29 de junho de 2016

O Sedutor - Vi Keeland

Livro: O Sedutor (Worth Forgiving)
MMA Fighter #3
Autor (a): Vi Keeland
Número de Páginas: 320
Editora: Charme
Compre aqui.

Sinopse: A escritora bestseller do New York Times e do USA Today, Vi Keeland, traz para vocês a sensual história de Jax e Lily.
Dizem que os homens preferem mulheres que sejam uma dama na sala e uma puta na cama. Eu não sabia que o sentimento era recíproco, até eu conhecer Jax Knight, um cavalheiro em público, e um devasso dominante que fala sujo no quarto.
Filha do lendário lutador "The Saint", Lily St. Claire sabe por experiência própria como os lutadores podem ser. Dona da rede se academias de MMA, ela está acostumada com homens agressivos, dominantes e possessivos. É por isso que ela sempre manteve distância deles. Mas, no dia em que Jax Knight passa pela sua porta, ela fica presa no seu charme. Incrivelmente lindo, educado, confiante e ex-aluno da Ivy League, ele acaba com todas as ideias pré-concebidas que ela achava que eram verdade sobre os homens que treinavam para lutar.
Porém, se apaixonar por alguém tão rapidamente após um término não era algo que ela havia planejado. E definitivamente não era algo que seu ex planeja permitir que aconteça.

RESENHA por Katielle Borba.

Oi, gente!

A resenha de hoje é do livro O Sedutor da autora Vi Keeland. Este é o terceiro livro da trilogia MMA Fighter publicada pela Editora Charme.

Minhas últimas leituras foram um tanto densas, então eu precisava de algo gostoso e leve. O Sedutor veio como um meio de distração e que distração hein... Gosto bastante dessa trilogia e este livro foi a cereja do bolo.

Em O Sedutor conhecemos Jax Knight. Na verdade já o conhecemos do livro anterior e neste aqui só ficamos um pouco mais apaixonadas por ele. O sonho de Jax sempre foi ser lutador de MMA, mas este não era o sonho dos seus pais, então, ele tornou-se investidor, mas suas horas vagas são gastas treinando na academia. Alguns acontecimentos, no livro anterior e neste, fazem com que Jax passe um tempo em Nova York; lá ele conhecerá Lily St. Claire, filha de um lendário lutador e dona de uma rede de academias. A atração entre eles é imediata, mas existem muitos fatores e segredos que podem separá-los para sempre.

Que delícia de livro! O Sedutor é narrado em primeira pessoa e alterna capítulos entre os dois protagonistas. O livro é gostoso, quente, sexy e divertido. A trama é clichê, mas mesmo assim somos conquistados pelo amor de Jax e Lily. Ele é lindo, inteligente, atencioso e muito focado; se Jax quer alguma coisa, não mede esforços para consegui-la. Já a Lily é um poço de bondade, ela não gosta de entrar em atrito com ninguém e é por isso que sua vida tornou-se uma bagunça. Lily é daquelas pessoas que não sabem dizer não e por isso sempre sai prejudicada ou magoada.

Gostei muito da Lily, por fora ela parece frágil, mas por dentro é uma mulher forte e determinada. Algumas escolhas que ela tomou não foram muito inteligentes, mas mesmo assim ela tenta seguir em frente. Outra coisa que me chamou atenção é o fato de ela trabalhar na academia; Lily não se sente intimidada, ela gosta do que faz. Quando Jax entra em sua vida tenta manter-se afastada, mas ele é insistente e ela não consegue resistir por muito tempo.

Achei o personagem de Jax diferente dos protagonistas dos livros anteriores, principalmente da parte que envolve o esporte. Jax sempre teve um sonho, só que por escolhas que não foram feitas por ele, nunca conseguiu realizá-lo. Mas igual aos outros protagonistas, Nico e Vince, Jax é um homem dominante; ele ama com intensidade e protege quem está ao seu lado.

O Sedutor também nos apresenta personagens secundários ótimos e nos traz aqueles antigos que tanto amamos. Reed, o melhor amigo de Lily é uma figura; pessoa divertida e que está sempre presente quando ela precisa. Nico e Vince, protagonistas dos livros anteriores, também aparecem e pude matar um pouco da minha saudade.

Enfim, recomendo a trilogia MMA Fighter. Se você gosta de livros quentes, com lutadores e homens protetores, pode se jogar na leitura. Estou encerrando mais uma trilogia com uma sensação de dever cumprido. <3

— Você sempre flerta com todo mundo? — pergunto timidamente, inclinando a cabeça.
— Isso não é flertar — ele responde com um sorriso sedutor.
— Não é? Então como você chama isso, Senhor Sedutor?
Seus olhos brilham.
— Preliminares.

Leitura recomendada.

MMA Fighter:
03. O Sedutor.

Outras capas:



Postagem válida para o Top Comentarista junho.



28 de junho de 2016

Raio de Sol - Kim Holden

Livro: Raio de Sol (Bright Side)
Raio de Sol #1
Autor (a): Kim Holden
Número de Páginas: 448
Editora: Planeta/Outro Planeta
Compre aqui.

