muito.
      Beijos.

      Excluir
    2. Oie!!!
      Vim contar que li tudo recentemente, um atrás do outro. Adorei!!! A Blaire é uma ótima menina, como é forte, impressionante.. Eu gostei do Rush. Deu suas vaciladas nas proteções à irmã, mas sempre teve bom coração, me conquistou, achei um fofo depois kkkkkkk. Agora.. Aquela Nan.. Que q é aquela criatura?? Menina odiosa!!!!!!!!!!!!! Vontade de atear fogo em todas aquelas roupas caras dela kkkkkkkkk. Bom, adorei Rosemary Beach! Hoje mesmo comprei os Simples e Estranha Perfeição, são os próximos!!! Mas quero ler a série toda, espero que publiquem tudo por aqui e, de preferência, logo! hahahaha

      Excluir
    3. Oi Crika,
      Eu gosto do Rush, mas não fique brava comigo, até o momento prefiro o Woods kkkkkkk
      A Nan é sem comentários, criatura horrível, imagina o livro dela, tomara que ela sofra bastante kkkkkkkk
      Achei que você já tivesse lido o livro do Woods, tenho certeza que tua preferência de mocinho irá mudar... minha humilde opinião é que ele é muito melhor <3
      Ainda tem o Grant que vem agora em outubro, acho que ele é ótimo também.
      Obrigada pelo comentário.
      Beijão!

      Excluir
  2. Tenho lido algumas resenhas deste livro e geralmente são positivas e assim como a sua, que apesar de ter sido um pouco decepcionante pra você, me levaram a crer que para quem vai começar a ler esta série como seria o meu caso, é uma questão de escolha, começar a história pelo ponto de vista do Rush ou da Blaire, já que os livros não acrescentam nada um ao outro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lili,
      Olha, se eu fosse você começaria pelo primeiro livro mesmo, o da Blaire, pois esse do Rush é o quarto da série. E sem dizer que o da Blaire é muito melhor.
      Leia a série, você vai adorar.
      Beijos.

      Excluir
  3. Oi katielle.
    Uauu, vc ja recebeu e já leu, acredita que meus livros ainda não chegaram??
    Eu adoro essa série e estou bem curiosa para ler Rush, pena que vc não curtiu.
    às vezes isso também acontece comigo, só eu não gosto e vejo todo mundo gostando de um certo livro.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nessa,
      Pois é, a leitura foi bem complicada. Espero que você goste mais do que eu.
      Beijo

      Excluir
  4. Bom ainda não li esta série, e não me interessei muito, apesar das resenhas positivas, não estou me interessando no momento por este tipo de livro, apesar de eu amar um romance, lendo as resenhas deste livro e o tipo de história dele, não me deixou ansiosa e nem curiosa para ler, mas a resenha foi boa demais, que pena que você não curtiu muito o livro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mariele,
      Que pena, eu adoro essa série, só não curti muito este livro.
      Espero que você mude de ideia.
      Beijos.

      Excluir
  5. Hello!!
    Sempre ouvia sobre a série e nunca comprava pra ler. Esses dias vi que cada livro estava por 10 reais e comprei os 3 livros, ainda nao li, mas acho que vou gostar mto pelo que vi no skoob as pessoas comentando.
    Quando vi o lançamento desse livro, achei q era continuação, mas pelo jeito é a mesma estória, mas contada pela visao de outra pessoa ne?! Nao me agrada mto livros assim, primeiro pq o elemento supresa nem vai ter mais, tipo que eu ja sei se eles ficam juntos ou nao, se alguem morre, essas coisas... Aquela emoção e ansiedade de saber tudo nao tem mais sabe?!
    E me sinto mais ou menos enrolada pela autora, parece q ela so queria mais dinheiro e fez isso. 50 tons começou a fazer isso e eu acho q nao vou ler por isso mesmo, a estoria é a mesma.
    A lista de livros que tenho q ler está gigante, hehe...prefiro ler coisas novas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Suzzy,
      É isso mesmo, é a história do primeiro contada pelo Rush, não gostei pq não vi sentido nessa publicação e o final me deixou bem incomodada... queria poder comentar aqui o que penso, mas não dá kkkkkkkkkk iria ser um spoiler.
      Eu gosto dessa série pq depois da Blaire e do Rush vem história de outros personagens.
      Tenho certeza que você irá gostar, só esse livro mesmo que me deixou decepcionada.
      Beijos.

      Excluir
  6. Amei Paixão Sem Limites, acho essa série ótima, estou doida pra ler esse livro e conferi a história pelo ponto de vista do Rush, curto muito um romance narrado pelo homem, todas as outras resenhas que li desse livro foram super positivas, que pena que você não gostou tanto assim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Milena,
      Tomara que você goste mais do que eu. Também adoro Paixão Sem Limites.
      Beijos.

      Excluir
  7. Kati!
    Gosto quando os autores usam o artifício de mostrar a opinião do outro protagonista, principalmente pela visão masculina, que sempre é totalmente diferente da feminina.
    Não li a série ainda, mas pretendo.
    “Às vezes ouço passar o vento; e só de ouvir o vento passar, vale a pena ter nascido.”(Fernando Pessoa)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participe no nosso Top Comentarista!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rudy,
      Leia sim, eu gosto bastante e espero que você também goste.
      Beijos.

      Excluir
  8. Oii
    Já tinha ouvido falar do livro em outros blogs!
    Fiquei interessada pelo livro, gostei muito da sinopse.
    E depois da resenha, acho que irei adiciona-lo a minha listinha!
    Kisses!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cynthia,
      Espero que você goste da leitura.
      Beijos.

      Excluir
  9. Então, eu adoro a Abbi, e o Rush e a Blaire, mas confesso que esse livro também não é o meu favorito dela, acho que foi mais uma jogada de marketing, mas amo as continuações e sempre poder dar uma espiadinha na história deles pelo os outros livros! :)
    Adorei o blog, já curti no face para não perder nada
    Beijos
    Isadora

    www.novoromance.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Isadora,
      Foi bem isso que pensei, acho que não tinha necessidade dessa publicação. Até pq ficou sem sentido, pois não terá outro livro dela com a continuação.
      Beijos.

      Excluir
  10. Pois é amiga quando soube desse livro fiquei empolgada mas depois de ler a sinopse imaginei que seria exatamente o que vc falou na resenha. Mesmo amando a narrativa da Abbi Glines deixei esse livro passar.
    Também estou ansiosa pelos livros do Grant e concordo com vc sobre a odiosa Nan (eca). Enfim foi ótimo saber sua opinião sobre esse livro. Beijos

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi amiga,
      Pois é, eu li só pq gosto muito da Abbi, mas foi decepcionante.
      Espero ansiosamente pelo Grant.
      Beijos.

      Excluir
  11. Oi Kati..
    Que pena que não gostou tanto assim. Eu vou começar a ler por Estranha perfeição e se gostar leio a série toda..rs Sei lá estou vendo ainda.
    Mas normal as vezes termos opiniões diferentes. Eu faço isso entro no Skoob para ver quando todo mundo fala bem de um livro e eu não gostei.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lê,
      Vai começar pelo Woods, é um boa escolha, gosto muito mais dele.
      Espero que você goste sim e leia todos os livros.
      Beijos.

      Excluir
  12. Eu realmente amo muito quando os autores fazem isso, reescrevem a história por outra perspectiva. E nesse caso foi realmente tudo de bom. Temos partes nesse livro que explicam todos os “mal-entendidos” que aconteceram em entre eles e entendemos também as decisões horríveis que o Rush tomava as vezes.

    ResponderExcluir