29 de março de 2016

Nove Regras a Ignorar Antes de se Apaixonar - Sarah MacLean

Livro: Nove Regras a Ignorar Antes de se Apaixonar
(9 Rules to Break When Romancing a Rake)
Os Números do Amor #1
Autor (a): Sarah MacLean
Número de Páginas: 384
Editora: Arqueiro
Compre aqui.

Sinopse: A sonhadora Calpúrnia Hartwell sempre fez tudo exatamente como se espera de uma dama. Ainda assim, dez anos depois de ser apresentada à sociedade, ela continua solteira e assistindo sentada enquanto as jovens se divertem nos bailes. Callie trocaria qualquer coisa por uma vida de prazeres.
E por que não se arriscar se, aos 28 anos, ela já passou da idade de procurar o príncipe encantado, nunca foi uma beldade e sua reputação já não lhe fará a menor diferença? Sem nada a perder, a moça resolve listar as nove regras sociais que mais deseja quebrar, como beijar alguém apaixonadamente, fumar charuto, beber uísque, jogar em um clube para
cavalheiros e dançar todas as músicas de um baile. E depois começa a quebrá-las de fato.
Mas desafiar as convenções pode ser muito mais interessante em boa companhia, principalmente se for uma que saiba tudo sobre quebrar regras. E quem melhor que Gabriel St. John, o marquês de Ralston, para acompanhá-la? Afinal, além de charmoso e devastadoramente lindo, ele é um dos mais notórios libertinos de Londres.
Contudo, passar tanto tempo na companhia dele pode ser perigoso. Há anos Callie sonha com Gabriel e, se não tiver cuidado, pode acabar quebrando a regra mais importante de todas – a que diz que aqueles que buscam o prazer não devem se apaixonar perdidamente.

RESENHA por Katielle Borba.

Oi gente, tudo bom?

A resenha de hoje é do livro (INCRÍVEL) Nove Regras a Ignorar Antes de se Apaixonar da autora Sarah MacLean. O livro faz parte da série Números do Amor e a publicação é da Editora Arqueiro.

Não é segredo para ninguém que acompanha o blog que eu AMO os romances históricos/época e a Sarah está no topo das minhas autoras favoritas. Fiquei muito ansiosa pelo lançamento deste livro e gente, que livro perfeito. Eu achava que não poderia gostar mais das histórias dela, mas como eu estava enganada. Nove Regras a Ignorar Antes de se Apaixonar é maravilhoso; daqueles livros que nos deixa com friozinho no estômago e nos faz acreditar que o amor verdadeiro existe, que o amor não depende da aparência de uma pessoa, mas sim de se entregar completamente.

Calpúrnia Hartwell ou Callie não está mais na flor da juventude, ao contrário, no auge dos seus vinte e oito anos é uma solteirona. Callie frequenta muitos bailes e adora dançar, mas desde sua apresentação a sociedade, muitos anos atrás, nunca foi considerada uma beldade. O que ela sempre teve foi a reputação imaculada e bons modos. Como toda mulher Callie quer encontrar o amor, casar e ter filhos, mas do jeito que as coisas vão isso está distante de acontecer. Ela está cansada de ser certinha, de ter bons modos, Callie quer aventura, quer emoção, paixão e para viver tudo isso ela cria uma lista de nove itens. Esses itens são coisas que somente homens fazem, mas Callie está mais que disposta a quebrar esse paradigma.

Gabriel St. John, Marquês de Ralston, é um libertino. Lindo, charmoso, devasso, rico e de olhos azuis profundos ele é o sonho de toda mulher, e com Callie isso não seria diferente. Gabriel ajudará Callie a realizar os itens da lista, e mais do que isso, mostrará que ela é uma mulher linda e de um valor inestimável.

ESTOU APAIXONADA! Apaixonada por Gabriel, apaixonada pelo livro, apaixonada pela narrativa, apaixonada pela capa. Enfim, estou apaixonada pela obra completa, nem se eu quisesse poderia encontrar um defeito nesta história. Um livro marcante, uma história romântica, cheia de humor, paixão, emoção, aventura e tudo mais que um ótimo livro merece.

O livro é narrado em terceira pessoa e alterna partes entre Gabriel e Callie. A narrativa é ágil, envolvente e inteligente, daquelas que não conseguimos largar a leitura até o final. O livro não é pequeno, tem quase 400 páginas e em nenhum momento me senti entediada com a leitura, ao contrário, eu queria mais e mais.

Callie e Gabriel juntos são excepcionais, eu torcia para que chegassem logo às partes onde os dois estavam juntos. Eles nunca foram amigos, mas Callie sempre nutriu um sentimento por ele, um sentimento que ela escondeu durante uma década. Gabriel nem imaginava essa situação e depois do envolvimento dos dois ele se perguntou várias vezes, onde estava com a cabeça que nunca a havia notado.

Callie não é uma beleza, ela sabe disso e a sociedade nunca a deixa esquecer. Ela se recente da sua aparência, sabe que não tem um corpo bonito, que seus olhos são sem graça e que seus cabelos castanhos são sem vida. Callie também sabe que quando Gabriel a olha ela se sente a mulher mais poderosa do mundo, mesmo que ele negue até a morte.

Além de toda paixão de Callie e Gabriel, o livro também tem muitas aventuras. Callie precisa riscar os itens da sua lista e para isso contará com a ajuda do seu amado. Juntos eles vivem muitas aventuras e isso nos rende muitas risadas.

O livro também é permeado de histórias paralelas, personagens tão cativantes quanto os protagonistas. Durante a leitura também já conhecemos os personagens dos próximos livros da série: Nick St. John, irmão gêmeo de Gabriel, e Juliana Fiori, irmã dos rapazes.

Enfim, é óbvio que recomendo a leitura deste livro cativante e emocionante. É impossível ler essas páginas e não ficar com um sorriso bobo no rosto, impossível ler e não ficar apaixonada por Gabriel.