Sinopse: Segredos.
Todo mundo tem um.
Alguns são maiores que os outros.
Alguns, quando revelados,
Podem curar você...
E outros podem acabar com você.
Faça épico, costuma dizer Kate Sedgwick quando quer estimular alguém a dar o melhor de si. Nascida numa família-problema, com direito a mortes e abandono, a garota de dezenove anos sempre buscou fazer a diferença. Em vez de passar os dias lamentando os infortúnios da vida, como tantos fariam em seu lugar, sempre vê as coisas pelo lado positivo não é por outro motivo que Gus, seu melhor amigo, a chama de Raio de Sol.
E é por isso que, quando passa na faculdade e se muda da ensolarada San Diego, na Califórnia, para a fria cidade de Grant, em Minnesota, ela leva consigo apenas boas lembranças e perspectivas. O que ela não espera é que será surpreendida pelo amor único aspecto da vida em relação ao qual nunca quis ser otimista ao conhecer Keller Banks, um rapaz que parece corresponder aos seus sentimentos. Acontece que tanto ele quanto ela têm um segredo. E segredos, às vezes, podem mudar tudo.

RESENHA por Katielle Borba.

Oi, pessoal!

A resenha de hoje é do incrível livro Raio de Sol da autora Kim Holden e publicação da Editora Planeta. Sem dúvidas eu afirmo que este é o meu livro favorito de 2016 e também tornou-se o favorito da vida. <3

Raio de Sol é a história da personagem mais maravilhosa que tive a oportunidade de conhecer, Kate Sedgwick. Kate é carinhosamente chamada de raio de sol pelo seu melhor amigo Gus. Os dois são inseparáveis, se conhecem desde sempre e passaram por tudo que a vida ofereceu a eles juntos. No momento os dois estão trilhando caminhos separados; ele rumo a vida de um astro de rock, ela mudou de cidade para iniciar a faculdade. Mesmo assim eles estão sempre em contato, a distância não diminui o carinho e o amor que sentem um pelo outro. Mas esta história é da Kate; ela se muda de San Diego para Grant, uma cidade fria, mas cheia de calor humano. Em Grant, Kate viverá novas experiências, conhecerá novas pessoas e finalmente encontrará o amor; só que ela guarda segredos que são dolorosos demais.

Estou completamente apaixonada por Raio de Sol. A minha paixão é tanta que faz horas que estou pensando em como escrever uma resenha a altura deste livro. Já me convenci que nenhuma palavra minha será o suficiente, só posso implorar para que vocês leiam! Este livro não é só mais um livro, é uma lição de vida. Sou dessas que, antes que iniciar a leitura, torço para que o livro me traga algo bom, que me ensine alguma coisa, que me deixe com uma sensação boa. Raio de Sol cumpriu muito bem o seu papel, mais que isso, sinto que ele mudou a minha vida.

Kate é uma pessoa incrível. É daquelas pessoas que são um presente, daquelas que torcemos para encontrar e conhecer em algum momento de nossas vidas. O apelido dado carinhosamente por Gus faz justiça a pessoa que ela é. Kate ilumina qualquer lugar que esteja, o sorriso dela é sempre sincero, ela é verdadeira, nunca julga ninguém e por mais que tenha problemas está sempre disposta a ajudar quem precisa ser ajudado. Ela tem facilidade de conversar, de fazer amizades e conquistar aquele coração mais obscuro. Em Grant ela conhece o maravilhoso Keller e o que acontece entre eles vai surgindo gradativamente, começa com um simples café e torna-se algo que nenhum dos dois poderia imaginar. Só que Keller também tem seus segredos e juntos eles tentarão passar por todos os obstáculos da vida.

Raio de Sol é narrado em primeira pessoa e alterna entre Kate e Keller. A narrativa da autora é gostosa, daquelas que não conseguimos largar o livro por nada neste mundo. Sabemos que Kate e Keller tem segredos, mas a autora soube guardar muito bem todos eles; ela vai soltando os fatos ao poucos, acho que para tentar amenizar os sentimentos do leitor; é quase como se fossem doses homeopáticas de segredos.  A escrita da autora é poesia, pelo menos eu tive vontade de marcar o livro inteiro, de grifar as frases de impacto e olha que não foram poucas.

O livro tem uma mistura de alegria, tristeza e drama. É aquele livro agridoce, que a gente ama, mas odeia ao mesmo tempo. A história criada pela autora parece tão real que eu não ficaria surpresa se lá no final do livro tivesse um aviso dizendo que a história foi baseada na vida de alguém. Raio de Sol nos deixa um gosto agridoce porque sabemos que o final era aquele mesmo que aconteceu, que não tinha outra saída, que só bastava aceitar  o que a vida/universo/Deus ofereceu.

Como não amar, como não ficar apaixonado por um livro que contém isso:

Vou deixar você com um último pensamento, porque às vezes a vida é difícil. Para todos nós.
Você é corajoso... 

Agora, vá... faça épico! 
É uma ordem.
Ande.
Por favor.  (Kim Holden)

O que eu aprendi com Raio de Sol: ame, viva, aproveite a vida, não julgue, ajude, não se arrependa, seja feliz, faça o bem, esteja disponível, não reclame, não faça cara feia, se está difícil para você, tem alguém em pior situação, relaxe e aproveite todos os momentos até mesmo aquele momento que você acha que é insignificante. 

