25 de julho de 2016

A Garota Italiana - Lucinda Riley

Livro: A Garota Italiana (The Italian Gril)
Autor (a): Lucinda Riley 
Número de Páginas: 464
Editora: Arqueiro.
Compre aqui.

Sinopse: Uma inesquecível história de amor, traição, paixão, obsessão e música.
Aos onze anos de idade, Rosanna Menici conhece o cantor Roberto Rossini, uma estrela em ascensão no mundo da ópera italiana - e o homem que mudaria sua vida para sempre. Incentivada - e apaixonada - por ele, Rosanna passa a se dedicar ao estudo do canto lírico, torna-se cantora profissional, e logo os dois se encontram nas salas de concerto mais famosas do mundo, dividindo não só o palco como também o mesmo destino.
Com seu talento incomum para descrever ambientes e evocar sensações e sentimentos universais, Lucinda Riley nos leva a acompanhar a trajetória de Rosanna, desde os bairros pobres de Nápoles até os teatros mais glamourosos do planeta, trazendo à tona, com sua prosa inconfundível, as alegrias, tristezas, frustrações, decepções e redenções do amor.

RESENHA por Katielle Borba.

Ciao (Olá)!

A resenha de hoje é do livro A Garota Italiana da autora Lucinda Riley e publicação da Editora Arqueiro.

Estou completamente encantada e apaixonada por este livro. A Garota Italiana foi o meu primeiro contato com a autora e até agora estou me perguntando como demorei tanto tempo para ler algo dela. Que história incrível e apaixonante.

A trama inicia em 1966 quando conhecemos a pequena Rosanna Menici. Ela mora em Napóles e sua perspectiva de vida é somente ajudar o seu papá e sua mamma na cantina da família. Mas em uma noite de festa isso muda; Rosanna conhece o famoso cantor de ópera Roberto Rossini. Quando ele escuta a voz de Rossana fica enfeitiçado e é o primeiro a incentivá-la a ter aulas e quem sabe ser uma das mais famosas cantoras do mundo. Apesar de Rosanna ser apenas uma criança ela fica apaixonada por Roberto e anos mais tarde esse amor passa a ser correspondido, mas nem tudo será fácil na vida deles, pois além da diferença de idade, ele guarda muitos segredos.

A Garota Italiana é narrado em terceira pessoa e por praticamente todos os personagens, a história é dinâmica e envolvente. Diferente dos livros que estou acostumada a ler, este aqui retrata praticamente a vida inteira da protagonista. Acompanhamos seus primeiros passos em busca de um grande sonho até o momento em que a vida dela fecha um ciclo. Pode parecer que o livro é corrido, mas não; tudo acontece no seu devido tempo e a passagem dos anos ocorre gradativamente. O livro tem todos os ingredientes de uma trama inesquecível: amor, paixão, traição, dor, chantagem, sofrimento, alegria, descobertas, segundas chances e mais uma infinidade de adjetivos.

Rosanna e Roberto são completamente opostos, mas mesmo assim sentem um amor louco um pelo outro, na verdade cheguei a conclusão que o amor deles é um pouco doentio e em muitas vezes só os prejudicou. Rosanna torna-se um mulher forte e decidida, mas ao lado de Roberto não é assim que ela costuma agir. Ele é um homem egoísta e com um ego do tamanho do mundo. Não liga muito para as pessoas e os atos dele na maioria das vezes não são bons.

A Lucinda escreve de uma maneira que nos encanta, que nos faz amar e odiar os personagens. Em muitas vezes tive acessos de raiva por conta desses dois protagonistas, eles vivem um amor cego e louco e não enxergam o que está bem na frente do nariz deles. Além da história principal, temos muitas outras acontecendo paralelamente. No princípio fiquei um pouco perdida com a quantidade de personagens e parecia que o que estava se desenrolando não fazia sentindo algum, mas lá no final, quando os segredos são descobertos, tudo parece se encaixar perfeitamente.

Paralelamente a história de Rosanna temos a história do Luca, seu irmão e protetor. Gente, fiquei encantada com esse homem; a coragem e a força que ele demonstra é incrível e as lições aprendidas com ele são para a vida inteira.

O pano de fundo da trama é a ópera e estou apaixonada por isso. Depois que terminei a leitura fui procurar alguns vídeos e isso só serviu para eu amar ainda mais este livro. As descrições do que Rosanna e Roberto viveram, o esforço para se ter uma voz perfeita e o reconhecimento de um trabalho bem feito são apenas alguns dos pontos para amar a leitura.