Aos 28 anos, ninguém tinha nada a dizer dela. Sua reputação sempre fora impecável – durante todo o período em que era importante manter o nome tão imaculado. De qualquer forma, não era como se estivesse prestes a arruinar completamente essa reputação. Não ia fazer nada que um homem da alta-roda não fizesse em qualquer dia sem pensar duas vezes. E, se os homens podiam, por que ela não deveria poder?
Só não estava esperando que ele sorrisse. Então, quando Gabriel sorriu – um sorriso malicioso e devorador que a sacudiu até a ponta dos pés - , estava completamente despreparada. Uma erupção de calor se espalhou por seu corpo e seu coração começou a martelar. Não conseguia parar de olhar para seus dentes brancos, os lábios largos e macios, a covinha solitária em uma das faces.
- Diga os seus termos.
O entusiasmo tomou conta do rosto dela.
- Está bem, para cada partida que eu ganhar... o senhor tem que responder a uma pergunta. Honestamente.
As sobrancelhas dele se juntaram.
- Que tipo de perguntas.
- Por quê? – provocou ela. – Está com medo de perder para mim?
Ele se inclinou para frente.
- Está bem, Imperatriz, mas para cada partida que eu ganhar, a senhorita tem que me conceder um favor... da minha escolha.
Um arrepio a percorreu ao ouvir as palavras, seguido imediatamente de uma sensação aguda de terror.
- Que tipo de favor?- Por quê? – repetiu ele. – Está com medo?
Estou. Ela sustentou seu olhar com firmeza.
- É claro que não.
- Excelente – concluiu ele, dando as cartas rapidamente. – Então vamos tornar isso interessante, que tal?

Leitura recomendada.

Os Números do Amor:
01. Nove Regras a Ignorar Antes de se Apaixonar;
02. Dez Formas de Fazer Um Coração se Derreter;
03. Onze Leis a Cumprir na Hora de Seduzir.

Outras capas:

   


Postagem válida para o Top Comentarista março.


24 de março de 2016

O Príncipe do Prazer - Nicole Jordan

Livro: O Príncipe do Prazer (The Prince of Pleasure)
Série Notorius #5
Autor (a): Nicole Jordan
Número de Páginas: 352
Editora: Planeta (Essência)
Compre aqui.


Sinopse: O marquês de Wolverton, Dare para os íntimos, é conhecido em todo o Reino Unido pela sugestiva alcunha de Príncipe do Prazer. Alto, forte, loiro e com penetrantes olhos verdes, dono de um charme arrasador e uma habilidade ímpar de lidar com cada curva do corpo das mulheres, ele tem o figurino perfeito para esse papel.
Porém, essa sua afamada expertise nada mais é do que uma fuga da dor de ter sido traído pelo grande amor de sua vida: a bela Julienne.
Sua vida tem uma reviravolta quando o caprichoso destino volta a colocá-lo frente a frente com a francesa, agora transformada em atriz famosa. Ao ser convocado para investigar um perigoso traidor da coroa, que trama em favor de Napoleão Bonaparte, ele precisará do talento para a dissimulação de Julienne para desmascarar o criminoso.

RESENHA por Luciana Corrêa da Silva.

Oi gente, tudo bem?

O livro que resenhei hoje é O Príncipe do Prazer, escrito pela incrível bestseller americana, Nicole Jordan, e publicação da Editora Essência. Este livro encerra a série Notorious e brinda-nos com uma incrível história sobre um homem despudorado e uma mulher difícil.

Lorde Dare, Marquês de Wolverton, é um homem sem pudores, ele usa o sexo como meio de diversão e é conhecido em todos os lugares como o Príncipe do Prazer. Ele é um amante atencioso, generoso, que não poupa carinho nem dinheiro para agradar suas amantes. Dare é um homem que exala beleza e poder: é alto, forte, loiro e encanta com seus lindos olhos verdes. Mas é seu charme de conquistador e o jeito de lidar com as mulheres que o faz ser quem é.

Suas explorações ultrajantes e perseguição determinada por gratificação sexual lhe acrescentaram um novo lustro de glamour e notoriedade à sua reputação, o que lhe valeu o apelido de Príncipe do Prazer.

Acontece que o passado é inclemente e ele volta sem demora quando a mais nova queridinha da Inglaterra retorna para grandes apresentações. Falo da bela Julienne, uma atriz famosa, encantadora, digna dos grandes palcos e que atrai todos para vê-la em suas belíssimas peças. A moça é a ligação com o passado que Dare tanto quer esquecer.

Julienne é uma moça digna, mas que já teve que fazer coisas que não queria para poder sobreviver e ajudar a mãe no final de sua vida. Esse talvez seja o mais incrível de toda essa história de vida, que tanto une como afasta. É nesse contexto, que mescla dor e atração, que a vida desse casal terá uma reviravolta incrível.

Tudo começa quando, no passado, Dare e Julienne foram dois jovens apaixonados. Ela é uma francesa, filha de um Conde, que se exilou com a mãe na Inglaterra. Ela é dona de uma loja de chapéus e leva a vida com pouco, mas com dignidade. Então, ela se vê envolvida por Dare, um jovem lindo que lhe conquista e promete casamento. Acontece que Dare não é dono de sua própria vida, pois seu poderoso avô está determinado a fazer qualquer coisa para afastá-lo de sua amada que, segundo o velho, tem sangue que maculará a linhagem da família. Então vocês já podem ver que ele vai fazer de tudo para acabar com o amor dos dois.

Quando eles se reencontram sete anos depois, sabem com certeza que não conseguirão ficar longe um do outro. Dare tornou-se um homem ainda mais poderoso depois da morte do avô e agora também ajuda o governo investigando traidores da coroa. Eles precisam logo pegar Caliban, que anda cometendo crimes terríveis e traindo sua pátria, jogando do lado de Napoleão. Já Julienne, agora uma atriz famosa, nada mais quer que levar sua vidinha com tranquilidade, embora sua beleza não lhe permita muito sossego.