A autora escreveu um outro livro, sobre o Gus. A Editora Planeta já confirmou a publicação dele aqui no Brasil e mal posso esperar para tê-lo em mãos.

Se eu recomendo a leitura? SIM! Vocês deveriam ser obrigados a ler este livro. ;)

(...) – Você esta me perguntando isso mesmo? Gus. Você me conhece. Esse é praticamente meu lema: sem arrependimentos. Arrependimentos só servem para imaginarmos alternativas e sentirmos raiva e tristeza, e não posso me dar ao luxo de nada disso.
Sei que é estranho, mas gosto de pensar em Deus como meu amigo. Não sou religiosa; só falo com ele com frequência. Peço muitos favores. Às vezes, as coisas funcionam a meu favor, e às vezes não. É a vida. A gente só precisa aproveitar ao máximo.
(...) ­– Seu novo lema é: faça épico
(...) Ler é uma fuga do mundo externo. Todo mundo precisa de um pouco disso para manter a sanidade.

Leitura recomendada.

Raio de Sol:
01. Raio de Sol;
02. Gus.

Outras capas:

  

 Postagem válida para o Top Comentarista junho.



27 de junho de 2016

Divulgação - Quebrando Regras de Li Ferreira

Oi, pessoal!
Hoje é dia de divulgação aqui no blog. 
O livro de hoje é o Quebrando Regras da autora Li Ferreira.

Quebrando Regras - Li Ferreira.
BEBA E TENTE NÃO SE VICIAR... 
DESEJE E TENTE NÃO SE APAIXONAR... 
Após a morte misteriosa e brutal do meio-irmão, Fernanda Guedes decide deixar a capital de São Paulo e sua família para se aventurar nas Serras Gaúchas e morar com o pai, porque está cansada da solidão constante e de levar uma vida sem emoção. Sua chegada já era prevista e a decisão estava destinada a acontecer. Na cidade de Canela, a jovem descobre que seu destino está interligado aos novos moradores e tudo o que sempre acreditou estava prestes a mudar. 
Enquanto isso, Patrick Wyle, um vampiro e líder de um clã recém-chegado dos Estados Unidos, tem como dever investigar algumas mortes recentes causadas pelos renegados de sua raça. 
E, como se não bastasse tudo isso, Fernanda conhecerá o desejo fulminante, o amor eterno e o imenso poder do beijo de um vampiro. Contudo, ao escorregar do manto invisível, desabrocha um perfume tão raro... Quem resistirá à sua doçura? 
O encontro de uma humana e uma criatura lendária pode mudar o rumo de suas vidas completamente em meio à sede intensa, luxúria desenfreada, poderes inimagináveis e uma paixão devastadora, que desencadeará uma guerra sombria entre o bem e o mal. 
Venha quebrar todas as regras e desvendar os segredos sombrios que permeiam a vida desses personagens que vão conquistar o seu coração. 





25 de junho de 2016

Promoção #4 - Editora Record

Oi, gente!
Que tal ganhar os livros distribuídos do Mochilão da Record? Serão sorteados os quatro livros que ganhei no evento.
Espero que gostem. <3



O vencedor (a) levará para casa:
  • A Queda dos Anjos;
  • Cold Springs;
  • Os Radley;
  • A Vida Íntima de Pippa Lee.


Como participar:
Preencher o formulário Rafflecopter.

Regras:
1. Ser residente no Brasil.
2. Curtir a página do blog no Facebook.
3. O participante deverá compartilhar a imagem da promoção publicamente e deixar o link no formulário.
4. O ganhador terá dois dias para enviar os dados para envio dos prêmios.
5. Os prêmios serão enviados em até 45 dias.
6. O blog Leitura Maravilhosa não se responsabiliza por um segundo frete caso os livros retornem.
7. Promoção válida até 01/07.

* Diariamente o formulário abrirá um campo para o link de compartilhamento ser inserido, portanto, a imagem pode ser compartilhada todos os dias até o final da promoção.
* Qualquer dúvida entrar em contato através do e-mail: katielle.borba@gmail.com

a Rafflecopter giveaway

24 de junho de 2016

A Caminho do Altar - Julia Quinn

Livro: A Caminho do Altar
(On The Way To The Wedding)
Os Bridgertons #8
Autor (a): Julia Quinn
Número de Páginas: 320
Editora: Arqueiro
Compre aqui.

Sinopse: Ao contrário da maioria de seus amigos, Gregory Bridgerton sempre acreditou no amor. Não podia ser diferente: seus pais se adoravam e seus sete irmãos se casaram apaixonados. Por isso, o jovem tem certeza de que também encontrará a mulher que foi feita para ele e que a reconhecerá assim que a vir. E é exatamente isso que acontece. 
O problema é que Hermione Watson está encantada por outro homem e não lhe dá a menor atenção. Para sorte de Gregory, porém, Lucinda Abernathy considera o pretendente da melhor amiga um péssimo partido e se oferece para ajudar o romântico Bridgerton a conquistá-la. 
Mas tudo começa a mudar quando quem se apaixona por ele é Lucy, que já foi prometida pelo tio a um homem que mal conhece. Agora, será que Gregory perceberá a tempo que ela, com seu humor inteligente e seu sorriso luminoso, é a mulher ideal para ele? 
A caminho do altar, oitavo livro da série Os Bridgertons, é uma história sobre encontros, desencontros e esperança no amor. De forma leve e revigorante, Julia Quinn nos mostra que tudo o que imaginamos sobre paixão à primeira vista é verdade – só precisamos saber onde buscá-la.