A Garota Italiana é livro único, então, não é desculpa para quem não quer iniciar nova série. Indico este livro para todos. A história é linda, bem contada, emocionante, tocante e depois que a gente termina sente que ela também é real.

Vamos esquecer as coisas ruins e recordar apenas as boas, pois somos humanos, e é assim que conseguimos viver.
Em retrospecto, dei-me conta de que podemos amar alguém de todo o coração, mas isso não significa que essa pessoa nos faça bem. Roberto não despertava meu melhor lado. Com ele, eu nunca estava no controle. A simples presença dele era como uma droga.

Leitura recomendada.

Outras capas:

  

 Postagem válida para o Top Comentarista julho.


11 comentários

  1. Oi Kati, eu nunca li nada dessa autora, embora tenha vontade e tenha até uns dois livros dela... agora depois da resenha vou ter que me dedicar mais aos livros da Lucinda kkk parabéns, linda resenha, beijo <33

    ResponderExcluir
  2. Oi, Katielle!

    Ainda não li nenhum livro da Luncida mas pelos seus comentários acredito que vou gostar da escrita dela... só não sei se vou gostar de conhecer esse amor cego e louco de Rosanna e Roberto, e tenho certeza que não irei simpatizar pelo Roberto, não gosto de personagens egoístas com o ego do tamanho do mundo... mas vou anotar essa dica, se eu tiver a oportunidade vou ler sim A garota ilaliana.

    Bjos!

    ResponderExcluir
  3. Oi, Katielle!
    Minha primeira experiência com a autora foi com o livro A Casa das Orquídeas, e confesso que através dele, me tornei uma grande fã da autora. Achei o enredo desse livro bem diferente e adorei o cenário. Fico impressionada como a autora consegue nos fazer viajar pelas páginas. Uma das coisas que me agrada nos livros da autora é que todos os personagens tem sua importância na trama. Estou louca pra conhecer a história de Rosanna e Roberto. E sei que vou me encantar e me emocionar com essa leitura. com certeza vai pra lista de desejados.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  4. não acredito, você já leu?! Tô louca para ler... ainnn quero.
    Acho a Lucinda uma escritora fabulosa... romancista de primeira, até mais do que algumas que são bem mais destacadas que ela... Espero que muita gente possa ler Lucinda Riley...
    Esse livro tá uma fofura...eu preciso ler!

    ResponderExcluir
  5. Já estava bastante interessada em ler esse livro pela sinopse pela autora, agora depois de ver essa resenha fiquei ainda mais ansiosa em conferi essa história que parece mesmo ser excelente.

    ResponderExcluir
  6. Oiee!
    Fiquei confusa agora, você fez tantos elogios, sendo que li outra resenha que "acabou" com o mesmo livro :O
    Bom, minha tia é super fã da Lucinda e sempre me falou muito bem dela, mas eu não sinto tanta vontade assim de ler os livros desta autora. Estava decidida a dar uma chance com esse, já que gostei muito da capa (sou do tipo que capas valem pontos rs), mas agora não sei mais o que fazer, pois tem gente que ama e outros que odeiam a história.
    Acho que vou esperar um pouco mais para decidir.
    Bjokas!

    ResponderExcluir
  7. Oi Kati, eu nunca li nada dessa autora, embora tenha vontade e tenha até uns dois livros dela... agora depois da resenha vou ter que me dedicar mais aos livros da Lucinda kkk parabéns, linda resenha, beijo <33

    ResponderExcluir
  8. Quero muito ler esse livro, vi algumas pessoas falando dele e fiquei bem empolgada.

    ResponderExcluir
  9. Amo a escrita da autora e estou bem ansiosa para ler o livro. Acho que pode ficar um pouco confuso todos os personagens terem voz durante a narrativa, e talvez isso torna o entendimento da historia um pouco demorado. Mesmo assim é uma leitura que quero muito conferir.

    ResponderExcluir
  10. só de saber que a autora é irlandesa me interessei, achei a capa linda e a história parece ser bem legal. vai pra minha lista de desejos

    ResponderExcluir
  11. Oi Katielle,
    Gostei da resenha!! Não conhecia a autora, mas pela sua resenha a escrita dela deve ser ótima!!!
    Gostei da história também, bem diferente dos romances habituais...
    E a capa tá linda!! Uma paisagem linda e colorida!! Amei!!
    Um beijão

    ResponderExcluir