14 de março de 2017

A Soma de Todos os Beijos - Julia Quinn

Livro: A Soma de Todos os Beijos 
(The Sum of All Kisses)
Quarteto Smythe-Smith #3
Autor (a): Julia Quinn
Número de Páginas: 272
Editora: Arqueiro
Compre aqui e aqui.

Sinopse: Lorde Hugh Prentice é um gênio da matemática e teve sua perna (e sua vida) arruinada por causa de um duelo com seu amigo, Daniel Smythe-Smith.
Nesse livro, conheceremos um pouco da história de Hugh, antes e depois do acontecido. Sua família, o desespero de seu pai para conseguir que um de seus filhos lhe desse um herdeiro, visto que um não é chegado à mulheres e o outro, provavelmente terá dificuldades em encontrar uma esposa, e principalmente em ter filhos.
E, claro, sua relação de amor e ódio com Sarah Pleinsworth, prima mais velha de Daniel, que mesmo antes de conhecê-lo, já odiava Hugh por ter arruinado sua família através desse duelo.
Mas, as coisas começam a mudar quando Honoria, sua prima, pede para Hugh substituir seu padrinho no casamento e para Sarah ser sua acompanhante durante sua estadia, para que ele ficasse mais confortável diante dos familiares de Daniel. E esse tempo se prolonga, já que Daniel se casará duas semanas depois da irmã e resolve torná-los uma única festa...
É claro que eles não se dão no início, mas com o tempo, ainda mais depois do primeiro casamento, quando ela fica impossibilitada de andar, eles deixam as diferenças de lado e começam a se conhecer realmente, e, o que era ódio, acaba se tornando uma paixão avassaladora.
Mas as limitações de Hugh vão ser apenas um dos problemas que o casal enfrentará pelo caminho...

RESENHA por Katielle Borba.

Oi, tudo bem?

Mais uma resenha da Série Quarteto Smythe-Smith da Julia Quinn e publicação da Editora Arqueiro. O terceiro livro é o A Soma de Todos os Beijos e aqui temos a história de Lady Sarah Pleinsworth e Lorde Hugh Prentice.

Eu não achava que a cada livro essa série poderia melhorar, a cada nova história fico mais encantada e ávida para saber mais. Dos que li (três primeiros) este aqui é o meu favorito, mas já vi gente que leu todos e disse que o quarto é maravilhoso.

Sarah odeia Hugh. Hugh odeia Sarah.

Sarah tem muitos motivos para sentir isso, mas Hugh passou a odiá-la quando ela o atacou com palavras duras, sendo que ele nem sabia quem era ela. Mas o destino é cruel e os anos passaram, agora eles terão que conviver juntos por algumas semanas, e a cada dia que passa, o ódio que sentiam um pelo outro vai cedendo e dando lugar a algo lindo e especial.

Lorde Hugh é aleijado, a palavra é forte, mas é assim que é. Todos os dias ele paga pelos erros do passado, a dor que sente é sua melhor amiga e nada pode melhorar isso. Mas tem uma coisa que ele é muito bom, números. Ele é brilhante, consegue fazer contas imensas de cabeça, é ótimo jogador de cartas e consegue armazenar muitas informações, é difícil ele esquecer qualquer coisa que seja.

Lady Sarah é a dramática do atual Quarteto Smythe-Smith. Se ela precisa arrumar uma desculpa ou fingir estar doente para não participar dos concertos, fez isso é não fica com remorso. Ela odeia tocar na frente do público, mas odeia mais ainda o homem que ela julga ser o destruidor da sua família, e consequentemente da sua felicidade. Ela faz questão de jogar na cara de Hugh que ele é o culpado por ela não ter um marido e não ter a família que tanto deseja.

A Soma de Todos os Beijos é aquele livro que a gente ama desde a primeira página. A cada capítulo nosso coração transborda de amor e de alegria. A história é linda, de aceitação e superação. A trama é envolvente e cheia de clichês, mas nem por isso o livro deixa de ser perfeito.

Como os dois personagens se odeiam, no início da história, o envolvimento deles demora um pouco mais. Eles precisam conversar, se conhecer e perceber que o que sentiam um pelo outro não é nada comparado com o que sentem agora. O relacionamento deles se dá aos poucos e é lindo ver eles se apaixonando a cada capítulo. A cada conversa é uma surpresa nova que descobrem e a cada momento passado juntos é um sentimento diferente que surge.

O livro não é só flores e amor. Hugh sofreu muito na infância e continua sofrendo na vida adulta. Seu pai nunca foi fácil e ainda interfere na sua vida. Alguns momentos do livro foram bastante tensos e senti meu coração apertado pelo que estava por acontecer. Nunca achei que eu fosse odiar tanto um personagem quanto odiei o pai de Hugh.

A história de A Soma de Todos os Beijos é gostosa, cheia de amor e de amizade. As primas que citei na resenha anterior continuam aparecendo em peso, pois são as irmãs de Sarah e adorei acompanhar as travessuras, as ideias e as conversas loucas que elas tem. A família Smythe-Smith é enorme, mas amam, ajudam e protegem de uma maneira inigualável. O problema que existir eles estão dispostos a resolver, não importam as consequências.

Se estou amando a série? É claro que sim. Mal posso para iniciar o último livro e já ficar morrendo de ansiedade pela próxima série da Julia que a Editora Arqueiro irá publicar.

- Então vai entreter lorde Hugh esta noite, antes do jantar?
- Entreter – repetiu Sarah, com sarcasmo. – Devo dançar? Porque tocar piano você sabe que não vou.
Honoria riu enquanto se dirigia à porta.
- Apenas seja encantadora como sempre – disse ela, voltando o rosto para dentro da sala por um último segundo. Ele vai amar você.
- Deus me livre.
- Deus trabalha de modos estranhos...
- Não tão estranhos.
- Quem desdenha...
- Não diga isso – interrompeu-a Sarah.
Honoria ergueu as sobrancelhas e Sarah atirou uma almofada nela.
Mas errou o alvo.

Leitura recomendada.

Quarteto Smithe-Smith:
03. A Soma de Todos os Beijos;
04. Os Mistérios de Sir Richard.

Outras capas:

   




Um comentário

  1. Oi Kati, então tenho que dizer que no começo achei Sarah um pouco irritante e Hugh muito lógico, mas a medida que eles vão se conhecendo e se aproximando, foram também me conquistando e terminei o livro cheia de amor pelos dois <3 As irmãs de Sarah são destaque sempre e aqui nessa história teve também a participação especial mas super importante de Lady Danbury (ri com a cena dela)... :) Amei a resenha e que venha Richard e Iris na próxima resenha pra comentarmos ;)

    ResponderExcluir