RESENHA por Luciana Corrêa da Silva.

Oi gente!

A resenha de hoje é muito especial. É tão bom quando chegamos ao final de uma longa jornada com o coração cheio de felicidade, né? É assim que me sinto ao terminar Os Bridgertons, essa série de oito livros com um sentimento de que tudo valeu a pena, cada página, cada personagem foi especial durante esses livros todos. Escrito por Julia Quinn, uma escritora nata e ávida, que desde que começou a escrever nunca mais parou. Ela já conquistou inúmeros prêmios literários e vive com a família na costa oeste dos Estados Unidos. (www.juliaquinn.com)

A Caminho do Altar é o último livro da série e o destaque é para Gregory Bridgerton, o quarto filho na escala masculina dos oito filhos de Violet, a mãe adorável que aprendemos a amar durante o desenvolvimento da história. Gregory é agora o único que não se casou, e que parece viver uma vida sem nenhum sentido. Ele não confessa, mas está a procura de sua alma gêmea; não se diz romântico mas, depois de ver tantos casos de amor em sua família, acredita que também chegará a sua vez. No que Gregory mais acredita é que ele saberá quando seu amor chegará, ele tem certeza absoluta de que quando bater o olho nela, será a única, aquela que arrebatará o seu amor para todo o sempre.

Então, quando ele chega a uma festa na casa de seu irmão mais velho, Antony, o Lorde Bridgerton, e vê a nuca da Lady Hermione Watson, ele sabe com toda a certeza de que é ela, só pode ser ela, aquela que será a mãe de seus filhos e dona de seu coração. O que ele não sabe é que a moça é perdidamente apaixonada por outro e não tem olhos para mais ninguém.

Hermione é uma moça linda, cortejada por todos aqueles que não deseja e tem uma amiga que é mais que amiga, é uma irmã. Lucy Abernaty é sua BFF e sua escudeira, ela a ajuda a manter os inúmeros pretendentes longe da moça entediada que não quer nenhum desses moços atrás dela.

Lucy é uma ótima moça, mas está noiva há anos, em um casamento arranjado pelo “odioso” tio e ela não quer decepcionar sua família. Ela é centrada e acostumada a fazer o que tem que ser feito e, por achar que isso é o certo, ajudará Gregory a conquistar a amiga Hermione. Eles ficam próximos, amigos de verdade, acabam por saber as atitudes um do outro só pelo olhar… Ela o ajuda, mas no seu coração sente por ele mais do que pode sequer sonhar, já ele, quando se dá conta de seus sentimentos pode não ter tempo para reverter as coisas…

Como já disse antes, eu adorei todos os livros da série, mas sempre achei que a autora melhorava a história a cada volume, sendo que o meu preferido era sempre o último. Então, com esse não foi diferente, Gregory tornou-se o meu Bridgerton preferido, ele foi tudo o que eu esperava e ainda mais. Foi perfeito.

A autora soube dar um desfecho incrível e emocionante que em alguns momentos me fizeram chorar. Os personagens que tanto amamos não ficaram de fora e a incrível Hyacinth deu o ar de sua graça em momentos determinantes da história de seu irmão. Não tem como ficar de fora desse belo final e eu estou aqui a me conter por contar mais, mas são tantos os acontecimentos, as intrigas, as traições, as coscuvilhices (como se chama uma fofoquinha aqui em Portugal...) que eu imploro para que você leia essa série maravilhosa (se ainda não leu, corra).

Só pelo casal principal e os personagens secundários, que não ficam nem um pouco em segundo plano, já vale cinco estrelas.

Divirtam-se com essa bela saga familiar, recheada de momentos felizes, com tiradas engraçadas e de grande satisfação para as leitoras de romances de época.

Ao contrário da maioria dos homens que conhecia, Gregory Bridgerton acreditava em amor verdadeiro.
E seria um tolo se não acreditasse.
Porque seu irmão mais velho, Anthony; sua irmã mais velha, Daphne, e seus outros cinco irmãos - Benedict, Colin, Eloise, Francesca e Hyacinth - eram todos - todos - perdidamente apaixonados por seus cônjuges.

Beijos com sabor de pastéis de nata e até a próxima.

Série Os Bridgertons:
Livro 1 - O Duque e Eu;
Livro 8 - A Caminho do Altar.

Outras capas:

   

 Postagem válida para o Top Comentarista junho.



23 de junho de 2016

O Despertar do Lírio - Babi A. Sette

Livro: O Despertar do Lírio 
Série Flores da Temporada #2
Autor (a): Babi A. Sette
Editora: Novo Século
Compre aqui.

