23 de maio de 2017

Correndo Para Você - Rachel Gibson

Livro: Correndo Para Você (Run to You)
Military Men #2
Autor (a): Rachel Gibson 
Número de Páginas: 248
Editora: Jardim dos Livros
Compre aqui e aqui.

Sinopse: Stella Leon é uma bela mulher. Aos vinte e oito anos ela já viveu muitas aventuras em Miami, onde vive e trabalha como garçonete. Brigas, sensualidade e rock'n roll fazem parte de sua rotina. Mas o que está prestes a acontecer colocará sua vida de pernas pro ar!
Um homem misterioso (e lindo) está à sua procura. Ele traz notícias de um passado que Stella não quer lembrar, e para onde não pretende voltar de jeito nenhum. 
Por que ela deveria deixar tudo pra trás e ir com ele para o interior do Texas? Por algum motivo, Stella confia nele. Por alguma razão ela se sente totalmente quente perto dele...

RESENHA por Luciana Corrêa da Silva.

Olá, como vão?

A resenha que trago hoje é do livro mais recente da Rachel Gibson no Brasil. Chamado Correndo para Você, é publicado pela Jardim dos Livros e é o segundo livro de uma série chamada Military Men.

O livro é eletrizante e nos deixa com um gosto de quero mais. Começa contando a história de Beau e Blake, irmãos gêmeos e amigos de Vince (do livro Salve-me, que você pode ver a resenha aqui). Vince procurou por Beau porque precisa da ajuda dele para que ele encontre Stella, a irmã que sua noiva nem sabia que tinha até pouco tempo. Agora que Sadie sabe que tem uma irmã, quer conhecê-la a qualquer custo.

Beau é um ex-fuzileiro naval que agora tem uma empresa que presta serviços de segurança em eventos e também de investigação. Ele é muito bom no que faz e rapidamente encontra Stella, uma jovem que trabalha em várias coisas para se manter, mas a principal delas é como garçonete em um bar muito doido. Stella é uma bela mulher com uma vida bem agitada, tem vinte e oito anos e seu mundo e sua rotina serão virados de cabeça para baixo de uma hora para outra, sem que ela nem mesmo tenha a chance de opinar.

Assim que termina uma noite de trabalho, Stella depara-se com o inconveniente chefe, bêbado, querendo dela algo que ela não quer dar. Ao tentar escapar das garras do tarado, ela encontra-se com Beau, um homem lindo que a procura e que ela já tinha visto de relance dentro da festa de drag queens que rolava nessa noite. Já é madrugada, ela só quer ir pra casa e dormir, mas o homem enorme e misterioso diz que a procura e que precisa lhe contar algo sobre sua vida. Beau traz notícias de um passado que Stella deixou para trás e não quer lembrar de jeito nenhum.

Stella é uma jovem cheia de um passado que não quer reviver, de sentimentos que ainda causam crises de pânico incontroláveis. Acontece que tudo o que não precisava acontecer acontece e ela precisará de toda a proteção que o ex fuzileiro pode lhe dar. Ela está seriamente encrencada e terá de aceitar as condições que ele lhe oferece para que possa tomar de volta o rumo de sua vida. No pacote está incluído ir ao Texas e ver sua irmã maravilhosa, que ela só conhece pelas fotos de revistas e das colunas sociais. Stella terá que vencer o medo e acompanhar esse homem que mais parece uma pedra de gelo, até que seu destino de cumpra.

Por algum motivo Stella sente com Beau uma segurança que jamais teve. Com ele, ela sente uma atração, um certo calor, um envolvimento que nunca sentiu. Eles viajam juntos e implicam um com o outro o tempo todo, eles se perturbam e se envolvem de forma rápida e inevitável. São opostos atraídos pelo novo e diferente em cada um.

Eles trocaram um olhar e riram como se tivessem dezesseis anos de novo. Como se fosse uma piada particular que ninguém mais pudesse entender. Como se fossem melhores amigos. E foi bom.

O livro é muito curto para o meu gosto. Eu queria que tivesse mais umas cem páginas para que eu ficasse mais satisfeita com tudo o que eu vivi lendo a história desses dois. Classifiquei o livro com quatro estrelas, pois me contentaria em saber mais do que aconteceu com eles, embora saiba também que a autora contará mais no próximo livro.

Os questionamentos de Stella a respeito de sua vida são muito reais e até tristes. Foi criada pela mãe, sem a presença do pai, que ela achava que estava a dar tudo o que tinha para a irmã, mas ela vai ver que a verdade está bem distante disso. A relação que ela criará com Beau abrirá sentimentos que ele guarda para alguém especial e juntos eles viverão muitas coisas e os sentimentos aflorarão.

A história é linda e, como já disse, deixa um gosto de quero mais. Na minha opinião, Rachel Gibson nunca é demais!

Leia e encante-se com essa linda história de amor, autoconhecimento e superação. Com valorosas pitadas de cenas quentes, embaladas pela mais pura descoberta do prazer em amar e viver.

Até a próxima ;)

Military Men:
01. Blue By You;
02. Correndo Para Você;
03. What I Love About You.

Outras capas:

   



22 de maio de 2017

[LANÇAMENTO] O Jogador de Vi Keeland


O Jogador - Vi Keeland.