Assim que eles se veem, a chama se acende e o amor retorna com toda a força da paixão, mas são muitas as mágoas e as pendências para que esses dois consigam se entender. O livro tem muitos momentos sexuais entre eles, mas há também toda a intriga política e as mágoas do passado que insistem em persistir.

O sorriso de Dare era nada menos que diabólico.
– Então a senhorita pensa que pode partir meu coração?
– Estou certa de que sim.
– A senhorita está convidada a tentar. – Ele fez outra mesura, sustentando o olhar que ela lhe devolvia. – Estou ansioso pelo primeiro encontro, minha linda joia.

O livro é muito bom, mas eu não consegui amar a ponto de dar cinco estrelas. Há anos eu aguardava por ele e acho que isso prejudicou um pouco o meu discernimento. Eu achei a narrativa precária de fatos que movimentassem a trama e só consegui pegar o ritmo quando ele já estava do meio para o final. O casal é ótimo, realmente encantador, mas achei excessivas as cenas de sexo e acho que isso encobriu coisas que poderiam ser mais abordadas, como os personagens anteriores, que só foram mencionados com consistência mais no final da trama.

Mesmo com minhas reclamações, acredito que seja um livro memorável, daqueles que não podem ser deixados para trás. Apesar da certa monotonia inicial, quando o final se aproxima nos brinda com momentos muito bons, com um desfecho apropriado e um final feliz daqueles que nos preenchem o coração.

Super indico e aviso que é uma série que não precisa ser lida na sequência. Pelo contrário, se você quiser poderá começar por este último livro. Tenho certeza de que esses maravilhosos personagens roubarão o lugar dos seus preferidos.

Beijo, obrigada por ter lido até aqui, até a próxima ;)

Série Notorius:
01. Sedução ;
02. Paixão;
03. Desejo;
04. Êxtase;
05. O Príncipe do Prazer.

Outras capas:

   

 Postagem válida para o Top Comentarista março.


23 de março de 2016

O Leão Ferido - Mia Sheridan

Livro: O Leão Ferido (Leo's Chance)
Signos do Amor #2
Autor (a): Mia Sheridan
Número de Páginas: 240
Editora: Arqueiro
Compre aqui.

Sinopse: Cada livro da coleção Signos do Amor é inspirado nas características de um signo do Zodíaco. Esta história se baseia na mitologia de Leão e fala sobre as segundas chances que a vida nos dá. 
Leo se apaixonou por Evie quando os dois ainda eram crianças, no lar adotivo temporário em que viviam. No futuro difícil que parecia guardado para ele, a única certeza de seu coração era que nada jamais o afastaria daquela garota. 
Mas, na adolescência, ele foi adotado e teve que se mudar para outra cidade. Durante oito anos eles ficaram afastados contra a vontade e, nesse tempo, Leo precisou superar muitos obstáculos – sobretudo os problemas criados pela mãe adotiva – para se tornar o homem que merecesse Evie e pudesse finalmente buscá-la. 
O reencontro, porém, não foi fácil e Leo teve que se esforçar para se reaproximar de Evie, reconquistar seu amor e, com sua ajuda, deixar para trás toda a tristeza de uma infância de abandono. 
Em O Coração do Leão, Evie narrou seu lado desse romance. Agora, em O Leão Ferido, é a vez de Leo contar tudo o que lhe aconteceu e revelar o desfecho dessa história de amor.

RESENHA por Katielle Borba.

Oi gente, tudo bem?

O comentário de hoje é sobre o livro O Leão Ferido de Mia Sheridan e publicação da Editora Arqueiro. Este livro faz parte da Série Signos do Amor.
  
O Leão Ferido é a história do livro anterior (O Coração do Leão) sob o ponto de vista de Leo. Não irei estender muito o meu comentário, pois quase tudo que eu falar aqui pode ser um spoiler.

Este livro me deixou com um sentimento de nostalgia. Amei o primeiro e este aqui só veio acrescentar e me fazer amar ainda mais os personagens, adorei conhecer um pouco mais do passado de Leo. A única coisa que não gostei é de como ele sofreu; em muitos momentos tive vontade de pegá-lo no colo e dar todo carinho e atenção que merecia. Leo é aquele tipo de personagem que nos cativa e encanta desde sua aparição, é aquele tipo de pessoa que vibramos quando acontece algo bom com ele.
  
Leo ama e sempre amou Evie, mas o destino não quis que eles ficassem juntos. Agora Leo está mais do que preparado para deixar o passado para trás e lutar pelo seu grande amor. A luta não será fácil, ele encontrará muitas pedras no caminho, mas seu maior obstáculo será ele mesmo.

Leo terá de encarar o passado se quiser seguir por um futuro promissor e para isso contará com a ajuda de uma grande pessoa.

Enfim, adorei a leitura e amei conhecer um pouco mais do Leo. O final encheu meus olhos de água e me fez acreditar que tudo é possível na vida; mesmo que a infância não tenha sido fácil, se acreditarmos realizaremos nossos sonhos. O Leão Ferido teve um final digno de duas pessoas que sofreram e encontraram o amor e conforto nos braços um do outro.
  
Esse é o segundo beijo mais incrível da minha vida. O primeiro foi com a mesma garota.

Leitura recomendada.

Signos do Amor.
02. O  Leão Ferido.
03. Stinger;
05. Becoming Calder;
06. Finding Eden.

Outras capas:

 

Postagem válida para o Top Comentarista março.


22 de março de 2016

A Oportunista - Tarryn Fisher

Livro: A Oportunista 
Série Amor e Mentiras #1
Autor (a): Tarryn Fisher
Número de Páginas: 256
Editora: Faro Editorial
Compre aqui.

