27 de setembro de 2016

À Sua Espera - Abbi Glines

Livro: À Sua Espera (When I'm Gone)
Rosemary Beach #11
Autor (a): Abbi Glines
Número de Páginas: 240
Editora: Arqueiro.
Compre aqui.

Sinopse: Mase sempre preferiu a vida simples em seu rancho no Texas à agitação do mundo do pai em Rosemary Beach. Na verdade, ele quase nunca visita o famoso astro do rock e Nan, sua meia-irmã mimada e egoísta. Mas tudo muda quando conhece uma das empregadas da casa, uma garota linda que, sem saber da presença dele, o desperta com seu canto desafinado.
Depois de anos sendo maltratada pela família e pelos colegas por causa de um distúrbio de aprendizagem, Reese conquistou sua liberdade e mora sozinha trabalhando como diarista para as famílias ricas da cidade. No entanto, seu sustento fica ameaçado quando ela causa um acidente na casa de Nan Dillon.
Ao ser salva por Mase, um rapaz atencioso e com charme de caubói, Reese fica surpresa pelo gesto dele e, depois, apavorada quando ele demonstra interesse nela. Nunca na vida Reese conheceu um homem em quem pudesse confiar. Será que Mase pode ser diferente?
Nessa ardente paixão que nasce entre a doce e batalhadora Reese e o centrado e sexy Mase, Abbi Glines mais uma vez mescla tristezas da vida real com amores de contos de fada e nos faz suspirar até a última página.

RESENHA por Katielle Borba.

Oi, pessoal!

A resenha de hoje é de mais um livro da Série Rosemary Beach. À Sua Espera é da autora Abbi Glines e publicação da Editora Arqueiro.

Que me desculpem Rush, Woods, Grant e Tripp, Mase é melhor, muito melhor que todos vocês juntos. Já sei que alguns não irão concordar com a minha afirmação, mas para mim Mase ganha disparado de todos os outros caras da série. <3


Reese teve uma infância/adolescência abusiva, ela foi expulsa de casa pela mãe e não conseguiu concluir a escola por dificuldades de aprendizado. Agora ela trabalha para os ricos de Rosemary Beach; Reese não tem vergonha de ser faxineira, afinal é um trabalho digno e paga as contas. Certo dia ela está trabalhando na casa da pessoa mais odiada de todo mundo, Nan, e lá conhece o maravilhoso Mase. Reese nunca encontrou Nan, então quando ela dá de cara com um homem muito gostoso enrolado em um lençol, acha que ele é algum caso da patroa. Mase por sua vez fica encantado com a garota que canta desafinado e logo que a conhece sente uma necessidade de protegê-la de tudo e de todos.

Quem acompanha o blog sabe que tenho um fraco por cowboys, então, eu já sabia que iria amar À Sua Espera. O livro é narrado em primeira pessoa e foi tanta emoção, que em algumas partes foi impossível não ficar com os olhos marejados. Não sei o que vocês irão achar da leitura, mas para mim, este foi o livro mais emocionante e dramático de todos.

Reese passou por muitas coisas na vida, mas nenhuma delas a impediu de ser digna. Ela tem muitos fantasmas guardados no armário e isso a impede de fazer muitas coisas, principalmente amizades. Reese não confia nos homens, ela acha que todos eles são como o homem de seu passado. Ela é frágil, inocente e parece que a qualquer momento irá quebrar. Quando ela conhece Mase e conforme começam a passar um tempo juntos, como amigos, ela percebe que os homens não são todos iguais; os dias passam e ela vai pegando confiança, até que se vê apaixonada por esse irresistível cowboy.


Ah Mase, o que fazer com você? O que fazer com essa masculinidade e com esse sentimento de proteção que tem por Reese? Gente, ele é incrível! Querido, atencioso, amoroso e é a pessoa que mostrará para Reese que ela pode ser mais, que pode ter o mundo a seus pés, que pode confiar nas pessoas e que pode amá-lo e ele irá esperar o tempo que for para tê-la em seus braços.

Amei cada página deste livro, amei cada emoção que ele me passou. Alguns irão achar que Mase é machista e possessivo, eu só acho que ele quer ajudar e proteger. Ele poderia ser um nojento, cheio de si, pois tem um pai famoso e rico, mas Mase não é assim, ele só tem amor no coração, só tem boas intenções com tudo e todos (menos com a Nan, é claro).

Enfim, leitura mais que recomendada. O livro é tão curtinho que a gente fica se sentindo órfã quando acaba. E se alguém está se perguntando se o final é desesperador, não é. Sentimos uma palpitação no coração, mas dá para esperar tranquilamente até o próximo volume. E sobre a Nan, ela só merece uma palavra minha nesta resenha, vadia.

Leiam e apaixonem-se.

— E ele cometerá um erro. Ele fará algumas coisas que vai magoar você, e eu vou matá-lo. Não sou um cara violento, mas, se ele magoasse você, eu perderia a cabeça. Perderia mesmo. Assim, no meu entender, você precisa cancelar o encontro com ele e fazer novos planos. Comigo.
Sem me perguntar sobre o meu passado, ele me mostrou que tinha percebido alguma coisa. Algo que me assombrava. E estava sendo cuidadoso para não me assustar. Aquela partezinha do meu coração sobre a qual eu ainda pensava ter domínio escapou. Mase Manning agora o possuía completamente.
Ele é exatamente... exatamente o que toda garota sonha. Ele faz com que tudo que parece errado fique certo.

Leitura recomendada.

Série Rosemary Beach:
7. A Primeira Chance; (Grant)
8. Mais Uma Chance; (Grant)
9. Para Sempre Minha; (Bethy)
10. Kiro’s Emily;
11. À Sua Espera; (Mase)
12. When You’re Back. (Mase)

Outras capas:

   


7 comentários

  1. Kati, que resenha linda. Também amei o Mase... que bom que teremos mais um livro com ele. Beijo

    ResponderExcluir
  2. O Mocinho é um Cowboy protetor, atencioso, amoroso... quero mais o que? haha Amei a resenha Kati e já quero conhecer a história do Mase e da Reese, quando lançar o próximo livro acho que vou dar uma pulada nos outros livros da série (só li os de Woods até agora :/)e ler os dois. Dos livros dessa série essa história foi a que mais me despertou interesse até o momento e espero não me atrapalhar por não ler na sequência ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lili,
      O Mase é puro amor, querido!
      Os livros do Grant também são ótimos. Se tu ler esses verá que já tem outros casais formados, mas acredito que nenhuma das informações irá prejudicar a tua leitura.
      Beijo.

      Excluir
  3. Que tudoooo preciso completar minha coleção já, tô louca pra ler o livro do Mase, desde o momento que vi a relação dele com Willow sabia que seria um livro bom, e alem de tudo um cawboy, meu Deus, amooooo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sabrina,
      O Mase é o melhor, é tudo de mais maravilhoso no mundo. Quero ir ao Texas para ver se acho um exemplar igual ele... hahahahaha
      Beijo.

      Excluir
  4. Kati de Deus,
    Mase melhor que todos juntos? Fiquei um pouco nervosa agora, preciso ler logo isso rsrs. E essa Nan maldita? Pelo visto continua fazendo merda né, q ódio mermão.. Nem li ainda e já quero dar na cara dela hahahaha

    ResponderExcluir