Na primeira vez que encontrei Brody Easton ele estava no vestiário masculino. Foi a minha primeira entrevista como jornalista esportiva profissional. O famoso quarterback decidiu me mostrar tudo. E, por tudo, não quero dizer que ele me disse algum de seus segredos. Não. O idiota arrogante decidiu deixar cair a toalha quando fiz a primeira pergunta. Na frente da câmera. E o famoso ganhador do Super Bowl rapidamente adotou um novo hobby: me provocar.
Quando o afastei, ele desistiu de só me provocar e resolveu que queria transar comigo. Mas eu não saio com jogadores. E não é porque sou uma das poucas mulheres que trabalham no mundo do futebol profissional. Eu posso namorar um jogador. É outro tipo de jogador que eu não namoro. Você conhece o tipo: boa aparência, forte, arrogante, sempre querendo ficar com alguém.
Brody Easton era um verdadeiro jogador. Toda mulher queria ser a que iria mudá-lo. Mas a verdade era que tudo que ele precisava era de uma garota por quem valesse a pena mudar. De repente, eu era essa garota. Simples, certo?
Vamos encarar, nunca é. Há uma história entre o era uma vez e o viveram felizes para sempre...
E esta é a nossa.

[LANÇAMENTO] Deixados Para Trás de Vi Keeland e Dylan Scott


Deixados Para Trás - Vi Keeland e Dylan Scott.

Duas histórias tão profundamente interligadas que você achará que sabe como as duas se conectam... mas estará errado.

Zack Martin.
No dia em que conheci Emily Bennett, meu mundo mudou completamente.
Sim, éramos apenas crianças, mas eu tinha idade suficiente para saber que minha vida nunca mais seria a mesma.
Ela era minha melhor amiga. Minha sina. Meu destino...
Eu só não imaginava quantas peças o destino era capaz de pregar.

Nikki Fallon.
Depois da morte da minha mãe, ao sair do estacionamento de trailers sombrio e entediante para a ensolarada Califórnia, eu estava focada em apenas uma coisa: encontrar uma irmã cuja existência eu acabara de descobrir.
Apaixonar-me por ele não fazia parte do plano, mas ele preenchia um vazio que eu nunca imaginei que poderia ser preenchido.
Ele só podia ser minha sina. Meu destino.
Até o dia em que finalmente descobri quem era minha irmã... e quantas peças o destino era capaz de pregar.

[LANÇAMENTO] Coração em Chamas de Aline Sant'Ana


Coração em Chamas - Aline Sant'Ana.

Já se perguntou quem é a mente luxuriosa por trás do exótico cruzeiro Heart On Fire?
Jude Wolf é capitão da marinha e tem uma vida regrada, mas sua personalidade destoa muito disso. Ousado, criativo, rico… ele possui um sonho. Jude quer ser empresário, mas de nada simples, ele quer que o mundo caia aos seus pés. Só falta aquela ideia que fará seu coração acelerar com força.
O problema é que a faísca que tanto precisa não está em seu cérebro, mas sim em um par de pernas maravilhosas com nome e sobrenome: Courtney Hill.
Uma festa. Um encontro. Uma ideia ousada.
Tudo o que eles têm.
Felizmente, forte o suficiente para mudar suas vidas.
Descubra como o cruzeiro erótico surgiu e o romance por trás dos bastidores.
Você está preparado?
Seja bem-vindo ao Heart On Fire.
O cruzeiro que deixará o seu coração em chamas.

Dois a Dois - Nicholas Sparks

Livro: Dois a Dois (Two By Two)
Autor (a): Nicholas Sparks
Número de Páginas: 512
Editora Arqueiro
Compre aqui e aqui.

Sinopse: Com uma carreira bem-sucedida, uma linda esposa e uma adorável filha de 6 anos, Russell Green tem uma vida de dar inveja. Ele está tão certo de que essa paz reinará para sempre que não percebe quando a situação começa a sair dos trilhos.
Em questão de meses, Russ perde o emprego e a confiança da esposa, que se afasta dele e se vê obrigada a voltar a trabalhar. Precisando lutar para se adaptar a uma nova realidade, ele se desdobra para cuidar da filhinha, London, e começa a reinventar a vida profissional e afetiva – e a se abrir para antigas e novas emoções.
Lançando-se nesse universo desconhecido, Russ embarca com London numa jornada ao mesmo tempo assustadora e gratificante, que testará suas habilidades e seu equilíbrio emocional além do que ele poderia ter imaginado.
Em Dois a dois, Nicholas Sparks conta a história de um homem que precisa se redescobrir e buscar qualidades que nem desconfiava possuir para lutar pelo que é mais importante na vida: aqueles que amamos.

RESENHA por Katielle Borba.

Oi, gente! 

A resenha de hoje é do livro Dois a Dois do meu amor Nicholas Sparks e publicação da Editora Arqueiro.

Dois a Dois foi uma das minhas primeiras leituras de maio, já é quase final do mês e ainda não consegui desenvolver nada sobre ele. Parece que colocaram um véu nos meus pensamentos, porque não consigo pensar em nada, só penso o quanto este livro é lindo, maravilhoso e que todos deveriam ler. Juro que nesta singela resenha tentarei demonstrar todo meu amor por ele.

A vida de Russell Green é de dar inveja em qualquer um; tem uma linda esposa, uma filha encantadora e uma carreira promissora. A vida é boa, cômoda e ele não poderia estar mais feliz com isso, até que tudo começa a desandar. De uma semana para outra tudo que parecia o paraíso torna-se um verdadeiro inferno e o que antes era felicidade torna-se em desespero e amargura. Russ perde o emprego e a esposa precisa retornar ao mercado de trabalho, algo que ela não queria. Apesar de todas as dificuldades que se mostram à frente ele tenta reinventar-se na sua área de trabalho com novos planos e ideias. E o mais importante de tudo, é neste momento que ele percebe o tesouro que tem em casa, sua filha London.

