22 de maio de 2017

Dois a Dois - Nicholas Sparks

Livro: Dois a Dois (Two By Two)
Autor (a): Nicholas Sparks
Número de Páginas: 512
Editora Arqueiro
Compre aqui e aqui.

Sinopse: Com uma carreira bem-sucedida, uma linda esposa e uma adorável filha de 6 anos, Russell Green tem uma vida de dar inveja. Ele está tão certo de que essa paz reinará para sempre que não percebe quando a situação começa a sair dos trilhos.
Em questão de meses, Russ perde o emprego e a confiança da esposa, que se afasta dele e se vê obrigada a voltar a trabalhar. Precisando lutar para se adaptar a uma nova realidade, ele se desdobra para cuidar da filhinha, London, e começa a reinventar a vida profissional e afetiva – e a se abrir para antigas e novas emoções.
Lançando-se nesse universo desconhecido, Russ embarca com London numa jornada ao mesmo tempo assustadora e gratificante, que testará suas habilidades e seu equilíbrio emocional além do que ele poderia ter imaginado.
Em Dois a dois, Nicholas Sparks conta a história de um homem que precisa se redescobrir e buscar qualidades que nem desconfiava possuir para lutar pelo que é mais importante na vida: aqueles que amamos.

RESENHA por Katielle Borba.

Oi, gente! 

A resenha de hoje é do livro Dois a Dois do meu amor Nicholas Sparks e publicação da Editora Arqueiro.

Dois a Dois foi uma das minhas primeiras leituras de maio, já é quase final do mês e ainda não consegui desenvolver nada sobre ele. Parece que colocaram um véu nos meus pensamentos, porque não consigo pensar em nada, só penso o quanto este livro é lindo, maravilhoso e que todos deveriam ler. Juro que nesta singela resenha tentarei demonstrar todo meu amor por ele.

A vida de Russell Green é de dar inveja em qualquer um; tem uma linda esposa, uma filha encantadora e uma carreira promissora. A vida é boa, cômoda e ele não poderia estar mais feliz com isso, até que tudo começa a desandar. De uma semana para outra tudo que parecia o paraíso torna-se um verdadeiro inferno e o que antes era felicidade torna-se em desespero e amargura. Russ perde o emprego e a esposa precisa retornar ao mercado de trabalho, algo que ela não queria. Apesar de todas as dificuldades que se mostram à frente ele tenta reinventar-se na sua área de trabalho com novos planos e ideias. E o mais importante de tudo, é neste momento que ele percebe o tesouro que tem em casa, sua filha London.

Para mim ler Nicholas Sparks é sempre como levar uma rasteira; depois de fechar o livro fico dias pensando na história e tentando entender como ele consegue mexer tanto com as minhas emoções. Com Dois a Dois não foi diferente e este está entre os meus favoritos do autor. Ele retrata de forma real a vida de uma família que não é real, mas se fosse eu não ficaria surpresa. Tudo que está escrito neste livro, tenho certeza que já aconteceu com alguém em algum lugar do mundo e isso só faz com que essa história se torne mais especial ainda.

O livro já começa especial pela narrativa que é toda feita pelo Russ. Hoje em dia ainda é difícil encontrar um livro narrado inteiro pelo personagem masculino. Gostei de ter a visão de um homem que vai do céu ao inferno em pouco tempo; um homem desesperado para tentar salvar seu casamento. A história alterna entre alguns flashs do passado e o momento presente na vida de Russ, isso é importante para tomarmos conhecimento de tudo e fazer o nosso próprio julgamento a respeito da história.

Dois a Dois é intenso desde a primeira página, a cada capítulo levamos um tiro e quando parece que tudo ficará bem, desmorona. Certamente a personagem que rouba a cena no livro inteiro é a London, que criança linda, incrível e com um senso da realidade inacreditável. Ela tem apenas seis anos, mas percebe tudo o que acontece a sua volta, percebe que a vida mudou e que o pai se faz mais presente. London também nota que as coisas não são mais como eram antes e, como todas as crianças, faz um pouco de birra, mas nem isso tira o encanto dela. E quando ela e o pai começam a se conhecer verdadeiramente é impossível não ficar emocionado. Por mais estranho que possa parecer,  eles tornam-se melhores amigos e isso é tudo que os dois precisam para viverem felizes.

Ainda temos a esposa do Russ, gente, odiei ela, acho que nunca odiei tanto um personagem como odeio essa mulher. Não vou falar aqui os motivos que me levaram a este sentimento, mas só digo que mesmo lendo todas as justificativas dela ainda a detesto.

Dois a Dois é de um história linda e tocante, a jornada de um homem em busca de conhecimento. Russ descobrirá que ele é mais forte do que imagina, todas as suas emoções serão testadas e quando ele achar que não pode mais aguentar, olhará para o lado e perceberá que pode sim, tudo pela filha e pela família.

Se você ainda não leu nenhum livro do Nicholas Sparks pode começar por este aqui, é impossível não amá-lo com todas as forças. Se você acha que irá chorar com a história, vai mesmo, porque ele mexe demais com as nossas emoções e mesmo assim você ficará feliz de ter lido.

Casamento exige compromisso e negociação, comunicação e cooperação, principalmente porque a vida costuma lançar umas bolas traiçoeiras, muitas vezes quando menos esperamos. No mundo ideal, a bola traiçoeira passa pelo casal sem causar muitos danos; em outros momentos, encarar esses lançamentos a dois torna o casal mais comprometido um com o outro.
Às vezes, no entanto, as bolas traiçoeiras acabam nos acertando bem no meio do peito, perto do coração, e deixam feridas que nunca parecem sarar.

Leitura recomendada.

Outras capas:

  




2 comentários

  1. Oi Kati, então essa carga dramática que você citou ao final e que esta sempre presento nos livros de titio Nick é o que me deixa receosa com as histórias dele, mas as vezes é bom ler um bom drama e simplesmente se emocionar, assim eu curti a resenha e apesar de não ser fã do autor, se surgir a oportunidade vou querer ler. A capa tá linda e eu curto muito histórias família, que focam na relação pais e filhos, crianças nas histórias em geral rendem cenas muito fofas e assim acho que London vai ser minha personagem favorita haha. Pela resenha, acho que não tem romance nessa história né, com vc odiando a esposa e tal rsrs. Amei a resenha Kati... Beijos ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lili!
      Espero que você leia mesmo. Nesses últimos livros as histórias estão diferentes. Ah e tem romance sim, só que não posso falar, é spoiler. Na verdade o livro que tem um monte de coisa maravilhosa que não pude falar, mas digo que vale muito a pena a leitura. Acho que tu não irá se arrepender.
      Obrigada pelo carinho de sempre.
      Beijo.

      Excluir