Sinopse: Lilian Radcliffe é uma jovem viúva e está feliz com sua vida isenta de emoções. Culpa do luto que não larga? Lilian jurou fidelidade ao marido no leito de sua morte. 
Paralelo a isso, conhecemos Simon Thorn, homem frio e libertino, dono da maior casa de jogos de Londres. Ele está a um passo de realizar seu plano de vingança contra o culpado pelo título de assassino que recebera anos atrás. O problema é que o canalha está morto e ele terá de usar a sua viúva recatada a fim de atingir seus objetivos. 
De um lado, ela precisa manter sua honra intacta; de outro, ele quer seduzi-la e desmoralizá-la. No entanto, Lilian nunca se sentiu tão vulnerável e atraída por um homem. E Simon, por sua vez, demonstra reações ao lado dela das quais nunca imaginara ter. A vingança e a honra se abalam quando nasce entre ambos uma paixão incontrolável. Mas, para ficarem juntos, terão de enfrentar segredos e mágoas profundas, um castelo trancado há seis anos, palco de uma morte misteriosa e, sobretudo, encarar os fantasmas do passado que assombram suas consciências.

RESENHA por Katielle Borba.

Oi, gente! Tudo bem?

É com grande alegria que a resenha de hoje é do livro O Despertar do Lírio da autora Babi A. Sette. O livro faz parte da série Flores da Temporada e a publicação é da Editora Novo Século. O primeiro livro, A Promessa da Rosa, já foi resenhado no blog, vocês podem conferir clicando aqui.

Meu entusiasmo todo é porque mais uma vez a Babi conseguiu me deixar sem palavras; mais uma vez ela me deixou arrebatada por uma história de amor linda e perfeita. Se eu já tinha amado o livro anterior, este aqui então, foi para me deixar completamente apaixonada pela escrita da autora. Não pouparei elogios para esta mulher que conseguiu conquistar o coração de tantos leitores. Ela é nacional, mas suas histórias não deixam a desejar para qualquer autora internacional. Babi merece todos os elogios e todo carinho do mundo.

O Despertar do Lírio conta a história de Lilian Radcliffe e Simon Thorn. Ela é irmã da protagonista do primeiro livro, ele é conhecido por Barão Assassino. Os dois são como água e vinho, não se misturam e acham que também não se completam. Lilian é viúva e jurou fidelidade ao marido mesmo depois de sua morte, mas como manter-se fiel a uma promessa quando se tem um homem frio, libertino, inescrupuloso, dono de uma casa de jogos, acusado de assassinato e que faz suas pernas virarem manteiga quando estão na presença um do outro? Como fazer para resistir a uma tentação tão grande, por mais que lá no fundo você saiba que irá se machucar? Lilian tem muitas dúvidas, mas nem por isso será capaz de deixar de viver a maior aventura de sua vida.

Se vocês me vissem neste momento, perceberiam que estou com um sorriso abobado no rosto. É assim que me sinto ao escrever esta resenha, estupidamente feliz! O Despertar do Lírio é um livro capaz de deixar qualquer pessoa feliz e de no final da história deixar o nosso coração transbordando de amor. Que livro lindo! Que história maravilhosa! Narrado em terceira pessoa, somos apresentados ao uma trama ágil, envolvente e cheia de artimanhas. A autora tem o dom de nos fazer odiar o mocinho no início, mas no final já estamos rastejando por ele.

Lilian é à flor de pureza da sociedade. Ninguém tem nada a falar dela; Lilian é boa, ajuda as pessoas, não gosta de falatórios e tenta viver sua vida na maior simplicidade possível. Mas bem no íntimo ela sabe que não se reconhece realmente; Lilian passou por muitas coisas na vida, coisas que é difícil de uma pessoa superar, mas ela vive um dia após o outro. Tudo sai dos eixos quando Simon aparece; ele tem a capacidade de fazê-la derreter somente com um olhar, ela começa a ter atitudes que não condizem com sua pessoa, ou ao menos assim as pessoas pensam. Ah, outro detalhe bastante interessante sobre Lilian, ela é viciada em listas; para tudo ela faz listas, seja mental ou escrita.

Simon, o Barão Assassino, é um homem amargurado, calculista e com muito desejo de vingança. Há seis anos ele não está nem aí para o que a sociedade pensa, ele não mede seus atos e se tiver que prejudicar alguém ele não pensa muito a respeito. Claro que quando Lilian aparece é como se fosse uma luz na escuridão que o habita e logo ele não sabe lidar com tantos sentimentos contraditórios que sente a respeito dela.

O Despertar do Lírio é um livro maduro, bem humorado e bastante sensual. Gostei muito da maneira como a autora tratou do amor de Simon e Lilian; um amor de redenção, um amor que perdoa, espera e compartilha. A cumplicidade entre eles é linda e, por mais que os dois tenham problemas, que não são poucos, eles enfrentam juntos. Além dos dois protagonistas, também temos algumas histórias paralelas; pessoas que passamos a amar e a torcer para que tudo desse certo no final.

A capa deste livro dispensa comentários, não existe maior perfeição. A diagramação também está lindíssima, em todo início de capítulo temos uma página trabalhada com um lírio.