Para mim ler Nicholas Sparks é sempre como levar uma rasteira; depois de fechar o livro fico dias pensando na história e tentando entender como ele consegue mexer tanto com as minhas emoções. Com Dois a Dois não foi diferente e este está entre os meus favoritos do autor. Ele retrata de forma real a vida de uma família que não é real, mas se fosse eu não ficaria surpresa. Tudo que está escrito neste livro, tenho certeza que já aconteceu com alguém em algum lugar do mundo e isso só faz com que essa história se torne mais especial ainda.

O livro já começa especial pela narrativa que é toda feita pelo Russ. Hoje em dia ainda é difícil encontrar um livro narrado inteiro pelo personagem masculino. Gostei de ter a visão de um homem que vai do céu ao inferno em pouco tempo; um homem desesperado para tentar salvar seu casamento. A história alterna entre alguns flashs do passado e o momento presente na vida de Russ, isso é importante para tomarmos conhecimento de tudo e fazer o nosso próprio julgamento a respeito da história.

Dois a Dois é intenso desde a primeira página, a cada capítulo levamos um tiro e quando parece que tudo ficará bem, desmorona. Certamente a personagem que rouba a cena no livro inteiro é a London, que criança linda, incrível e com um senso da realidade inacreditável. Ela tem apenas seis anos, mas percebe tudo o que acontece a sua volta, percebe que a vida mudou e que o pai se faz mais presente. London também nota que as coisas não são mais como eram antes e, como todas as crianças, faz um pouco de birra, mas nem isso tira o encanto dela. E quando ela e o pai começam a se conhecer verdadeiramente é impossível não ficar emocionado. Por mais estranho que possa parecer,  eles tornam-se melhores amigos e isso é tudo que os dois precisam para viverem felizes.

Ainda temos a esposa do Russ, gente, odiei ela, acho que nunca odiei tanto um personagem como odeio essa mulher. Não vou falar aqui os motivos que me levaram a este sentimento, mas só digo que mesmo lendo todas as justificativas dela ainda a detesto.

Dois a Dois é de um história linda e tocante, a jornada de um homem em busca de conhecimento. Russ descobrirá que ele é mais forte do que imagina, todas as suas emoções serão testadas e quando ele achar que não pode mais aguentar, olhará para o lado e perceberá que pode sim, tudo pela filha e pela família.

Se você ainda não leu nenhum livro do Nicholas Sparks pode começar por este aqui, é impossível não amá-lo com todas as forças. Se você acha que irá chorar com a história, vai mesmo, porque ele mexe demais com as nossas emoções e mesmo assim você ficará feliz de ter lido.

Casamento exige compromisso e negociação, comunicação e cooperação, principalmente porque a vida costuma lançar umas bolas traiçoeiras, muitas vezes quando menos esperamos. No mundo ideal, a bola traiçoeira passa pelo casal sem causar muitos danos; em outros momentos, encarar esses lançamentos a dois torna o casal mais comprometido um com o outro.
Às vezes, no entanto, as bolas traiçoeiras acabam nos acertando bem no meio do peito, perto do coração, e deixam feridas que nunca parecem sarar.

Leitura recomendada.

Outras capas:

  




21 de maio de 2017

[LANÇAMENTO] Apenas Uma Garota de Meredith Russo


SKOOB | AMAZON | SARAIVA | INTRÍNSECA
Apenas Uma Garota - Meredith Russo.

Prestes a entrar na vida adulta, Amanda Hardy acabou de mudar de cidade, mas a verdadeira mudança de sua vida vai ser encarar algo muito mais importante: a afirmação de sua identidade. Tudo que ela mais quer é viver como qualquer outra garota. E, embora acredite firmemente que toda mudança traz a promessa de um recomeço, ainda não se sente livre para criar laços afetivos. Até que ela conhece Grant, um garoto diferente de todos os outros. Ela não consegue evitar: aos poucos, vai permitindo que Grant entre em sua vida. Quanto mais eles convivem, mais ela se sente impelida a se abrir e revelar seu passado, mas ao mesmo tempo tem muito medo do que pode acontecer se ele souber toda a verdade. Porque o segredo que Amanda esconde é que ela era um menino. Em seu romance de estreia, Meredith Russo retrata o processo de transição de uma adolescente transexual, parcialmente inspirada em suas próprias experiências. Enquanto traz à tona questões difíceis como dilemas existenciais, preconceito e bullying, o livro também fala de forma esperançosa e leve sobre amizade, descobertas e autoaceitação.

[NOVIDADE] Globo Alt anuncia novos livros de Leisa Rayven

A Editora lançará BAD ROMEO CHRISTIMAS na Bienal do Rio.

"Autora de três livros - Meu Romeu, Minha Julieta e Coração perverso - que venderam juntos 150 mil exemplares, a autora Leisa Rayven virá ao Brasil para participar da Bienal do Livro do Rio. A convite da Globo Alt, selo jovem da Globo Livros, a australiana vem visitar o país para lançar o livro inédito Bad Romeo Christmas, que traz mais histórias sobre os protagonistas de seus romances. Leisa Rayven, que também realizará um encontro com o público em São Paulo, começou a escrever durante o curso de teatro. O romance tomou o lugar dos roteiros quando começou a escrever fan fiction e a conquistar milhares de leitores. Meu Romeu, que abre a série, foi publicado em livro depois de ter atraído mais de 2 milhões de seguidores na internet." Publishnews.

