23 de setembro de 2013

Promessa Secreta - Trish Morey

Livro: Promessa Secreta (Secrets Of Castillo Del Arco)
Autor (a): Trish Morey
Número de Páginas: 192
Editora: Harlequin (parceria)
Compre aqui.

Sinopse: Um castelo de conto de fadas ou uma gaiola de ouro? Uma promessa feita a um amigo no leito de morte assombra o recluso bilionário Raoul del Arco. Ele deu sua palavra que se casaria com Gabriella D’Arenberg, mas sabe que torná-la sua mulher destruirá a inocência dela.

Promessa Secreta inicia com o mocinho Raoul del Arco em um quarto de hospital fazendo uma promessa a seu grande amigo. Umberto sabe que está nos seus últimos dias de vida e sua maior preocupação é com a segurança da sua protegida Gabriella.

Gabriella nem sonha com essa promessa e doze anos depois, no dia do enterro de Umberto, ela fica muito feliz com o retorno de Raoul. Ele por sua vez usa todo seu charme para conquista-la e a convida para passarem uns dias em Veneza, isso porque Gaby está começando a envolver-se com um homem que só quer a sua fortuna.

Lá em Veneza Raoul tenta ser um amor para Gaby, mas ele é um sofredor, está preso ao passado e a sua falecida esposa. Conforme os dias passam eles ficam mais próximos e Raoul faz o pedido tão esperado, pede Gaby em casamento, isso tudo para cumprir a promessa feita para seu amigo. Eles casam e vão morar num castelo que pertence a Raoul, mas nesse lugar gelado Gaby não será feliz.

Promessa secreta é aquele tipo de livro que lemos em no máximo duas horas, são poucas páginas e a história é bem gostosa. Gostei da historia e dos personagens, mas Raoul é muito sofrido, nossa, da primeira a última página ele vive um drama, sua falecida esposa é uma sombra que o atormenta e eu fiquei muito curiosa para saber em qual circunstância ela morreu, já que é isso que quase o deixa louco.

Gaby gosta de Raoul desde a infância e quando ele retorna é uma felicidade, porém ela irá sofrer muito com a rejeição dele após o casamento. O pior é quando ela descobre o motivo que ele casou-se com ela. Na maior parte do tempo o relacionamento deles é bom e as paisagens nas quais eles passavam me fez suspirar, quase um conto de fadas.

Uma história rápida e boa de ler, se você vai ler não espere nada de mais é um passatempo mesmo.

Ele surgiu do nevoeiro. Era alto, de ombros largos e sombrio como a noite enquanto se movia furtivamente por entre as lápides com estátuas de anjos alados e querubins gordinhos suspensos sobre os túmulos como fantasmas em meio à névoa. Gabriella estremeceu ao reconhecê-lo... Seria alívio? E, pela primeira vez nesse dia se sentiu aquecida. 
- Ele é escória? – ergueu o rosto e o fitou imaginando como um dia pudera pensar que amara Raoul... alguém que manipulava as pessoas, os fatos e a verdade para conseguir seus próprios objetivos. – E você? O que é? 

Leitura recomendada.

Outra capa:



9 comentários

  1. Oie!

    Esses livro são bons passatempos mesmo, e ótimo para carregar na bolsa.
    Menina, ontem comecei a ler aquele que eu ganhei no sorteio no seu blog, "A colcha de despedida", estou adorando, ele é emocionante. E bom para carregar na bolsa, pq o outro que estou lendo é muito grosso (inferno de Dan Brow).

    Beijos*

    ResponderExcluir
  2. Katielle, não estou em uma faze de romances, sabe? Mas o fato de ser uma leitura rápida é ótimo, principalmente na falta de tempo que ando!

    Abraços, Isabela.
    www.universodosleitores.com

    ResponderExcluir
  3. Gosto de historias assim pra ler rapidinho numa fila ou na espera de algum médico, faz tempo que to precisando comprar alguns novos fico só relendo os antigos que tenho.

    ResponderExcluir
  4. Não gosto desse tipo de livro, já falei isso inúmeras vezes, hihi. Mas ele parece ser mesmo só um passatempo, nada muito sério ou cheio de expectativas >.<

    ResponderExcluir
  5. É bom saber que a leitura desse livro é rápida! Estou numa fase agora que necessito de um livro assim!

    Gostei muito da história!

    Beijinhos

    As Leituras da Mila

    ResponderExcluir
  6. Eu ainda não pude ler literatura de banca, mas gostei muito da sua resenha. Parabéns!E fiquei bem curiosa para poder conferir e conhecer.
    Bjuss

    ResponderExcluir
  7. Ah eu não consigo ler quase 200 páginas em 2 horas, :/

    ResponderExcluir
  8. Passatempo de vez em quando é bom, só de vez em quando. Mas não gostei muito do sofrido, ops do Raoul. rs Exatamente por esse drama que você citou, achei chato isso. Pelo que você falou a história é bem clichê, eu até gosto. Mas acho que esse livro, eu não lerei.
    Gostei mais dessa outra capa, só não gostei da cara dos modelos da foto. Muito sem sal. rs

    ResponderExcluir
  9. Ah! Que fofo! Depois de uma perda, o amor de infância retorna. Eu gosto dos livros da Harlequin, pois a leitura sempre flui muito bem.
    Gostei da outra capa também.

    ResponderExcluir