Sinopse: Olivia Kaspen acaba de descobrir que seu ex-namorado, Caleb Drake, por quem era obcecada, perdeu a memória.
Com uma incrível habilidade de tirar proveito das situações, ela acredita estar diante de uma segunda chance para ter Caleb de volta.
E para que seu plano dê certo, Olivia precisa manter sua verdadeira identidade e seu passado sórdido em segredo.
Porém, surge um obstáculo inesperado: a atual namorada de Caleb, a perversa Leah Smith.
Inicia-se então um jogo entre duas mulheres dispostas a tudo para conquistar o homem que parece ter apagado todo o seu passado.
Para encobrir as consequências de suas mentiras, Olivia cria uma teia de novos eventos, em um processo que pode levá-la a descobrir que sua busca pelo amor talvez a tenha feito ultrapassar limites muito perigosos.

RESENHA por Katielle Borba.

Oi pessoal, tudo bem?

A resenha de hoje é sobre o livro A Oportunista, lançamento da Faro Editorial. Este livro faz parte da série Amor e Mentiras da autora Tarryn Fisher.

Iniciei este livro bastante cética a respeito do seu conteúdo. Depois de ler a sinopse, percebi que não era bem o tipo que gosto, mas aqui estou, com o livro iniciado e terminado em uma mesma tarde. Na verdade, não sei muito o que dizer a respeito, somente que o que essas páginas contêm não é de longe aquilo que eu imaginava. Amei essa história nada clichê e estou ansiosamente esperando pelos próximos livros.

Faz alguns anos que Olivia não vê Caleb; faz alguns anos que seu coração está destroçado e ela não consegue esquecê-lo. O rompimento deles não foi nada bonito, sei que nenhum rompimento é, mas o deles superou qualquer um que eu já tive conhecimento. Como o destino é muito sacana, Olivia encontra Caleb novamente e, para seu espanto, ele perdeu a memória. Olivia tem alguns momentos de dúvidas, mas logo percebe que essa pode ser a sua segunda chance de tentar ser feliz novamente, ou não.

Gente, que livro incrível! Ainda estou tentando absorver tudo o que li, mas que história! Com certeza está entre os melhores do ano. Vocês sabem aquele livro que não esperamos nada e somos surpreendidos? Bom, esse livro é A Oportunista.

Narrado em primeira pessoa por Olivia e alternando capítulos do passado e presente, acompanhamos a história dela e Caleb desde o momento em que ele a convidou para sair pela primeira vez. A autora nos leva por caminhos que não esperamos, ela faz com que acreditemos em algumas coisas, mas no final não era nada daquilo. Conhecemos pessoas que fazem parte da vida de Caleb e Olivia e passamos a gostar deles, mas conforme a história vai se aprofundando percebemos que as pessoas não são muito mais que aparências. 

Além de Olivia tentar viver novamente sua história com Caleb, ela terá que lidar com Leah, a namorada dele. Leah é perversa e não medirá esforços para não perder seu amado, mesmo que ela saiba que o coração de Caleb sempre pertenceu a Olivia.

Lendo A Oportunista me senti vendo um filme de suspense, daqueles que a gente sempre erra o malvado. Não esperem que este livro tenha uma história de amor linda e fofinha. Tem uma história de amor sim, mas daquelas em que as pessoas não medem seus esforços para conseguir o que querem. É uma história onde os protagonistas amam demais, amam mais que a si próprios e não têm noção das atitudes que tomam.

O trabalho da Faro Editorial está impecável. A capa é lindíssima e o olhar da modelo me fez pensar em como Olivia olha para Caleb. O interior do livro também está belíssimo. O melhor de tudo e que não vamos esperar muito pelas continuações pois os próximos livros serão publicados em junho e novembro.

Enfim, é óbvio que recomendo esta leitura. Livro ótimo, com uma história que nos prende desde a primeira página, que aguça nossa imaginação e que nos faz pensar em quem realmente é bom e mau. Um livro que nos mostra que as pessoas não são 100% boas e que quando alguém ama, faz qualquer coisa pela pessoa amada mesmo que isso machuque e se torne uma obsessão.

Era impossível ficar longe dele. Ele era o meu crack. Eu nunca me cansava dele; quando eu o tinha, já começava a pensar na próxima vez em que poderia tê-lo novamente.
- Amar alguém de verdade é mais do que buscar a própria felicidade. Você tem que querer que o outro seja mais feliz do que você.

Leitura recomendada.

Amor e Mentiras:
01. A Oportunista;
02. A Perversa;
03. O Impostor.

Outras capas:


  

Postagem válida para o Top Comentarista março.


21 de março de 2016

Lançamentos - Editora Planeta

Oi pessoal, 
Confiram os últimos lançamentos da Editora Planeta.

O Reino Selvagem - Simon David Eden.
Quando Will-C, o gato de estimação da adolescente Drue, desaparece, ela não imagina que seu sumiço tenha a ver com uma iminente revolução, tramada nos recônditos das florestas de todo o mundo. O reino animal declara guerra aos humanos que, por séculos, destroçaram o que lhes é mais caro: o meio ambiente, o seu habitat, a sua casa.
Nesse imenso e intenso conflito de proporções globais, os pets ficam numa encruzilhada quando precisam escolher o lado a apoiar: se o dos seus donos, dos homens, ou dos seus colegas naturais, os animais.
Se o peludo e simpático Will-C tem dúvidas de que partido tomar, sua devotada e amorosa dona sabe muito bem o que precisa fazer: resgatar seu querido amigo e companheiro.
Reino Selvagem vai além de uma aventura animal de proporções épicas e fantásticas, é a história de um amor verdadeiro, que irá emocionar, alertar e inspirar humanos, donos ou não de animais de estimação.