A Editora também confirmou o lançamento da nova série da autora. O primeiro livro, MISTER ROMANCE, já foi publicado lá fora.


[LANÇAMENTO] Levana de Marissa Meyer


SKOOB | AMAZON | SARAIVA | ROCCO
Levana - Marissa Meyer.

Espelho, espelho meu, existe alguém mais bela do que eu?
Contos de fadas revisitados
A história de Levana, a fascinante vilã de Crônicas Lunares, finalmente é revelada neste livro que complementa a saga de Cinder, Scarlet, Cress e Winter. Quando ainda era princesa, Levana estava sempre em segundo plano. Era a filha mais nova, desfigurada por queimaduras, ofuscada pelo brilho e charme da verdadeira herdeira do trono, sua cruel irmã Channary. Ela cresce se camuflando; usa seu glamour para se proteger das provocações e para iludir as pessoas com uma imagem de beleza fictícia. Quer ter suas ideias levadas a sério. Quer ter a oportunidade de governar o povo de Luna. Quer ser bela.
A passagem do tempo aumenta a rigidez de seu coração, e Levana passa a usar seu glamour para conquistar o que deseja. Quando a esposa do guarda real Evret Hayle, por quem ela sempre foi apaixonada, morre durante o parto de Winter, Levana manipula os desejos e a percepção do viúvo. Após conquistar o amor à força, seu próximo passo é tomar o trono. Para isso, Levana só precisa se livrar da herdeira de sua irmã, a jovem e bela princesa Selene.
Uma trágica história de traição e ambição com personagens que já são familiares para os leitores, mas vista por uma perspectiva inédita!

[LANÇAMENTO] Notas Suicidas de Belas Garotas de Lynn Weingarten


SKOOB | AMAZON | SARAIVA | PLATAFORMA21
Notas Suicidas de Belas Garotas - Lynn Weingarten.

June sempre foi solitária. Até conhecer Delia Cole no sexto ano do colégio. Elas se tornaram inseparáveis, compartilhando a perda da inocência e o florescer da malícia na adolescência. 
Para June, não havia ninguém como sua melhor amiga. Delia era a garota mais bela do mundo quando sorria, e incendiava aqueles que a rodeavam. Embora, às vezes, se tornasse fria e sombria. As duas acreditavam que nada poderia separá-las... até aquela estranha noite que as afastou por um ano – e depois para sempre. 
Quando o vice-diretor da escola North Orchard anuncia que Delia está morta, uma onda de angústia toma conta de June. Dois dias antes, a amiga havia ligado para ela, mas June ignorou as chamadas. 
Todos dizem que Delia ateara fogo no próprio corpo. Sua melhor amiga havia se matado. June não consegue aceitar. Delia não seria capaz disso. Ou seria? Então, quando bilhetes póstumos da amiga começam a chegar, June se convence de que ela fora assassinada. Alguém estava mentindo nessa história, e a lista de suspeitos é perturbadora. 
O que June fará quando toda a verdade vier à tona?

[LANÇAMENTO] Selvagem de Kristen Ashley


SKOOB | AMAZON | SARAIVA | ROCCO
Selvagem - Kristen Ashley.

Romance, aventura e uma boa dose de erotismo são os ingredientes que dão liga a O selvagem, segundo da série O Homem dos Meus Sonhos. 
Depois de O estranho, a norte-americana Kristen Ashley conta agora a história de Brock Lucas, um típico brutamontes que não mede esforços para conseguir o que quer, e Tessa O’Hara, uma mulher doce que esconde um grande segredo. Quando ele a convida para uma cerveja, Tess não imagina que Brock é um agente que se aproximou dela para investigar os crimes de seu ex-marido. Ao descobrir a verdade, ela tenta se convencer de que Brock não é o homem dos seus sonhos e tem certeza de que precisa pôr fim a este relacionamento. Mas ele não está disposto a deixá-la ir. Pelo contrário, Tess tornou-se um vício incontrolável para Brock. E o agente selvagem está mais disposto do que nunca a finalizar seu trabalho. E a conquistá-la de vez.

19 de maio de 2017

Perto do Paraíso - Judith McNaught

Livro: Perto do Paraíso (Almost Heaven)
Série Sequels #3
Autor (a): Judith McNaught
Número de Páginas: 608
Editora ASA - Portugal
Compre aqui.

Sinopse: Lady Elizabeth Cameron, condessa de Havenhurst, tem apenas 17 anos quando conhece Ian Thornton, um enigmático homem de linhagem misteriosa e reputação sombria. Numa época em que a alta sociedade adora escândalos e valoriza títulos e dinheiro acima de tudo, Elizabeth e Ian cometem o erro de se apaixonarem.
Ian não sabe que a jovem pertence à nobreza e pede-a singelamente em casamento. Um momento de intimidade que é testemunhado por Robert, irmão de Elizabeth. Desdenhoso, Robert revela que a irmã já está prometida a outro homem, um aristocrata, como manda a tradição. Ian fica destroçado perante a ideia de ter sido um mero objeto para a sua amada. Também Elizabeth se sente traída, ao pensar que ele não passa, afinal, de um caçador de fortunas. Mas a sua reputação já está irremediavelmente manchada.
Dois anos passam e os amantes voltam a encontrar-se. E mesmo após tanto tempo e tanta mágoa, os seus sentimentos revelam ser tão fortes como antes. Esta que promete ser uma segunda oportunidade para ambos será também o começo de uma dança de paixão e intriga, um caminho tortuoso desde os salões elegantes de Londres à beleza agreste das Terras Altas da Escócia… Um turbulento romance entre duas pessoas destinadas a ficar juntas, numa época em que o casamento nada tem a ver com amor.

