28 de julho de 2017

Minha Estrela Favorita - Susan Elizabeth Phillips

Livro: Minha Estrela Favorita
(First Star I See Tonight)
Chicago Stars #8
Autor (a): Susan Elizabeth Phillips
Número de Páginas: 304
Editora: Gutenberg
Compre aqui e aqui.

Sinopse: Aquele era um bom dia para ser Cooper Graham. Aliás, todos os dias eram. Afinal, para o ex-quarterback do famoso time Chicago Stars a vida é como um jogo do Super Bowl e ele é sempre o vencedor. Acostumado com a fama e com o assédio dos fãs, Cooper sabe identificar muito bem quando algum admirador está passando dos limites – e não gosta nem um pouco quando começa a ver um rosto familiar em todos os lugares aonde vai. 
Piper Dove é uma mulher de fibra guiada por um sonho: reerguer a empresa de investigações de sua família e se tornar a melhor detetive de Chicago. E a sorte parece estar do seu lado quando ela recebe uma missão (im)possível: seguir a estrela do futebol americano Cooper Graham. Ela só não esperava que sua sorte duraria tão pouco... 
Cooper não fica nada feliz quando descobre que está sendo espionado, e Piper, para escapar de um processo, começa a trabalhar para ele a contragosto. Mas quando descobre que a vida de Graham pode estar em perigo, Piper se vê diante do que pode ser o grande caso de sua carreira e decide que vai protegê-lo, quer ele queira, quer não. 
Agora duas pessoas que não admitem a derrota são escaladas para o mesmo time. O único problema: elas não sabem jogar em equipe e vão desafiar os limites um do outro para conseguir o que desejam. E para isso vale usar todas as armas, inclusive a sedução.

RESENHA por Luciana Corrêa da Silva.

Olá, tudo bem?

Hoje trago a resenha de um lançamento da Gutenberg no Brasil, chamado Minha Estrela Favorita. Escrito por Susan Elizabeth Phillips, escritora desde 1983, seus livros passaram a ser publicados em mais de 30 idiomas diferentes e entrou para a lista de bestsellers do New York Times. Susan também já recebeu várias vezes o prêmio Favorite Book of the Year da Romance Writer's of America.

Piper Dove é uma mulher simples e sem aspirações mirabolantes, tudo o que ela quer é manter de pé a agência de investigação de seu pai. Ela precisou fazer várias concessões para ter a empresa, entre elas, precisou comprar de sua madrasta a parte de sua herança. Mas ela é forte, foi criada por um pai que, além de lhe ensinar tudo o que sabe, lhe ensinou a ser a mais durona de todas as garotas. Assim, para sobreviver e poder também levantar o dinheiro necessário para se manter e manter a empresa funcionando, ela faz o necessário para ser a melhor detetive, pois essa é a grande paixão de sua vida.

Ela é contratada para investigar um grande astro do futebol, uma grande lenda que deixou os campos no auge da carreira e agora investe no ramo do entretenimento noturno. Para o famoso jogador Cooper Graham todos os dias são maravilhosos, ele é rico, famoso e tem todas as mulheres aos seus pés… Num dia normal, quando corre pelo parque da cidade, ele tem a certeza de que é seguido e aí sua vida muda totalmente. Ele é acostumado ao assédio e percebe quando alguém passa dos limites e é por isso que ele encurrala Piper, para saber o que ela quer com ele.

Tudo o que Piper mais quer é reerguer sua empresa e se tornar a melhor detetive de Chicago, mas o que ela não esperava era que seu principal trabalho acabasse tão cedo, pois foi descoberta muito rápido, não teve nenhuma chance contra o quarterback Cooper Graham. Assim, Piper é ameaçada por ele: se ela não contar quem o mandou investigar, ele a processará. Ela sabe que um processo judicial fechará de vez suas portas, mas também sabe que sem ética não se vai a lugar nenhum e não conta nada. Ele admite que ela tem valor, que ela pode ajudá-lo e acaba por contratá-la como funcionária de sua casa noturna.

Quanto mais ela se envolve na vida dele, mais percebe que há algo errado e que a vida de Graham pode estar em perigo. Ela não admite derrota, ele não admite ser tratado como um inválido que não pode cuidar de sua própria segurança… Mas, quando Piper descobre que a vida de Graham pode estar em perigo, se vê diante do que pode ser o grande caso de sua carreira e decide que vai protegê-lo, quer ele queira, quer não.

Tanto Piper quanto Graham são vencedores e lutadores natos. São treinados a enfrentar as piores situações e saírem vitoriosos. Nenhum deles admite perder e agora terão que jogar no mesmo time, se quiserem resolver essas situações esquisitas e perigosas que estão em suas vidas. O problema é que ambos são acostumados a cuidar de tudo sozinhos e não saberão como fazer isso em equipe. Irão desafiar perigosamente os limites um do outro para conseguir o que desejam. Piper quer sua vida estabilizada e seu trabalho honesto e dedicado, Graham quer muito mais, pois esse homem não sabe o que é limite e usará tudo o que tem para seduzir e conseguir o que quer.

Eu não conhecia essa autora e estou absolutamente encantada com a escrita e com o enredo desse livro. Ela consegue encantar com uma história leve, alegre e divertida, permeada por momentos apreensivos e uma carga de sensualidade bem dosada e também muito quente. Lemos uma espécie de contos de fadas modernos, escrito de forma espirituosa e com pitadas de leveza do dia a dia.

Os personagens são maravilhosos e os secundários são muito presentes na trama que só nos faz ler cada página que vem, mais rapidamente que a anterior. É um livro leve, divertido e bem atual, que a cada página lida se encaminha para um final lindo, de morrer de amor.

Super recomendo a leitura para quem ama os romances modernos, onde o foco é uma jovem batalhadora e cheia de personalidade e um jogador muito sexy e cheio de amor pra dar.

Até a próxima ;)

Chicago Stars:
01. It Had to Be You;
02. Heaven, Texas;
03. Nobody's Baby But Mine;
04. Dream a Little Dream;
05. This Heart of Mine;
06. Match Me If You Can;
07. Natural Born Charmer;
08. Minha Estrela Favorita.

Outras capas:

  



Um comentário

  1. Oi Lu, olha que coincidência, estou terminando a leitura desse livro e curti demais a resenha assim como tô curtindo o livro. Já ri muito com Piper e Cooper, que são protagonistas mais maduros, ela com 33 e ele com 37 anos e não poderiam se meter em mais confusões. Também não conhecia a autora e espero que a editora traga outros livros dela por aqui, até mesmo os anteriores, já que esse não é o primeiro da série :/ :D

    ResponderExcluir