Chica da Silva - Joyce Ribeiro.
“São muitos os motivos que tornam Chica da Silva, mulher distante de estereótipos, tão relevante até os dias de hoje. Sem nenhum talento para queixar-se ou chorar pelos cantos, fosse qual fosse a dificuldade, ela seguia em frente, altiva. Não se deixava derrubar nem demonstrava sofrimento, por mais que se sentisse massacrada ou esmagada por dentro. Sua missão foi sempre viver da melhor forma, de cabeça erguida,
enfrentando o que fosse necessário, e principalmente acreditando em si mesma. Era toda feita de autoestima.
Viver à luz de exemplos como o de Chica da Silva é a nossa missão. Lutar pelo amor, pelo respeito, pelo direito de sonhar. Lutar contra a servidão e o comodismo. Lutar pelo direito ao amor, em todas as suas nuances. Com a coragem capaz de inspirar homens e mulheres do século XXI, como eu, como você, como todas as pessoas que nos cercam.” JOYCE RIBEIRO

A Última Carta do Tenente - William Douglas.
Em 12 de agosto de 2000, um acidente com um submarino nuclear russo chocou a humanidade: cento e dezoito marinheiros ficaram presos quando o submarino Kursk afundou no mar de Barents, no norte da antiga União Soviética, após duas grandes explosões causadas por falhas em seu sistema de lançamento de torpedos.
Após noticiado o acidente e o naufrágio houve grande comoção da opinião pública mundial, desejosa de que fosse constituída uma operação de resgate para salvar aqueles homens. Depois de algum atraso em aceitar a ajuda ocidental e muita pressão internacional, o governo russo finalmente cedeu e navios de várias bandeiras tentaram o salvamento. Quando os primeiros mergulhadores chegaram à carcaça do submarino, contudo, não havia mais esperança, todos os tripulantes já estavam mortos.
Após abrirem uma “janela” no casco, os mergulhadores depararam-se, inicialmente, com quatro corpos. No bolso do uniforme de um deles foi encontrada uma mensagem, uma carta que, ao contrário do que se esperava, não relatava o acidente, mas era dedicada a sua esposa. A carta relatava a agonia dos vinte e três tripulantes que permaneceram vivos por algumas horas (ou talvez até um dia) após o naufrágio
do submarino, e foi redigida por tato, revelando que os últimos momentos dos marinheiros foram passados em total escuridão.
Este livro é uma coletânea dos ensinamentos, descobertas e emoções que poderiam estar escritos na carta, descoberta no bolso de um dos marinheiros mortos para sua esposa.

Paixão Índia - Javier Moro.
A jovem Anita Delgado era bailarina na Espanha, no início do século XX, quando um marajá indiano se apaixonou por ela, lhe deu um palácio e a transformou em princesa – mas não em sua única mulher.
Depois de chegar à cidade de Kapurthala sobre um elefante luxuosamente adornado, a nova princesa descobriu que aquele aparente conto de fadas não transcorreria sem o inevitável choque cultural entre dois mundos que se mostravam mais diferentes do que ela imaginava.
As outras mulheres do marajá e seus súditos viam em Anita uma ameaça à tradição hindu, e a jovem, apesar de cercada de conforto e riqueza, vivia na mais completa solidão. Determinada, porém, ela se manteve no lugar que acreditava ser o seu – até seu coração começar a bater de maneira diferente.
Javier Moro realizou pesquisas detalhadas, tanto na Europa quanto na Ásia, para construir uma narrativa minuciosa da relação do casal, que deu origem a um dos maiores escândalos da Índia inglesa.

Lembranças - Karen Kingsbury e Gary Smalley.
Lembranças é o segundo de uma série de cinco livros. Nela, os autores apresentam a família Baxter, seus medos e desejos, os seus pontos fortes e fracos, suas perdas e vitórias. Uma família comum e com muito a nos ensinar sobre a vida. Cada livro mostrará conflitos de relacionamento, problemas do cotidiano das famílias, dos casais, dos filhos, suas alegrias e tristezas. Encontre a verdadeira redenção para sua vida espiritual e para os seus relacionamentos em uma das sagas ficcionais de maior sucesso dos EUA.


18 de março de 2016

Blogagem Coletiva - Profundo e Intenso de Robin York e Editora Arqueiro

Oi pessoal, tudo bem?

No mês de março a Editora Arqueiro lança os livros PROFUNDO e INTENSO da autora Robin York. O tema dos dois livros é vingança pornô (revenge porn), algo que frenquentemente é noticiado na mídia.


No Brasil, já temos a Lei Carolina Dieckmann que foi criada depois que o caso da atriz ganhou proporção por aqui. Além disso, o Senador Romário também tem um projeto de lei para regulamentar esse tipo de crime.

A internet está cheia de reportagens sobre este assunto e quero dividir um que encontrei com vocês. Trata-se de um aplicativo criado pela polícia do Piauí que tem o objetivo de orientar as vitímas. Confiram:

A Polícia Civil do Piauí desenvolveu um aplicativo para telefone celular para orientar vítimas de vingança pornô, que tiveram imagens íntimas publicadas na internet indevidamente. O aplicativo "Vazow" está disponível para download na PlayStore desde esta terça-feira (8 de março), e pode ser baixado por mulheres e homens vítimas do crime de "revenge porn".
O aplicativo funciona apenas em aparelhos com o sistema Android, porém, em breve, deverá está disponível no sistema iOS. 
O "Vazow" possui orientações de como evitar ser vítima da vingança pornô, links para exclusão do conteúdo publicado indevidamente, legislação, locais para denúncia virtual, além de endereços de delegacias especializadas para que providências policiais sejam tomadas em relação ao caso.
O aplicativo foi desenvolvido pelo Núcleo de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública do Estado, localizado em Teresina. Segundo os policiais responsáveis pelo "Vazow", eles perceberam que um grande problema enfrentado pelas vítimas da vingança pornô é a dificuldade para apagar os conteúdos publicados indevidamente, por isso decidiram criar um aplicativo para facilitar o combate a esse crime.

