8 de julho de 2016

Aonde Quer Que Eu Vá - Beatriz Cortes

Livro: Aonde Quer Que Eu Vá
Autor (a): Beatriz Cortes
Número de Páginas: 318
Editora: Novo Século
Compre aqui.

Sinopse: O sonho da vida de Ester se realizou. A Confederação Brasileira de Ginástica a escolhe como representante nacional nos Jogos Olímpicos em Sydney, 2000. Ester vivencia um paradoxo entre o caos de um campeonato mundial e seu amor incondicional pelo esporte, tendo que vencer seus próprios medos e conflitos longe de sua família. O pior acontece; a ginasta, abalada, volta ao Brasil, onde um reencontro inesperado renova sua esperança. Mas será o amor a força suficiente para mover não apenas seu corpo, mas todo seu coração? 
Tocante e profundamente sensível, este romance irá te emocionar e te fará enxergar que a felicidade é possível mesmo diante das incompreensíveis surpresas do destino. 

RESENHA por Katielle Borba.

Oi, gente!

A resenha de hoje é do livro nacional Aonde Quer Que Eu Vá da autora Beatriz Cortes e publicação da Editora Novo Século.

Se o título lembrou uma música linda, você está certo. A história tem de pano de fundo essa música maravilhosa do Paralamas do Sucesso. Aonde Quer Que eu Vá embala vários momentos de Ester e Bruno.

A história inicia no ano de 2000, onde a Confederação Brasileira de Ginástica escolhe Ester para representar o Brasil nos Jogos Olímpicos de Sidney. Mal sabe ela que sua vida mudará para sempre, Ester viverá momentos de pura euforia, mas também momentos de muita tensão e tristeza. Além de toda emoção dos jogos ela também encontrará o amor de sua vida.

Que surpresa linda foi este livro. Adoro acompanhar os jogos, gosto de muitas modalidades de esporte, mas a ginástica sempre foi a minha favorita. Acompanhar Ester foi emocionante, gratificante e uma experiência cheia de aprendizado. O livro retrata o que acontece nos bastidores dos treinamentos e dos jogos em si; sei que é uma obra de ficção, mas não deixo de acreditar que tem um fundo de verdade em tudo que li.

Ester é uma boa moça e a ginástica é sua vida. Ela dá duro nos treinamentos e algumas semanas antes dos jogos sua vida é resumida a treino e cama. Quando viaja para Sidney a rotina não muda muito, mas também existe aquela pressão, aquele sentimento que precisa vencer, custe o que custar. Ester não quer ser uma decepção para seu país e isto está acabando com ela. além da saudade que sente de sua terra natal, ainda precisa lidar com todos os acontecimentos em um país desconhecido. Conhecer Bruno é um alento, mas mesmo assim o destino não colabora muito.

Aonde Quer Que Eu Vá é narrado em primeira pessoa. O livro tem capítulos alternados entre muitos personagens e isso foi bom, pois são tanto encontros e desencontros que eu ficaria desesperada se fosse narrado somente por Ester. A autora criou uma história linda e cheia de sentimentos; confesso que eu esperava que fosse um pouco clichê, mas fui surpreendida pelos acontecimentos. A Beatriz leva o leitor da euforia às lágrimas; sabe quando tudo parece bom demais para ser verdade? Era esse sentimento que eu tinha e sim, eu estava com a razão, pois até agora não consigo me conformar com o que aconteceu. Fiquei triste? Fiquei, mas esse acontecimento serviu para deixar a história mais real, senti como se eu fosse amiga dos personagens, vivendo os momentos juntamente com eles.

Sinto-me tão orgulhosa quando leio um livro deste nível. Já li os outros livros da Beatriz, mas este aqui é o meu favorito. Aonde Quer Que Eu Vá toca bem lá no fundo do nosso coração; é uma história de aprendizado e de superação. Essa música do Paralamas do Sucesso de fundo só faz com que tudo se torne mais real, mais verdadeiro aos nossos olhos.

Para quem gosta de romance e esporte é um livro perfeito. É gratificante ler algo onde o personagem se esforça, “dá o sangue”, para orgulhar sua família e seu país.

(...) As lutas são necessárias para valorizarmos a vida, para valorizarmos quem somos. E, muitas, elas vêm para que possamos entender a dor do outro e descobrir que para todo comportamento existe uma explicação, mesmo que não seja explícito, não havia nada que não fosse possível compreender e explicar. Tudo ao nosso redor nos transforma, mesmo que a gente não perceba. 

Leitura recomendada.

Postagem válida para o Top Comentarista julho.


