23 de janeiro de 2017

A Fúria e a Aurora - Renée Ahdieh

Livro: A Fúria e a Aurora
(The Wrath and the Dawn)
A Fúria e a Aurora #1
Autor (a): Renée Ahdieh
Número de Páginas: 336
Editora: Globo Alt
Compre aqui.

Sinopse: Personagem central da história, a jovem Sherazade se candidata ao posto de noiva de Khalid Ibn Al-Rashid, o rei de Khorasan, de 18 anos de idade, considerado um monstro pelos moradores da cidade por ele governada. Casando-se todos os dias com uma mulher diferente, o califa degola as eleitas a cada amanhecer. Depois de uma fila de garotas assassinadas no castelo, e inúmeras famílias desoladas, Sherazade perde uma de suas melhores amigas, Shiva, uma das vítimas fatais de Khalid. Em nome da forte amizade entre ambas, Sherazade planeja uma vingança para colocar fim às atrocidades do atual reinado. 
Noite após noite, Sherazade seduz o rei, tecendo histórias que encantam e que garantem sua sobrevivência, embora saiba que cada aurora pode ser a sua última. De maneira inesperada, no entanto, passa a enxergar outras situações e realidades nas quais vive um rei com um coração atormentado. Apaixonada, a heroína da história entra em conflito ao encarar seu próprio arrebatamento como uma traição imperdoável à amiga. 
Apesar de não ter perdido a coragem de fazer justiça, de tirar a vida de Khalid em honra às mulheres mortas, Sherazade empreende a missão de desvendar os segredos escondidos nos imensos corredores do palácio de mármore e pedra e em cenários mágicos em meio ao deserto.

RESENHA por Katielle Borba.

Oi, gente!

A resenha de hoje é do livro A Fúria e a Aurora da autora Rennée Ahdieh e publicação da Globo Alt.

Este é um daqueles livros que estava há muito tempo na minha estante e como uma das resoluções de ano novo é ler os livros parados, ele entrou na fila. Agora estou aqui, com cara de abobada e me perguntando o porque de não ter lido antes. Livros de aventura e fantasia não são o meu gênero favorito, mas no ano passado li alguns que amei e pretendo continuar em 2017; A Fúria e a Aurora está dentre os que adorei. ❤❤

A trama do livro é inspirada na história de As Mil e Uma Noites. Em a Fúria e a Aurora temos um rei jovem, assassino e cruel. Khalid, o Rei de Khorasan, tem apenas 18 anos, mas já acumula tantas mortes que eu acredito que nem ele saiba o número exato. Todas as noites uma garota do reino é convidada para ser sua noiva e todas as manhãs a menina é morta. Diante dessa situação, Sherazade vê sua melhor amiga perder a vida e assim ela jura vingança. Sherazade se voluntaria como noiva, ela quer a morte do califa Khalid, só que isso não acontece. Noite após noite a vida dela é poupada. Khalid fica encantando com as histórias que ela conta e isso faz com que Sherazade sempre tenha um novo amanhecer.

Estou completamente encantada por A Fúria e a Aurora, que livro! Com uma narrativa envolvente e ágil somos brindados com uma história repleta de aventuras, mistérios, segredos, reviravoltas e claro, de paixão.

Fui conquistada a cada capítulo pela história de Sherazade; quando ela chega ao castelo, cheia de ódio, rancor e pronta para colocar seu plano em ação, não espera encontrar um jovem quieto e cheio de segredos. Cada momento que ela passa na presença de Khalid sua sede de vingança vai diminuindo, ela não entende o que está acontecendo e se recrimina por não estar levando o plano adiante. Sherazade passa a enxergar que Khalid é muito mais do que aparência, ele tem segredos obscuros e que isso está relacionado com o assassinato das jovens noivas.

A Fúria e a Aurora é um livro que vai nos envolvendo aos poucos. No início eu odiava o califa igual Sherazade; coloquei na minha cabeça que eu não poderia gostar de um assassino, mas com o desenrolar da história foi ficando impossível não entregar meu coração para ele, assim como acontecia com a nossa heroína. Khalid é misterioso e carrega um grande fardo. Isso fica claro conforme a história avançava; o terrível segredo que ele guarda só é revelado no final e isso foi uma coisa que me deixou bastante angustiada, ainda mais com o desfecho que estava por vir.

Além de acompanharmos o surgimento de um sentimento diferente do ódio entre os protagonistas, também temos uma trama repleta de traições e jogos políticos. A história apresenta outros personagens importantes e cativantes. Para a vida de Sherazade ficar ainda um pouco mais difícil, ela também tem um amor de infância que está disposto a qualquer coisa para tirá-la das garras do califa.

Lembrei que os últimos livros que li deste gênero todos se passam no deserto, não sei se é um presságio de história boa, mas fiquei apaixonadas por cada um deles.

A Globo Alt já divulgou o título do próximo livro, A Rosa e a Adaga deve ser publicado nos próximos meses e nem preciso dizer o quanto estou desesperada, acho que será um livro tão ou mais incrível que este.

Enfim, eu queria falar mais sobre esta história maravilhosa, mas as palavras me faltam. Só indico demais a leitura. Para quem não se sente muito confortável, como eu, com livros de aventura e fantasia pode começar por a A Fúria e a Aurora, tenho certeza que não irá se arrepender.

- Você é... extraordinária. Todos os dias penso que vou ficar surpreso com quanto você é extraordinária, mas não fico. Porque isso é o que significa ser você. Significa não conhecer limites. E viver sem limites é tudo o que você faz.

Leitura recomendada.

A Fúria e a Aurora:
01. A Fúria e a Aurora;
02. A Rosa e Adaga.

Outras capas:

   

 


2 comentários

  1. Oi Kati, o lado bom de você só ter lido esse livro agora é que sua espera vai ser menor pela continuação, eu tô roendo as unhas desde o ano passado haha e ainda por cima a editora fica me provocando mostrando fotos da capa da continuação e não lança, como assim?! preciso :) Sobre a história é super envolvente, não consegui odiar Khalid, não suportei o amor de infância, amei Sherazade e quero muito essa continuação.

    P.S: De todas as capas, achei a nacional a mais bonita ;)

    ResponderExcluir
  2. Katiiiiiiiiiiiiiii,
    Eu tava gostando da resenha, até chegar ao último parágrafo, que aí eu amei! hahahahaha. Então.. eu não leio essas coisas né? Uma amiga queria me dar de presente esse uma vez pra me fazer ler fantasia junto com ela, mas eu não me empolguei e acabamos lendo juntas outra coisa. But, eu nunca esqueci desse livro e ele sempre me intrigou. Acho que esse ano eu leio essa duologia então, prometi pra mim que sairia da zona de conforto em 2017, hahaha.

    ResponderExcluir