Mulheres são maioria das vítimas.
A delegada Eugênia Villa destaca que a polícia observa que as mulheres são a maioria das vítimas da vingança pornô, principalmente ao término de relacionamento.
As mulheres são os principais alvos de vazamentos de fotos e vídeos íntimos. Termina o relacionamento e o parceiro, para se vingar, acaba publicando fotos e vídeos em redes sociais.
A polícia orienta às vítimas de vingança pornô que qualquer delegacia pode registrar boletim de ocorrência --não apenas as delegacias de crimes virtuais.

A internet não é uma terra sem lei. O Marco Civil da Internet foi um avanço nesse sentido. Os crimes que punem de acordo com o Código Penal também podem ser aplicados ao meio eletrônico e serem julgados pelas mesmas penas. Por isso, mulheres vítimas denunciem. Eugênia Villa, delegada.


Este assunto é bastante delicado, mas está em pauta nas nossas vidas. Vocês conhecem alguém que já passou por isso? Pessoalmente nunca conheci ninguém, mas já ouvi muitas histórias sobre o assunto.

Abaixo as capas, sinopses e links de venda dos livros.

Skoob
Profundo - Robin York.
Caroline Piasecki vê sua vida se transformar em um pesadelo quando o ex-namorado espalha fotos dela nua na internet. De uma hora para outra, sua reputação é arruinada e o futuro promissor que a aguardaria após a faculdade já não parece tão garantido. Desesperada, ela tenta fazer com que as imagens sumam da rede e, ao mesmo tempo, procura se defender da multidão de pessoas que a julgam.
Um dia, quando um cara que ela mal conhece sai em sua defesa e dá uma surra em seu ex-namorado, tudo muda. À primeira vista, West Leavitt é a última pessoa de quem Caroline deveria se aproximar – ele tem um ar sombrio e ganha a vida de forma ilícita. Ela, por sua vez, é o tipo de garota que West sempre tentou evitar. Rica e privilegiada, jamais entenderia as dificuldades pelas quais ele já passou.
Mesmo com todas as diferenças, os dois se tornam amigos. Com Caroline, West sente que fará de tudo para ser um homem melhor, e ela encontra nele a força para reagir. Quando parece impossível resistir à paixão avassaladora, West e Caroline descobrem que às vezes a única opção que resta é ir mais fundo.

Intenso - Robin York.
A vida de West Leavitt foi do céu ao inferno em poucos meses. Ele achava que era possível ter um futuro melhor, mas acabou retornando para os dramas diários de sua família. Agora, em meio a uma tragédia, o rapaz não sabe o que fazer para ajudar Frankie, sua irmã caçula. Quando ele está prestes a desmoronar, só uma pessoa lhe vem à mente: a jovem segura e determinada que ele um dia pensou merecer.
Longe dali, Caroline Piasecki sonha mais uma vez com West: a pele contra o seu corpo, o cheiro dele, a mão deslizando pela sua barriga... Mas sonhos são apenas sonhos. Ela sabe que o ex foi embora e não vai voltar. Por mais doloroso que seja, Caroline precisa se esquecer do tempo que passaram juntos. Até que seu celular toca e um West transtornado está do outro lado da linha. Sem pensar duas vezes, Caroline vai ao seu encontro.
Só que muita coisa mudou desde que eles terminaram. West tenta afastar Caroline de sua vida de todas as maneiras. Ao mesmo tempo, o desejo que sentem um pelo outro parece ter ficado até mais forte no período em que estiveram separados. West ainda sente algo por ela, mas não se considera uma boa companhia para ninguém. Caroline quer estar nos braços de West, mas sabe que deve partir para que ele não sofra.
Nesse embate de emoções, eles precisarão encontrar os próprios caminhos e descobrir: por mais intenso que seja o laço que os une, ainda é possível um recomeço?


Nota da autora:


15 de março de 2016

Volta Para Mim - Mila Gray

Livro: Volta Para Mim (Come Back To Me)
Volta Para Mim #1
Autor (a): Mila Gray
Número de Páginas: 272
Editora: Arqueiro
Compre aqui.

Sinopse: Kit Ryan está de volta à sua amada Califórnia, de folga do serviço militar. Conquistador inveterado, ele só quer aproveitar as quatro semanas livres antes de retornar ao trabalho, mas se vê atraído pela irmã de Riley, seu melhor amigo. Há tempos Jessa Kingsley chama sua atenção, porém a família superprotetora dela sempre foi um obstáculo. 
Desta vez, contudo, Kit desiste de lutar contra os próprios sentimentos e logo Jessa se rende ao seu charme. O que começa apenas como um romance de verão rapidamente se torna um relacionamento apaixonado. 
Quando chega a hora de Kit voltar ao serviço com Riley, nem ele nem Jessa estão prontos para se despedir. Ela enfim está seguindo os seus sonhos e ele descobriu alguém por quem sacrificaria tudo. Jessa promete esperá-lo e Kit garante que voltará para ela. Não importa o que aconteça.
Mas então uma visita inesperada traz uma notícia trágica: uma das pessoas que ela mais ama morreu em serviço. Quem terá sido? Seu irmão ou seu namorado? 
Em Volta para mim, Mila Gray constrói uma história de tirar o fôlego sobre amor, amizade e família, conduzindo o leitor por uma jornada de superação e autodescoberta.

RESENHA por Luciana Corrêa da Silva.

Oi gente!

Eu ainda não encontrei as palavras adequadas para falar desse livro... Prepare-se, pois tudo o que você espera dessa leitura será pouco perto das boas surpresas e dos incríveis acontecimentos narrados.