RESENHA por Luciana Corrêa da Silva.

Oi, como vão?

Hoje trago a resenha de um dos melhores livros que já li. Perto do Paraíso é escrito pela diva Judith McNaught e já nas primeiras páginas arrebatou meu coração. O livro é uma publicação portuguesa que eu li emprestado de uma biblioteca pública daqui de Braga, mas acabei por comprar assim que apareceu uma promoção. Esse livro é o terceiro da série Sequels, mas eu nem vou falar muito disso, pois percebi que podem ser lidos fora de ordem.

Esse livro é daqueles preciosos, que ao terminar a leitura, a gente quer mais e mais. Conta a história de um casal maravilhoso, Lady Elizabeth e Ian Thornton que, quando ainda jovens, são assolados pelo amor à primeira vista. Numa linda noite, onde a jovem Elizabeth é cortejada pelos mais belos e poderosos homens da sociedade e, enquanto ela brilha com beleza e encanto, seu irmão negocia seu casamento.

Elizabeth tem consciência de que é uma oportunidade em uma sociedade que só valoriza os bens materiais e que, por sua beleza e refinamento, vale bastante aos olhos do ganancioso irmão. O problema reside onde ela menos espera, no coração. Ao encontrar o enigmático Ian Thornton, um homem lindo mas sem título nem dinheiro (ela assim pensa), Elizabeth apaixona-se e, durante a beleza inebriante da noite que vive, deixa-se levar pelo mistério da descoberta do amor.

Ian, um homem consciente de tudo à sua volta, inclusive da beldade que chega até ele, vê a oportunidade de viver o grande amor que tanto espera. No singelo encontro noturno, rodeado pelas mais belas flores da estufa, Ian pede (com humildade, pois sabe o seu lugar…) Elizabeth em casamento. Mas o casal foi traído e todos assistem à cena, manchando para sempre a reputação da moça e arruinando terminantemente os “negócios” do irmão.

Ian sente na alma a humilhação que só afeta aqueles que não têm berço de ouro. Desencadeia-se uma incrível série de acontecimentos. Um duelo é tratado, onde ambos saem feridos e, nessa raiva descontrolada do irmão que precisa “vender” a irmã com certa urgência, coisas acontecem e ficarão inacabadas por muito tempo, inclusive o sumiço dele próprio.

O tempo passa e depois de perder a chance de casar com o aristocrata ao qual era prometida, Elizabeth vira uma excluída da sociedade e, como é mal vista pelos olhos de todos, isola-se em uma propriedade interiorana que mal consegue manter. Já Ian pensa que foi usado como um brinquedo pela Lady rica e poderosa e nunca mais a vê. Quanto mais o tempo passa, mais rico e poderoso ele fica.

Dois anos depois, um tio de Elizabeth, que a ajuda a manter a casa e os criados, decide que já é hora de que ela se case e ponha fim no peso que ele carrega. Assim, ele arma uma grande confusão entrando em contato com todos os homens que demonstraram intenção de casar com a moça nobre e linda. A confusão piora ainda mais quando Ian e Elizabeth se reencontram nas terras inóspitas da Escócia e o ódio e o amor se reacendem sem demora.

Ambos têm agora uma segunda chance, mas será que a mágoa e o ódio deixarão que o amor aconteça? O enredo nos traz um amor turbulento, cheio de caminhos tortuosos que mesclam os ricos salões londrinos e as belas terras altas escocesas. Tudo é lindo e ao mesmo tempo desolador, numa época em que as pessoas não ficam juntas por amor, onde o poder confunde e arrasta até o mais puro dos sentimentos.

O livro possui personagens secundários maravilhosos e preciosos, onde um casal importante é o foco de outro livro da série, o primeiro, chamado Algo Maravilhoso.

Quem conhece os livros da Judith sabe que sua narrativa é maravilhosa e marcante, cheia de caminhos que não deixam lacunas. Eu adoro, acho fundamental essa união com o leitor que lê um livro que marca sua vida. A exposição da história, dos fatos e dos personagens tornam o livro inesquecível, pois somos mergulhados em algo amplo e que deixa marcas na nossa vida.

A mão dele subiu ao rosto de Elizabeth, acariciando-o… Suavemente explicou:

'Sou o homem com quem se casará.'
'Oh, meu Deus!'
'Acho que é tarde de mais para começar a rezar', provocou ele.
'Deve estar louco', declarou ela, com voz vacilante.
'É exatamente isso que eu penso', sussurrou ele inclinando-se para lhe depositar um beijo na testa, puxando-a para si, abraçando-a como se soubesse que ela ia resistir se tentasse algo mais do que aquilo.
'Não estava nos meus planos, Miss Cameron.'

'Quero-a a si'. Segurou-lhe o queixo e ergueu-o, obrigando-a a fitar os seus olhos decididos, e acrescentou suavemente:
'Eu sei que me quer.'

Beijinho e até a próxima ;)

Série Sequels:
02. Algo Maravilhoso;
03. Perto do Paraíso.

Outras capas: 

   





18 de maio de 2017

[LANÇAMENTO] A Linguagem do Amor de Lola Salgado


A Linguagem do Amor - Lola Salgado.