Este aqui é daqueles livros que recomendamos para todo mundo, daqueles que se eu pudesse daria um exemplar para cada uma das minhas amigas, pois os livros da Babi devem ser lidos, admirados e comentados. Se você ainda não leu nenhum livro dela, está perdendo tempo, é impossível não se apaixonar, sofrer e amar suas histórias.

(...) atraente como o diabo, mais experiente que o próprio... Ser seduzida por você não me parece um castigo.
— Agora todos estão convencidos de que eu me apaixonei perdidamente. Viu? Não foi apenas sua reputação que sofreu danos com essa história. Eu – Simon continuou com uma forçada indignação —, um assassino frio, um cínico manipulador, alguém que está acima da classe dos libertinos comuns, que era elogiado por devasso, fui colocado na guia pelas mãos de uma dama recatada.

Leitura (SUPER) recomendada.

Flores da Temporada:
02. O Despertar do Lírio;
03. Não Me Esqueças (não publicado).

Postagem válida para o Top Comentarista junho.



22 de junho de 2016

Lançamento - HarperCollins Brasil

Também foi divulgada mais uma série de romance histórico/época (imaginem minha alegria). <3
Conquistada Por Um Visconde é da autora Stephanie Laurens e a publicação será da editora HarperCollins BrasilO livro faz parte da trilogia As Irmãs Cynster e será lançado em julho.

Conquistada Por Um Visconde - Stephanie Laurens.
Londres, 1829. Decidida a escolher seu próprio herói, um que a deixe completamente extasiada e pronta para a felicidade conjugal, Heather Cynster declina convites para os bailes conservadores da aristocracia londrina e busca aventuras fora de seu círculo social.
Ao ultrapassar as fronteiras de seu mundo seguro e comparecer a um sarau oferecido por uma dama de reputação duvidosa, Heather acaba entrando na cova de leões. Mas seus planos de independência são arruinados quando encontra, no meio do salão, o enervante Visconde Breckenridge. Amigo dos Cynster e, principalmente, dos irmãos de Heather, ele a toma pelo braço e a leva até a carruagem. Mas seus esforços são inúteis. A poucos metros de entrar no carro, Heather é interceptada e sequestrada por inimigos ocultos que buscam vingança contra os Cynster. Agora, o arrojado Visconde terá de provar que é realmente o herói que Heather tanto almeja…
Escrito com maestria, paixão e toques de humor, “Conquistada por um visconde” é uma trama inesquecível, que deixará o leitor querendo mais após a última página. Composta por Stephanie Laurens, considerada a sucessora de Georgette Heyer e a principal referência de muitas escritoras de sucesso, seus romances têm como cenário a alta sociedade de Londres do período regencial. “Conquistada por um visconde” é a escolha certa para os fãs de narrativas cujos personagens são damas audaciosas arrebatadas por nobres sedutores.

Pré-venda.



Lançamento - Editora Gutenberg

Oi, pessoal!
Na semana passada foi divulgada a capa de A Redenção da autora Lisa Kleypas
A série The Travis Family é publicada pela Editora Gutenberg e este é o segundo volume. 
A série é contemporânea e possui quatro livros publicados. A resenha do primeiro vocês podem conferir aqui.
Abaixo a capa, sinopse e links de venda.

A Redenção - Lisa Kleypas.
QUANDO OS DESTINOS DE DUAS PESSOAS MARCADAS PELA VIOLÊNCIA SE CRUZAM, É PRECISO ESCOLHER UM CAMINHO A SEGUIR: O AMOR OU A DOR.
Herdeira caçula de um verdadeiro império, Haven é uma mulher obstinada que vive de acordo com os próprios princípios e não tem medo de bater de frente com o pai, Churchill Travis, um dos homens mais ricos e respeitados do Texas. Mas ao cortar relações com ele para se casar com um jovem que sua família desaprova, Haven vê sua vida se transformar num verdadeiro inferno… e não tem para quem pedir ajuda.
Dois anos depois, Haven volta para casa, com a alma abatida e o coração fechado, determinada a reconstruir sua vida sozinha. Mas Hardy Cates e seus irresistíveis olhos azuis cruzam seu caminho, e ele é a última pessoa que ela precisa encontrar.
Hardy é o mais novo magnata da indústria petroleira de Houston, um homem de sangue quente que aprendeu desde muito cedo a não confiar em ninguém e que nunca mediu esforços para chegar aonde quer: ao topo! Em sua jornada alimentada pela ambição desmedida, ele conquista poder e inimigos, incluindo os membros da poderosa família Travis. O que ele não esperava era sentir suas defesas serem abaladas pela herdeira da família…
Duas pessoas que aprenderam da pior maneira que o amor pode ser o inimigo mais cruel. Será que vão conseguir deixar todos os traumas para trás diante de uma nova chance?
“Quando se é sistematicamente agredida, sua capacidade crítica vai sendo solapada até o ponto em que é quase impossível tomar decisões.”
The Travis Family, série best-seller do The New York Times, é a estreia de Lisa Kleypas como autora de romances contemporâneos. A protegida, primeiro livro da série, foi finalista do RITA, o maior prêmio destinado a romances nos Estados Unidos.

Pré-venda.


21 de junho de 2016

Não Fale Com Estranhos - Harlan Coben

Livro: Não Fale Com Estranhos (The Stranger)
Autor: Harlan Coben
Número de Páginas: 304
Editora: Arqueiro
Compre aqui.