Falo hoje de Volta Para Mim, lançamento da Editora Arqueiro. Esse livro é escrito por Mila Gray, pseudônimo de Sarah Alderson, que já escreveu dezenas de romances. Atualmente ela mora em Londres com o marido e a filha.

O livro conta a história de Jessa e de Kit. Jessa é uma menina introvertida e totalmente comandada pela família. Na verdade, ela é aterrorizada pelo pai, um coronel linha dura, que sofre de estresse pós-traumático. Ele lutou em várias frentes e agora sua família paga o preço de tanto desgaste em missões militares. Ele não permite que ela faça nada, Jessa não se relaciona com quase ninguém e a única pessoa que sabe de seu amor platônico por Kit, é sua amiga Didi.

Tento disfarçar minha decepção. Então está decidido. Vou apenas ficar aqui deitada me sentindo uma coitadinha, pois quem é que passa a noite do décimo oitavo aniversário sozinha no quarto, jogando Angry Birds num telefone com todas as configurações em árabe, usando um pingente em forma de coração dado pela mãe? Ah, é mesmo, alguém que não tem vida. Nem a perspectiva de vir a ter.

Kit é o moço lindo dessa história, que é também o melhor amigo de seu irmão Riley. Eles são fuzileiros navais e estão de volta de uma missão em uma embaixada no Sudão. Agora, eles têm quatro semanas de folga e Jessa percebe, pela primeira vez, que Kit tem um sério interesse nela (sabe de nada inocente…). O interessante é que Kit é um conquistador nato, que nunca fica mais de uma vez com a mesma menina e, de forma intensa, ele se vê atraído pela garota que ele conhece desde criança, mas só agora percebe que ela é uma mulher linda e interessante. Há tempos ela desperta alguma coisa nele, que é sempre impedida de se tornar algo mais pela linha dura feita pelo pai e pelo irmão de Jessa.

Só que dessa vez Kit resolve não mais deixar de lado o que sente e investir tudo nessa revelação, custe o que custar. Aquilo que começa com um romance rápido de verão, com dia certo para acabar,  mostra-se como o amor da vida deles. A paixão aflora e transborda pelas páginas, brindando-nos com palavras e atitudes amorosas que servem de bálsamo em vidas tolhidas e disciplinadas ao extremo.

Mas, junto de Jessa, nunca me sinto assim. Deitado aqui com ela agora, sob este céu infinito, parece que somos as únicas pessoas no planeta. Não estou do lado de fora, mas bem aqui dentro, exatamente onde é meu lugar. Quando visto o uniforme, finjo ser alguém, deixo de ser eu mesmo. Quando Jessa olha para mim, meu corpo libera toda a tensão, toda a farsa, e relaxa. É uma sensação boa. Mais do que boa. É uma sensação de liberdade.

A hora de voltar para o serviço chega e eles não estão prontos para a separação e por isso juram que jamais se separarão. Jessa pede que ele volte para ela a qualquer custo, e ele jura que sempre voltará. Kit está disposto a sacrificar tudo por ela, mas um acontecimento totalmente inesperado joga uma bomba na vida de todos os personagens do livro e faz com que a história e os sentimentos fiquem de cabeça para baixo.

O livro é bem quente e não é só pelos lindos fuzileiros e suas belas fardas; os sentimentos são intensos e inflamados, a paixão é plena. Jessa é uma menina maravilhosa, que tem de administrar problemas muito além de seu entendimento e abrir mão de sonhos que não são permitidos por sua família. Kit é um homem que não existe, ele é simplesmente o mais perfeito de todos, até que tudo muda.

A história é linda, empolgante e intensa. Somos levados, pelos danos da vida, por caminhos que muitas vezes não têm volta. De tudo o que fica, talvez em meio ao inesperado, seja mesmo o amor, o verdadeiro e profundo, aquele que une, que emenda, que conserta, que transpõe. Essa é a grande mensagem dessa bela história, que traz superação e compreensão de quem somos realmente e do que esperamos dos outros.

Emocionante!

Bom, se quiser ser levado pelo tsunami de Jessa e Kit, junte-se a nós!

Beijo e até a próxima!

Livros:
01. Volta Para Mim;
02. This Is One Moment.

Outras capas:

  

Postagem válida para o Top Comentarista março.


11 de março de 2016

Lançamento - Suma de Letras

Oi gente, tudo bom?
Nessa semana a Editora Suma De Letras divulgou a capa de O Cisne e o Chacal, terceiro livro da série Na Companhia de Assassinos, escrito por J. A. Redmerski.
Eu adoro essa série e fiquei muito feliz com a publicação deste terceiro livro.
Vocês podem conferir as resenhas dos primeiro livros aqui e aqui.
Confiram a capa e sinopse:

O Cisne e o Chacal - J. A. Redmerski.
“Meu belo cisne. Minha salvação e minha ruína.”
Fredrik Gustavsson nunca considerou a possibilidade de amar, ou que alguém viesse entender ou aceitar seu escuro e sangrento estilo de vida… até que ele conheceu Seraphina, uma mulher tão sanguinária e sedenta de sangue como o próprio Fredrik. Eles passam dois anos breves mas inesquecíveis juntos, cheio de luxúria, assassinato e o tipo mais escuro de amor que duas pessoas podem compartilhar.


10 de março de 2016

Nunca Julgue Uma Dama Pela Aparência - Sarah MacLean

Livro: Nunca Julgue Uma Dama Pela Aparência 
(The Rules of Scoundrels)
O Clube dos Canalhas #4
Autor (a): Sarah MacLean
Número de Páginas: 320
Editora: Gutenberg
Compre aqui.

*se você não leu os livros anteriores, aconselho que não leia a sinopse.