Aos 17 anos, a única coisa que realmente importa para Rebecca é se formar com louvor na faculdade de Letras para, no futuro, realizar o sonho de trabalhar em uma grande editora, perto de todos os livros de fantasia incríveis com as quais cresceu. Morando em uma nova cidade e longe da proteção dos avós, por quem foi criada, ela lutará para não seguir os passos errantes da mãe.
Estaria tudo nos conformes se não fosse o murmurinho percorrendo os corredores da universidade: Adônis, o novo professor de Produção Textual, é um verdadeiro carrasco. Rude, solitário e mal humorado, ele tenta, na verdade, fugir dos fantasmas passados.
A Linguagem do Amor é um romance intenso e divertido, mas, acima de tudo, uma história sobre dar uma nova chance para a vida quando tudo parece ter saído dos eixos.

[LANÇAMENTO] Um Doce Confeiteiro de Janaina Rico


SKOOB | AMAZON 
Um Doce Confeiteiro - Janaina Rico.

Uma jornalista obstinada, em busca de novos horizontes na carreira. Um confeiteiro premiado, que prefere a reclusão de sua cozinha. Renata acreditava que aquele seria seu último dia de trabalho na redação atual e então ela poderia seguir para o emprego dos sonhos, em Londres. Bastava entrevistar o confeiteiro Braga, recém ganhador da premiação "Melhor Cupcake das Américas". Um profissional que zelava pela discrição e que nunca havia exibido seu semblante na mídia. A caminho do Braga’s Cake Design uma batida de carro a faz conhecer um bonitão, que a atrai imediatamente, mesmo que ele tenha machucado o seu possante. Ao chegar no local da entrevista, ela descobre que o confeiteiro e o moço bonito são a mesma pessoa e, em meio a tantas guloseimas, a atração entre eles se torna ainda mais irresistível. Só que a jornalista está de partida para a Inglaterra e agora precisa tomar uma decisão. O que vale mais? O emprego de ouro ou uma paixão avassalora? Com muito açúcar, chocolate e merengue, este romance é uma receita de sensações intensas e avassaladoras, ingredientes que irão lhe deixar com água na boca e com vontade de experimentar o gosto de se apaixonar por um confeiteiro.

[LANÇAMENTO] Minha Vida (Não Tão) Perfeita de Sophie Kinsella


SKOOB | AMAZON | SARAIVA | RECORD
Minha Vida (Não Tão) Perfeita -  Sophie Kinsella.

Dramas, confusões e uma boa dose de amor são os ingredientes do novo romance de Sophie Kinsella, uma divertida crítica aos julgamentos errados que uma boa foto no Instagram pode gerar
Cat Brenner tem uma vida perfeita: mora num flat em Londres, tem um emprego glamoroso e um perfil supercool no Instagram. Ah, ok... Não é bem assim... Seu flat tem um quarto minúsculo – sem espaço nem para guarda-roupa –, seu trabalho numa agência de publicidade é burocrático e chato, e a vida que compartilha no Instagram não reflete exatamente a realidade. E seu nome verdadeiro nem é Cat, é Katie. Mas um dia seus sonhos se tornarão realidade. Bom, é nisso que ela acredita até que, de repente, sua vida (não tão) perfeita desmorona. Demeter, sua chefe bem-sucedida, a demite. Tudo o que Katie sempre sonhou vai por água abaixo, e ela resolve dar um tempo na casa da família, em Somerset. Em sua cidadezinha natal, ela decide ajudar o pai e a madrasta com a nova empreitada do casal: os dois planejam transformar a fazenda da família em um glamping, uma espécie de camping de luxo e estão muito empolgados com o novo negócio, mas não sabem muito bem por onde começar. E não é justamente lá que o destino coloca Katie e sua ex-chefe cara a cara de novo? Demeter e a família vão passar as férias no glamping, e Katie tem a chance de, enfim, colocar aquela megera no seu devido lugar. Mas será que ela deve mesmo se vingar da mulher que arruinou sua vida? Ou apenas tentar recuperar seu emprego? Demeter – a executiva que tem tudo a seus pés – possui mesmo uma vida perfeita ou, quem sabe, as duas têm mais em comum do que imaginam? Porque, pensando bem, o que há de errado em ter uma vida (não tão) perfeita?

17 de maio de 2017

Série Starcrossed - Leisa Rayven

Oi, gente!

Na última semana li a Série Starcrossed da autora Leisa Rayven e publicação da Globo Alt. Essa série estava há muito tempo na minha estante e agora, depois de ter devorado os livros, me pergunto porquê não li antes. Os dois primeiros livros da série são Meu Romeu e Minha Julieta, eles contam a história de Ethan Holt e Cassie Taylor. O terceiro livro, Coração Perverso,  é do casal Elissa Holt (irmã de Ethan) e Liam Quinn. Farei um comentário do que achei dos livros.


                             
Em Meu Romeu somos apresentados a um dos casais mais difíceis que já conheci. O livro inicia com Cassie e Ethan no primeiro dia de ensaios para um peça que irá estrear na Broadway. Tudo seria tranquilo se há três anos Ethan não tivesse pisado no coração de Cassie. Todo esse tempo Cassie ficou remoendo sobre a separação e ela acha que superou, mas é só estar na presença de Ethan que ela percebe que não esqueceu nada; Cassie achava que tivesse superado, mas como estava enganada.