Sinopse: O estranho aparece do nada e, com poucas palavras, destrói o mundo de Adam Price. Sua identidade é desconhecida. Suas motivações são obscuras. Mas suas revelações são dolorosamente incontestáveis. 
Adam levava uma “vida dos sonhos” ao lado da esposa, Corinne, e dos dois filhos. Quando o estranho o aborda para contar um segredo estarrecedor sobre sua esposa, ele percebe a fragilidade do sonho que construiu: teria sido tudo uma grande mentira? 
Assombrado pela dúvida, Adam decide confrontar Corinne, e a imagem de perfeição que criou em torno dela começa a ruir. Ao investigar a história por conta própria, acaba se envolvendo num universo sombrio repleto de mentiras, chantagens e assassinatos.
Intrigante e perturbador, Não fale com estranhos é mais que um suspense de tirar o fôlego. É uma reflexão sobre o bem e o mal, o amor e o ódio, o certo e o errado, os segredos, as mentiras e suas consequências devastadoras.

RESENHA por Katielle Borba.

Oi, gente!

A resenha de hoje é do livro Não Fale Com Estranhos do autor Harlan Coben e publicação da Editora Arqueiro.  O Harlan é o meu autor favorito de suspense, os livros dele são sempre cheios de emoções e daquela tensão de tirar o fôlego.

Imagine você, vivendo uma vida tranquila, com filhos bem encaminhados e um ótimo casamento. Imaginou? Agora imagine tudo isso destruído por um estranho; uma pessoa que chega até você e conta um segredo obscuro de alguém que você ama e destrói sua bolha de felicidade.  Isso aconteceu com Adam Price, um homem de bem e que ama sua esposa e filhos, mas isso muda quando um estranho conta algo que sua mulher fez há alguns anos. Adam fica desolado, sem saber no que acreditar; a única coisa que ele pode fazer é investigar, só que o que parecia somente um segredo, se transforma em algo imenso e logo Adam se vê numa rede de intrigas, mentiras e muito suspense.

Não Fale Com Estranhos é narrado em terceira pessoa e por vários personagens. O livro é ágil, cheio de mistérios e com um bandido que só descobrimos no final. Gosto dos livros do Harlan, pois nada é o que parece. A história inicia de uma maneira, mas são tantos desdobramentos que é quase impossível descobrir quem é o malvado. Neste aqui não foi diferente, tive algumas desconfianças que deixei de lado, mas no final era quem eu havia imaginado.

O segredo que o estranho conta para Adam é apenas a ponta do iceberg. Conforme a história avança muitos fatos acontecem, no início não conseguimos entender, mas no final as peças se encaixam perfeitamente. Quanto sofrimento o Adam passou, quanta coisa ele teve que pensar e além de tudo ele tinha que seguir com sua vida, com seu trabalho e cuidar dos dois filhos.

Não Fale Com Estranhos aborda um tema bastante interessante, a internet. Coisas que as pessoas fazem online e acham que estão seguras. Os segredos contados pelo estranho são bastante graves, pois as pessoas nunca imaginariam que seriam descobertas. Quando foi revelado o motivo dessa pessoa em agir assim (contando segredos) senti muita raiva, pois ninguém tem o direito de se intrometer na vida de alguém. Os motivos dele não foram convincentes, pelo menos para mim, e eu senti mais raiva pelas muitas vidas que essa pessoa destruiu.

Enfim, quem gosta de um bom suspense e uma história cheia de reviravoltas este livro é muito indicado. Para quem ainda não leu nada do Harlan pode começar por este aqui. Os livros dele são ótimos, a satisfação é sempre garantida. O melhor de tudo é que o livro é único.

Segredos revelados eram segredos destruídos.

Leitura recomendada.

Outras capas:

   

 Postagem válida para o Top Comentarista junho.


20 de junho de 2016

Você se Lembra de Mim? - Megan Maxwell

Livro: Você Se Lembra de Mim?
(Hola, ¿te acuerdas de mí?)
Autor (a): Megan Maxwell 
Número de Páginas: 496
Editora: Essência/Planeta
Compre aqui.

Sinopse: Alana é uma mulher independente que não acredita no amor e tem na profissão sua única razão de viver. Jornalista freelancer, é enviada a Nova York para escrever uma reportagem sobre a metrópole, onde conhece o atraente Joel Parker. Quando ela descobre que aquele homem bonito e sedutor que tem lhe feito companhia nos últimos dias é um militar, como seu pai uma lembrança que ainda a assombra , a jornalista desaparece sem deixar vestígios. Apesar de resoluta em sua vontade de se afastar do capitão da Marinha americana para não repetir a história de sofrimento de sua mãe, ela não conseguirá aplacar o desejo de seu coração por Parker. Quem vencerá essa disputa entre razão e emoção? O passado de sua mãe irá assombrá-la ainda mais ou irá ajudá-la a esclarecer muitas questões mal resolvidas?

RESENHA por Katielle Borba.

Olá, você se lembra de mim?

Com está frase inicio a resenha deste livro que se tornou meu favorito. Você Se Lembra de Mim? é de Megan Maxwell e a publicação é da Editora Planeta.

