26 de maio de 2017

A Entrevista - Shana Gray

Livro: A Entrevista 
Autor (a): Shana Gray 
Número de Páginas: 272
Editora: Gutenberg
Compre aqui e aqui.

Sinopse: Sete entrevistadores irresistíveis. Quem a escolherá ao final da semana? Quem será o escolhido por ela?
Linda, inteligentíssima e extremamente sensual, Tess Canyon é uma jovem determinada a se vingar de um dos maiores grupos dos EUA, as Empresas Diamond. Seu pai, um alto executivo, foi acusado de desviar fundos da empresa para gastar com uma suposta amante e teve sua carreira destruída. E isso o levou à morte...
A oportunidade de candidatar-se à vaga de Assistente Executiva do poderoso Mr. King parece ser a maneira ideal de infiltrar-se na empresa para limpar o nome de seu falecido pai.
Mas o processo seletivo não é o que ela espera. Chegando à sede da empresa, ela é escoltada até um helicóptero e, com os olhos vendados, é levada para um local secreto. Lá, Tess conhece Mr. King e descobre que a vaga na verdade é para o novo CEO das Empresas Diamond. Seu desafio será passar por sete testes durante uma semana.
Tess será avaliada por sete misteriosos executivos — deliciosamente bonitos —, um para a tarefa de cada dia. Agora ela precisará usar toda a sua habilidade e competência se quiser ter sucesso e resistir ao magnetismo poderoso dos homens irresistíveis enviados para ajudá-la — ou distraí-la. Em um desafio que poderá levá-la ao topo, ou arruiná-la para sempre. 
Bem-vinda à entrevista mais sexy que você poderia imaginar!

RESENHA por Katielle Borba.

Oi, pessoal!

O comentário de hoje é sobre o livro A Entrevista da autora Shana Gray e publicação da Editora Gutenberg. Este livro foi publicado completo em formato físico, mas também em e-book com contos separados, dividido em dias da semana.

A Entrevista nos traz a história de uma mulher em busca de vingança. Tess Canyon quer limpar o nome do seu falecido pai e para isso ela deseja destruir o império da empresa Diamond. Sua vingança está mais perto que ela imagina, afinal, foi selecionada para uma entrevista onde o cargo é ser o braço direito do dono, o misterioso Mr. King. No dia da entrevista nada sai como esperado e Tess se depara com um grande desafio; para conseguir o emprego ela precisará passar por sete testes e ter sucesso em todos eles. Ela será avaliada por executivos e todos os seus passos serão monitorados. Mal sabe ela como essa semana será tumultuada, mas ela também virá com muitas surpresas.

Iniciei A Entrevista um tanto receosa, já tinha lido algumas considerações sobre ele e não foram boas, mas até que gostei. A história é narrada por Tess e os capítulos são divididos em dias da semana, onde cada um deles nos relata um dos testes. A história é clichê e desvendei todos os supostos mistérios antes de virar a última página. Não é um livro impressionante e apaixonante, mas sim um livro para quem quer uma distração ou uma leitura mais leve.  

Quando iniciei no primeiro dia de testes – segunda–feira – fiquei pensando se continuaria ou não a leitura, só que no final fiquei curiosa para saber como se dariam os próximos dias e assim segui até o final. Achei interessante o que Tess teve que fazer, não foi nada de outro mundo, mas ela saiu da sua zona de conforto, testou a si mesma, e provou que poderia ser mais. Conforme a semana passa, Tess começa a se questionar se quer mesmo continuar com sua vingança, pois agora ela tem acesso a empresa, mas também tem que pesar as consequências dos seus atos.

O que não curti muito foi a forma de ela lidar com os executivos que aplicavam os testes. Cada dia da semana ela era apresentada ao um homem lindo e a cada dia da semana parecia que Tess ia morrer de excitação com esse homem. Não estou aqui julgando isso, até porque eu seria hipócrita, mas achei demais. Tess não podia olhar para um dos executivos sem fazer um monólogo interno de como ele era lindo, como ela estava excitada, arrepiada e outras coisas... isso me incomodou bastante. Claro que dentre os executivos da semana ela tem o seu favorito, aquele roubou o seu coração e é óbvio que é o mesmo que roubou o meu. 

Enfim, o livro é bom. Uma leitura rápida e leve. Se você está em busca de uma distração, recomendo. Amei o final, teve uma cena que compensa as reclamações que fiz no paragrafo anterior. :D

Leitura recomendada.



Nenhum comentário

Postar um comentário