O primeiro capítulo de Meu Romeu já inicia de modo tenso, nem se mil anos tivessem passado Cassie não teria superado Ethan. O livro é narrado em primeira pessoa e os capítulos são alternados entre o presente e o passado. Presente onde é a peça que eles estão ensaiando e passado quando eles se conheceram, no caso há seis anos. A história é envolvente, parece ser simples, mas é muito mais que isso. Ethan e Cassie tem personalidades tão diferentes que é incrível ler como os dois são juntos. Ficamos envolvidos na vida deles e parece que somos melhores amigos. Confesso que senti falta da narrativa de Ethan, pois ele é tão complexo que é muito difícil entendê-lo em grande parte do livro; assim como a Cassie se sentia cega em relação a ele eu também me senti. O primeiro livro termina de maneira desesperadora e mesmo tendo mais de 400 páginas ele não nos conta nada do que precisamos saber, não aprofunda os problemas do casal principal e assim iniciei o segundo livro, desesperada.

Minha Julieta segue o mesmo estilo de narrativa de Meu Romeu. A história é mais dramática e sombria, me senti perdida durante grande parte da história. Tudo o que não conseguimos entender no primeiro livro é explicado neste aqui e é bastante difícil. Ethan é um personagem fechado, sombrio e que em muitas partes dos dois livros tenta ser outra pessoa. Tudo na vida dele é um desafio, desde suas aulas de teatro até o seu relacionamento conturbado com Cassie. Durante os anos em que ficaram juntos Cassie tentou de tudo pra ajudá-lo, mas não conseguiu, ao contrário, Ethan começou a sugar a vida dela. Eles tomaram decisões ruins e isso só contribuiu para a separação. Os anos passaram e durante esse tempo Ethan entendeu muitas coisas e uma delas é que ele não poderia passar a sua vida sem Cassie, então, ele tentará de tudo para provar para ela que mudou e que eles podem ser felizes juntos.

Iniciei o terceiro, Amor Perverso, imaginado que seguiria o mesmo nível de tensão dos anteriores, mas não foi assim. O livro é narrado em primeira pessoa pela Elissa, ela também trabalha no teatro, mas nos bastidores. Liam é ator e tudo que Elissa jamais faria novamente é se envolver com um ator, mas ela não manda no destino. O livro inicia com eles participando da mesma produção, só que nada será fácil, pois eles tiveram um envolvimento há anos e não acabou bem. Agora Lissa terá de lidar com um coração partido, uma noiva, e um Liam que continua irresistível.

Em Coração Perverso temos uma narrativa mais leve e divertida, mas nem por isso a história deixa de ter seu drama. Desde o início temos uma tensão entre os dois personagens e conforme a história se desenrola, fica claro que Liam guarda um segredo. A história é gostosa, fluída e nos prende do início ao fim. É impossível parar de ler, pois é muita coisa acontecendo, fiquei torcendo pelo casal principal, pelos personagens secundários e eu queria descobrir o que realmente estava se passando com Liam.

O Liam é um amor, fiquei completamente apaixonada por ele. Diferente do Ethan, ele é mais aberto, expressivo, não consegue esconder os sentimentos e as emoções e isso o transforma em um homem incrível. Elissa e Liam são um casal lindo, mesmo com tantos problemas eles não perdem o bom humor e uma boa piada.

Enfim, amei a leitura da série. Existe um quarto livro, Bad Romeo Christmas, que estou torcendo para a Globo Alt publicar aqui. Outra notícia linda é que a autora já é presença confirmada na Bienal deste ano no Rio de Janeiro.

Se você ainda não leu essa série, indico fervorosamente. Esses livros são para quem gosta daquele amor que supera todas as barreiras, inclusive o tempo.

Leitura recomendada.

Série Starcrossed:
01. Meu Romeu;
02. Minha Julieta;
03. Coração Perverso;
04. Bad Romeo Christmas.

Compre: 


16 de maio de 2017

[LANÇAMENTO] Dumplin de Julie Murphy


SKOOB | AMAZON | SARAIVA | EDITORA VALENTINA
Dumplin' - Julie Murphy.

Especialmente para os fãs de John Green e Rainbow Rowell, apresentamos uma destemida heroína e sua inesquecível história sobre empoderamento feminino, bullying, relação mãe e filha, e a busca da autoaceitação. 
Sob um céu estrelado e ao som de Dolly Parton, questões como o primeiro beijo, a melhor amiga, a perda de alguém que amamos demais e “estou acima do peso e ninguém tem nada com isso” fazem de Dumplin’ um sucesso que mexerá com o seu coração. Para sempre. Gorda assumida, Willowdean Dickson (apelidada de Dumplin’ pela mãe, uma ex-miss) convive bem com o próprio corpo. Na companhia da melhor amiga, Ellen, uma beldade tipicamente americana, as coisas sempre deram certo... até Will arrumar um emprego numa lanchonete de fast-food. Lá, ela conhece Bo, o Garoto da Escola Particular... e ele é tudo de bom. Will não fica surpresa quando se sente atraída por Bo. Mas leva um tremendo susto quando descobre que a atração é recíproca. Ao contrário do que se imaginava – a relação com Bo aumentaria ainda mais a sua autoestima –, Will começa a duvidar de si mesma e temer a reação dos colegas da escola. É então que decide recuperar a autoconfiança fazendo a coisa mais surreal que consegue imaginar: inscreve-se no Concurso Miss Jovem Flor do Texas – junto com três amigas totalmente fora do padrão –, para mostrar ao mundo que merece pisar naquele palco tanto quanto qualquer magricela.


15 de maio de 2017

A Dama Negra - Nora Roberts

Livro: A Dama Negra (Homeport)
Autor (a): Nora Roberts
Número de Páginas: 412
Editora: Chás das Cinco/Portugal
Compre aqui.