Sinopse: Duncan West, assim como todos os homens, enxerga apenas o que quer…
Mas ele estava prestes a ver o que não queria.
Para a aristocracia, Lady Georgiana é a pobre irmã de um duque, rejeitada pela família após ter sido arruinada no pior tipo de escândalo possível: uma mulher que fez escolhas infelizes ao entregar-se de corpo e alma para um rapaz que todos desconhecem.
Mas a verdade é sempre muito mais chocante! Nos recônditos mais obscuros de Londres, Lady Georgiana é a mulher mais poderosa da Grã-Bretanha, a rainha do submundo londrino, e atende pelo nome de Chase, o lendário e temido fundador do cassino mais exclusivo da cidade, o Anjo Caído.
Circulando disfarçada pelos corredores de seu império, Chase sabe dos piores segredos dos figurões da sociedade e tem todos os poderosos na palma de sua mão, mas durante anos os seus próprios mistérios nunca foram descobertos… Até agora!
Brilhante, inteligente e bonito como o pecado, o jornalista Duncan West está intrigado com a linda mulher – que de alguma forma está ligada a um mundo de trevas e perdição. Ele sabe que Georgiana é muito mais do que parece e promete desvendar todos os seus segredos, expondo seu passado, ameaçando seu presente e arriscando tudo o que ela tem de mais precioso. Inclusive seu coração.

RESENHA por Katielle Borba.


Oi  gente, tudo bem?

A resenha de hoje encerra um série incrível. Nunca Julgue Uma Dama Pela Aparência é o quarto e último livro da série O Clube dos Canalhas escrito pela talentosíssima Sarah MacLean e publicado pela Editora Gutenberg.

Depois de terminar o terceiro livro, eu estava mais que ansiosa por este aqui, afinal o que descobrimos sobre Chase, o último canalha e quarto sócio do Anjo Caído, deixa qualquer um chocado. A autora guardou esse segredo muito bem, em nenhum momento dos livros anteriores fiquei desconfiada sobre Chase. Sabemos que ele é recluso, nunca deu as caras e todos são curiosos a seu respeito, afinal ele guarda os segredos de toda sociedade. Claro que depois de ler tudo e analisar minuciosamente os fatos, é quase óbvio o segredo dele. Só alguém como Chase elaboraria um plano tão grandioso para vingar-se de tudo que a sociedade lhe fez, só Chase seria capaz de recrutar os piores tipos da sociedade para torná-los seus sócios (resenhas aqui, aqui e aqui). Só alguém com sede de vingança para articular tudo isso.

Além de tudo que já falei, temos Georgiana. O passado dela é sofrido, ela tomou decisões erradas e paga pelos seus erros todos os dias. A sociedade não a perdoa e em cada evento que comparece ela é motivo de chacota e risinhos pelos cantos dos salões de baile. O motivo de Georgiana ainda frequentar os bailes é que ela precisa de aprovação e de um marido, mas isso não será nada fácil.

Para ajudá-la nessa missão, ela contará com o jornalista Duncan West. Ele já ajuda Chase e ajudará Georgiana também. O problema que Duncan não espera, é ficar totalmente encantado com a Lady. Será muito difícil ajudá-la a encontrar um marido, pois ele a quer para si, mas Duncan sabe que isso jamais seria possível.

Gente, não sei o que fazer com o final dessa série. Depois que terminei este último livro, estou me sentindo órfã. Não sei como vou ficar sem as loucuras que acontecem no Anjo Caído. Como ficarei sem toda jogatina e tudo mais que acontece no subsolo desse estabelecimento? Como ficarei sem as artimanhas desses quatro canalhas? Como ficarei sem esses personagens lindos? A Sarah poderia escrever essa série infinitamente, pois tem muitos personagens que eu gostaria de conhecer melhor. :D

Nunca Julgue Uma Dama Pela Aparência traz a história de um mulher forte, destemida, a frente do seu tempo. Uma mulher que enfrenta a sociedade de cabeça erguida e nunca deixa que os seus problemas transpareçam. A única coisa capaz de abalar duas estruturas é o charmoso Duncan West. Ele é o único homem capaz de fazê-la repensar toda sua vida.

Duncan e Georgiana fazem com que as páginas deste romance peguem fogo. Os diálogos entre eles são rápidos e cheios de faíscas. Os dois guardam muitos segredos e isso será um grande empecilho para ficarem juntos. Duncan tem um passado pavoroso e fiquei com o coração apertado por tudo que ele passou.

Os personagens dos livro anteriores aparecem e muito, pude matar minha saudade deles. A autora também inseriu novos personagens a trama, alguns deles roubaram a cena.

Este livro é INCRÍVEL. Confesso que me senti um pouco enganada pela autora, mas amei cada página. A genialidade dela em guardar o segredo de Chase faz com tudo tenha uma outra dimensão, fez com que eu enxergasse a trama com outros olhos..

O Clube dos Canalhas é uma série maravilhosa, então, se você ainda não iniciou a leitura precisa começar logo. Os livros são divertidos, sensuais, cheios de amor, com muita intriga e escândalos. A narrativa é envolvente, daquelas que nos faz suspirar e torcer para que os mocinhos fiquem juntos logo.

Só tenho agradecimentos a Editora Gutenberg pela publicação dos livros históricos. Eles tiveram um carinho todo especial com essa série, desde as capas originais até a diagramação. Espero muito que eles continuem alegrando nossas vidas com esse gênero que só nos traz felicidade.

“Aprendi, por experiência, que existem poucas coisas que valem ser salvas. Quando um homem encontra uma, ele deve fazer seu melhor para mantê-la em segurança.”
“Saiba de uma verdade absoluta; eu vou fazer você gritar de prazer. Você vai me implorar para parar, e então, quando eu parar, você vai implorar para eu começar de novo. Você não vai se lembrar como é seu corpo sem o prazer que eu pretendo lhe dar.”

Leitura recomendada.

O Clube dos Canalhas:
04. Nunca Julgue Uma Dama Pela Aparência.

Outras capas:

   

 Postagem válida para o Top Comentarista março.