18 comentários

  1. Oi Katielle, estou começando a desbravar o mundo da literatura nacional e esse foi um dos livros que separei para ler em breve. Espero gostar da autora.
    Beijos
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Priscila,
      Você irá começar com o pé direito!
      Os livros da Beatriz são ótimos e este aqui é o meu favorito.
      Beijos.

      Excluir
  2. Kati que fofo, acho que esse é p primeiro livro que aborda essa temática de pano de fundo. Acho que a escritora deve ter pesquisado bastante para criar um ambiente bem convincente sobre a ginástica olímpica. Achei muito fofa a capa e a música então que você bem citou me trouxe lindas recordações. Obrigada pela resenha vou procurar ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Adriana,
      Sim, o trabalho dela deve ter sido imenso, pois podemos sentir tudo o que está escrito ali.
      Espero que você leia e goste tanto quanto eu.
      Beijo.

      Excluir
  3. Oi!
    Ainda não conhecia esse livro, mas estou bem curiosa sobre essa historia, nunca li nada que tivesse como plano de fundo os Jogos Olímpicos e achei bem interessante a autora mostrar esses bastidores e principalmente vemos a garra da personagem para conseguir vencer, esse romance parece deixar o leitor bem angustiado e torcendo para o casal e estou muito curiosa para ler e descobrir o que acontece com os personagens !!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Suzana,
      Este livro é lindo e real. Leia que você irá gostar.
      Beijo.

      Excluir
  4. Oi Katielle!
    Já li, Por Uma questão de Amor e O Outro Lado da Memória dessa mesma autora e gostei bastante. Adorei o livro ter como pano de fundo os Jogos Olímpicos e ainda mais por a personagem ser ginasta. Acho linda essa modalidade e saber um pouco mais o que se passa nos bastidores é bem interessante.
    Gostei bastante da escrita da autora, acho muito fluída e ter os capítulos alternados entre vários personagens torna essa experiência muito melhor.
    Com certeza esse vai pra lista de desejados.
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vania,
      Também já li esses dois, mas este aqui é meu favorito.
      Com certeza você irá gostar desta leitura.
      Beijo.

      Excluir
  5. Não conhecia esse livro, mas fiquei super animada para ler ele. Já corri e adicionei na minha lista.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Theresa,
      Leia que você irá gostar.
      Beijo.

      Excluir
  6. Olá!
    Não conheço a autora, mas me encantei por esse livro. Como fã dos Paralamas que sou, claro que pretendo lê-lo, ainda mais sabendo que é uma obra que nos toca e ao mesmo tempo nos faz pensar.
    Amei a quote que você escolheu, e o livro já foi pra minha interminável lista.
    Bjokas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Iêda,
      A música do Paralamas só deixou o livro mais lindo ainda.
      Espero que você leia e goste.
      Beijo.

      Excluir
  7. Oi Katielle,
    Achei muito interessante esse livro, um romance num ambiente/personagens diferentes dos habituais (Empresas (CEOs), Tribunais (Advogados), Shows (Rockstar), (Motoqueiros) e etc)... confesso que fiquei curiosa!
    Não conhecia a Beatriz, mas ja gostei!
    Um abração

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi helloyse,
      É bem diferente mesmo, sabe quando a gente sente que a história é real? Foi assim que me senti. O livro é lindo e acho que você irá gostar.
      Beijo.

      Excluir
  8. Vejo que aqui temos um romance bem diferente do estamos acostumadas a ver nos livro mas pelo que vi em sua resenha foi um grande ponto positivo essa mudança de contexto no livro. Eu adorei que o livro é em primeira pessoas com vários pontos de vista porque eu sempre gosto de me sentir mais perto dos personagens ^^ Acho que vou dar uma olhada no preço do livro pra ver se poderei compra-lo mas qualquer coisa ele já foi pra lista.

    ResponderExcluir
  9. Nunca li um livro sobre os bastidores de um esporte e achei interessante poder acompanhar Beatriz nas Olimpíadas. Adoro a musica dos Paralamas, a letra é linda. Adorei a capa do livro.

    ResponderExcluir
  10. Não conhecia o livro nem a autora. Que bom saber que vai além de um simples romance e passa uma mensagem bacana. certamente vai pra minha lista

    ResponderExcluir
  11. Confesso que quando li o titulo a música de Paralamas do sucesso veio imediatamente em minha mente, acho linda essa música e se é ela que embala a historia de Ester e Bruno emtão não tenho dúvidas que Aonde quer que eu vá seja uma delícia de se ler... Ainda não li nenhum livro da Beatriz mas vou colocar esse aqui na minha lista de leitura, espero lê-lo num futuro breve.

    Ps: Também amo acompanhar os jogos, e assim como acontece com você a ginástica é meu esporte favorito também.

    Bjos, e valeu pela dica!

    ResponderExcluir