14 de março de 2018

Noites de Paixão - Cheryl Holt

Livro: Noites de Paixão 
(Further than Passion)
Autor (a): Cheryl Holt
Número de Páginas: 296
Editora: Quinta Essência/Portugal 

Sinopse: Kate Duncan concorda um ajudar a prima a conquistar um marido até que percebe que a jovem deseja usar uma suposta poção de amor para seduzir Marcus Pelham. Para provar que o elixir não passa de uma bebida sem qualquer efeito mágico, Kate bebe-o e vive o momento mais sensual da sua vida ao apanhar Marcus em plena sessão amorosa com outra mulher. Todos os nervos do corpo de Kate reagem ao observá-lo no meio das sombras, mas o despertar dos sentidos será uma consequência da poção ou do atraente homem? Felizmente, Marcus não repara que Kate o espia, ou pelo menos ela assim o pensa…
Na qualidade de conde de Stamford, Marcus tem a seus pés muitas mulheres. Contudo, nada o excitou mais como a imagem de Kate a observá-lo. Marcus vai então seduzir Kate e bebe, também ele, a poção. Contudo, o jogo assume contornos inesperados quando Marcus se vê verdadeiramente atraído pela inocente Kate. Ao ensinar-lhe a excitante arte da sedução, será que se apaixona perdidamente pela primeira vez? E será ele capaz de amar uma única mulher para o resto da vida?

RESENHA por Luciana Corrêa da Silva.

Olá, como vão?

Hoje trago para vocês a minha opinião sobre Noites de Paixão, da escritora Cheryl Hoyt e publicação da Quinta Essência Portugal. A autora é advogada e romancista, vive em Los Angeles e é considerada a rainha do romance sensual.

Kate Duncan é uma pobre moça e quando eu falo em pobre, no sentido também de coitada, quero que pensem mesmo na gata borralheira. Ela mora com a tia e os primos em sua casa, mas que agora é deles. Ela é tratada como uma dama de companhia da prima, que almeja um casamento vantajoso. Então Kate concorda em ajudar a prima a conquistar um marido.

Regina nunca permitia que Kate se esquecesse de que era uma pesada carga, que começava a envelhecer, que os egoístas dos pais não tinham zelado pelo seu bem-estar e a haviam abandonado aos caprichos do destino.

A prima Melanie é sorrateira e mimada e, movida pela ambição desmedida da mãe, quer que Kate despeje uma poção do amor no copo de Lorde Stamford para que consiga seduzi-lo. A moça acha tudo isso um disparate e, para provar que a tal poção é somente fruto de um charlatão, ela traga a bebida de um gole só. Assim, quando a madrugada chega, Kate vive o momento mais incrível de sua vida. Ela apanha Marcus na cama com outra mulher e isso incendeia sentimentos que a moça desconhecia. Todo o corpo dela reage ao que ele faz com a sua parceira, e toda essa mágica acaba por desencadear efeitos devastadores na vida dela.

Kate passa a viver com o dilema em saber se a poção fez isso com sua vida ou se é a proximidade com homem tão irresistível. Marcus assume, de plena consciência, que não pode viver mais sem provar da beldade que apareceu misteriosamente em seu quarto e não sossegará enquanto não conseguir momentos a sós com ela. Ele tem as mulheres que quer e quando quer, mas ver Kate em seu quarto, a observar a cena de amor, o excita mais que tudo. Ao tentar seduzi-la, toma também a poção e agora nada mais está em suas mãos. Será que o homem tão frio e desesperançoso está apaixonado pela primeira vez? Será ele capaz de amar uma única mulher para o resto da vida? Uma mulher que nunca desejou?

O livro não resume-se apenas a poções mágicas e cenas quentes de sexo e sedução. Temos muitas intrigas, uma vilã digna de todo o ódio que somos capazes de sentir… A tal tia de Kate é uma mulher ardilosa e má, que encontra o par perfeito na madrasta de Marcus e essas duas manipularão todos para que as coisas saiam como elas desejam. O livro tem muito de descontrole, de manipulação, de problemas familiares… mas ganha a verdadeira dimensão do amor, em todos os aspectos, conforme a leitura avança.

Rígida com uma pedra, de braços junto ao corpo, lutava contra a assustadora necessidade de lhe acariciar o peito. Se lhe tocasse, não podia prever em que tipo de pecado incorreria desta vez.

Vivi momentos de grande alegria e satisfação, que me levaram por personagens incríveis que também tiveram destaques, mesmo sendo secundários. O livro é cheio de cenas sensuais, mas equilibra-se com todo o encantamento do amor e as cenas de intrigas e maldades. E o final, o final é maravilhoso e surpreendente, pois acontece da melhor forma que os leitores podem desejar.

Não entendo a demora em publicar essa autora no Brasil, acredito que ela agradaria muito as leitoras brasileiras. Eu adoro os livros de Cheryl Holt e considero seus romances arrebatadores e inesquecíveis.

Torço por vocês! Beijinhos e até a próxima.

Outras capas: 



2 comentários

  1. Também não entendo a demora de trazer essa autora pro Brasil Lu, tenho muita curiosidade e vontade de conhecer a escrita dela. Tô até de olho, num livrinho da Nova Cultural se não me engano que foi lançado por aqui há muito tempo, nos sebos <3
    Sobre a resenha, amei, fiquei cheia de raiva desse povo que tá cercando a mocinha, a tia e a prima devem ser insuportáveis, e a trama sensual e romântica deve prender bastante o leitor. Enfim, curiosa fiquei, espero ter a chance de ler futuramente também ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lili, espero que consigas o livro, mas qualquer coisa que precisar é só me falar. O livro nos causa muita raiva mesmo, que gente má! kkk Beijinho e obrigada <3

      Excluir