Muitos de vocês devem estar se perguntando se este livro é hot, para mim ele não é, tem partes bem sensuais, mas são poucas. Nada comparado à outra série da autora. Quem quer uma história linda, divertida, emocionante, cheia de sentimentos e perfeita pode ler este livro aqui, sem ressalvas.

Você Se Lembra de Mim? já me conquistou logo na carta que a autora fez para seus leitores. Ali descobri que a história não era só mais uma história, mas sim algo baseado em fatos reais. O livro é dividido em duas partes: na primeira, somos transportados para os anos 60 na Espanha e na Alemanha. Nesta parte conhecemos a história de Carmen no auge de sua juventude. Aqui sabemos como foi para ela mudar de país, em busca de trabalho e de uma vida melhor. Acompanhamos, durante anos, a saga desta mulher. Essa primeira parte do livro me deixou com o coração na mão; eu nem havia chegado à metade e a autora já tinha feito com que eu me debulhasse em lágrimas e pensasse o quanto a vida não é justa para algumas pessoas. A maneira como a Megan descreveu a história de Carmen (que é baseada em fatos reais) foi muito tocante e linda. Não existiu um momento em que eu não torci para tudo dar certo na vida desta mulher. Além de Carmen, ainda conhecemos outras pessoas maravilhosas e que nos acompanham até o final da trama.

A segunda parte do livro inicia no ano de 2003. Nesta parte temos a história de Alana, filha da Carmen. Alana é bem vivida, bem empregada e uma mulher de muito alto astral. Já passou por alguns percalços na vida, mas nem por isso deixa a alegria e a vontade de viver de lado. Alana ama seu emprego e tem umas amigas que são demais. Em especial existe a Isa, que trabalha na mesma empresa, elas não se desgrudam em nenhum momento.

Alana e Isa estão fazendo um trabalho em Nova York e lá elas se apaixonarão perdidamente. A paixão de Alana é o Capitão Joel Parker. Ele é fuzileiro naval e um espetáculo de homem. No início Alana tenta manter-se afastada, mas logo vê que isso é impossível. Juntos, eles viverão uma linda história de amor, mas Alana é desconfiada e os acontecimentos do seu passado farão com que ela pense se quer mesmo entregar-se.

Estou perdidamente apaixonada por esta história. Que livro! Nem nos meus pensamentos mais loucos eu imaginava abrir este livro e ficar arrebatada pela história de Carmen e Alana. Tudo que eu já falei aqui não é nada perto do que acontece na vida dessas duas pessoas. Essas mulheres são mãe e filha, mas o jeito como as histórias delas foram entrelaçadas é muito especial. A maneira de como o destino contribuiu para que elas vivessem o mesmo drama no passado e no presente é de tirar o fôlego.

Sempre gostei muito da escrita da Megan, mas este livro me deixou muito surpresa. Fiquei encantada com tudo o que li. A forma como a autora retratou a primeira parte do livro é de deixar qualquer pessoa emocionada. A cada página que passava eu ficava ansiosa e nervosa, pois precisava saber o que iria acontecer e a forma de como tudo foi contado é perfeita. A autora nos leva em um misto de sentimentos conflitantes, ela nos envolve em emoção e magia para logo após nos deixar sem saber o que pensar; daí ela inicia tudo novamente para nos presentear com um final perfeito.

Outra coisa que amei e acredito que seja característica nos livros da Megan, são as músicas. Eu amo música antiga e na primeira parte do livro fui presenteada por uma infinidade delas. A segunda parte também não deixou a desejar e foi ótimo poder ler e sentir o que as protagonistas estavam sentindo em todos os momentos.

Você Se Lembra de Mim? tem uma narrativa envolvente e ágil. Este é daqueles livros que a gente ama na primeira página e ama dez vezes mais na última. Talvez pela primeira parte ser baseada em fatos reais eu tenha me apegado tanto, pois ler algo que alguém viveu realmente dá uma outra dimensão a história. Não irei contar aqui o que acontece com essas duas mulheres; qual o drama que uma viveu no passado e que se repete no presente, só digo que este livro é daqueles que todos nós necessitamos ter na estante.

Se você ainda está receoso em ler este livro por achar que tem cenas hot’s, esqueça isso. A história é linda, bem contada e a parte sensual passa batido diante de tudo que a história de Carmen e Alana representa.

Houve um tempo em que eu quis tudo: meus pais ao meu lado no dia de meu casamento e um homem que me dizia palavras de amor. E agora, acho que, por ter querido tudo, talvez tenha ficado sem nada.
- Joel, o que está fazendo?
(...)
- Estou me declarando para uma garota que mal conheço  e que não acredita em amor à primeira vista; uma garota que eu adoro, que me deixa sem fala e me enlouquece quando diz que sou seu pecado. Se fosse por mim, eu me casava com você agora mesmo. E sabe por quê?
Como hipnotizada, Alana negou com a cabeça.
- Porque gosto muito de você; porque, como diz a canção, temos um tipo maravilhoso de amor, e porque quanto mais estou com você, mais percebo o que posso perder.

Leitura recomendada.

Outras capas:

 


Postagem válida para o Top Comentarista junho.