Sinopse: A história de uma mulher, de uma estátua antiga e de uma paixão que atravessa os tempos.
O ar estava frio quando a Dra. Miranda Jones chegou a casa depois de uma longa semana de trabalho. Mas o seu sangue gelou quando sentiu encostarem-lhe uma faca ao pescoço. Depois de roubarem tudo o que trazia, os assaltantes desapareceram. Profundamente abalada, Miranda decide esquecer aquela experiência assustadora. E, para isso, nada como aceitar o convite para ir a Itália confirmar a autenticidade de A Dama Negra, um bronze renascentista representando uma cortesã dos Medici. Mas, em vez de cimentar a sua posição como a maior perita mundial nesse campo, a viagem a Itália destrói-lhe a reputação. Sentindo-se alvo de uma cilada, Miranda está decidida a limpar o seu nome. Mas ninguém parece disposta a ajudá-la... com a excepção de Ryan Boldari, um sedutor ladrão de arte, cujos objectivos são obscuros.
Agora torna-se evidente que o assalto à porta de sua casa foi muito mais do que isso... e que a Dama Negra possui tantos segredos quanto a cortesã que a inspirou. Com a ajuda de um homem em quem não deve confiar mas por quem sente uma atracção intoxicante, o futuro de Miranda parece repleto de traições, mentiras e perigos mortais.

RESENHA por Luciana Corrêa da Silva.

Oi, tudo bem?

Preciso confessar que sempre que encontro os livros da Nora Roberts em promoção, eu compro. Seja porque gosto muito da escrita, seja porque nunca li nenhum livro dela que não tenha gostado. O que resenhei hoje, comprei sem saber muito e depois vi que já foi lançado também aí no Brasil (graças a Deus) com o nome de Bellissima, pela Bertrand.

Pois bem, o livro é bem diferente e tem um tom bem enigmático, porque envolve roubo e falsificação de obras de arte caríssimas.

A estrela da trama é a Dra. Miranda Jones, uma pesquisadora renomada, que vem de uma família que trabalha com preciosas obras de arte e as coleciona. Ela é uma especialista na fase da Renascença e sempre que sua mãe, que vive em Florença, precisa de uma opinião ilibada, ela chama a Miranda. A relação entre elas não é nada ligada ao emocional. Elas agem como se fossem profissionais que se conhecem pelo trabalho. Aliás, o pai de Miranda é omisso e ausente como a mãe, mas ela leva uma vida feliz ao lado do irmão Andrew, com quem ela divide o trabalho e a casa. Juntos eles representam o instituto de arte no Maine, que a família mantém há gerações.

Assim, quando Miranda volta pra casa depois de cumprir com excelência suas tarefas, sentiu algo a cortar sua garganta. Alguém lhe atacava para lhe levar a bolsa e o laptop, atirava-a ao chão e a deixava totalmente sem saber o que fazer. Machucada e em choque, ela consegue chegar até a casa e esperar pelo irmão, mas não faz ideia do porquê disso ter acontecido. Para esquecer tudo isso, ela aceita o convite da mãe para avaliar a autenticidade de uma grande descoberta. É uma estátua em bronze de A Dama Negra, um bronze renascentista que representa uma cortesã dos Médici.

Tudo vai bem até que, o que seria a grande descoberta, que colocaria Miranda no rol dos maiores e melhores pesquisadores de sua geração, acaba por colocar em cheque sua reputação e a transforma em uma mentirosa. Se não bastasse a humilhação pessoal, ela ainda enfrentará a fúria da mãe que não admite que seu laboratório cometa um erro grave desses. Miranda sabe que há algo de errado, sabe que a peça que ela teve em mãos era verdadeira, mas como provar? Ela quer limpar seu nome, mas ninguém acredita nela a não ser o sedutor ladrão de arte chamado Ryan Boldari, cujos objetivos só saberemos conforme a leitura avança.

Quanto mais lemos, mais descobrimos que o assalto que Miranda sofreu não foi algo isolado e sem propósito. Também veremos que, quanto mais se sabe sobre a misteriosa Dama Negra, mais questionamentos surgem. Assim, nossa inteligentíssima mocinha terá de confiar em um homem que abomina, pois precisará de seus dotes criminalísticos para resolver esse mistério que ronda tudo o que faz parte de sua vida.

Além da ajuda, Miranda não consegue tirar da cabeça esse homem tão envolvente que é Ryan. Um homem que se mostra simples, apesar da fortuna que o cerca. Ryan é um homem misterioso, mas que valoriza sua família acima de tudo e têm neles tudo aquilo que Miranda jamais teve. Para ela, que achava que Ryan não passava de um ladrãozinho de obras de arte, acabará por descobrir que ele será um verdadeiro oásis em meio ao caos.

Uma trama intrigante, cheia de traições, mistérios e perigos mortais, com um casal que não se entende em nada mas que se encaixa perfeitamente em tudo. A Dama Negra nos presenteia com momentos alucinantes, enigmáticos e personagens secundários incríveis, que ganham grande espaço tanto no livro quanto nos nossos corações.

Sabe aquele livro que nos deixa em suspense até as últimas páginas, que nos faz torcer e odiar e que nos deslumbra com um final inesperado e surpreendente? É esse.

- Não consigo me concentrar em nada que não seja você, quando você tá triste.
- Ah, Ryan. - Como ela poderia defender seu coração contra aqueles ataques de candura? - Eu não tô triste.
- Você é a mulher mais triste que eu conheço. - Ele beijou os dedos dela. - Mas a gente vai consertar isso.

Leia, encante-se com uma obra diferente e que promete uma leitura diferente para aqueles momentos em que não sabemos o que ler.

Beijinho e até a próxima!

Outras capas: